4 maquiagem exercito

4 maquiagem exercito
Avalie esse artigo

Verde militar é umas das cores atemporais mais usadas nas estações frias. O tom neutro de verde é peça fundamental no guarda roupa de quem quer um toque de cor mesmo nas estações mais frias como outono e inverno onde prevalecem cores neutras como o branco, preto e cinza.

Mas não é só nas roupas, sapatos e acessórios que a cor se tornou um coringa. O verde militar também está muito presente nas maquiagens. A cor garante uma make discreta e despojada ao mesmo tempo e pode ter várias combinações.

Hoje vamos ensinar uma maquiagem estilo exército, bem marcada com uma sombra verde escura, preto e um toque de verde mais claro e com brilho para deixar a maquiagem bem dramática e elaborada.

Ver também: LIÇÕES SOBRE CÍLIOS QUE TODAS AS MENINAS IRÃO SE IDENTIFICAR

Vale lembrar que o tom verde militar fica ótimo em todos os tons de pele. Nas mais branquinhas deixa o destaque por conta da maquiagem enquanto nas mais morenas cria um contraste incrível. Então não tenha medo de usar essa maquiagem, garantimos que ela combina com qualquer tom de pele.

Como o olhar vai ser o foco da maquiagem, vamos fazer uma pele com acabamento bem matte, combina também com a seriedade que a cor passa. Comece preparando a pele lavando com um sabonete específico, tonificando e hidratando o rosto.

Em seguida passe o primer para uniformizar o rosto, diminuir os poros e ajudar na fixação da maquiagem.

Escolha uma base com acabamento matte, quem tem uma pele muito seca, pode misturar um pouco com uma base hidratante para o produto ficar confortável na pele e não correr o risco de craquelar. Espalhe a base com as mãos e depois dê batidinhas com o auxilio de um pincel ou uma esponjinha.

Passe um corretivo líquido um tom abaixo da sua pele para dar uma iluminada no olhar sem brilho.

Aplique o corretivo como um triângulo invertido, com a base abaixo dos olhos, descendo até metade do nariz e depois indo em direção à têmpora. Esfume dando batidinhas com a esponjinha.

Lembre sempre de umedecer e tirar o excesso de água da esponja antes de esfumar o produto na pele, a esponja umedecida deixa um aspecto mais natural no rosto. Passe o corretivo líquido na testa, nariz e queixo e esfume bem.

Sele a base e o corretivo na pele com uma camada de pó translúcido ou pó compacto bem fininho. Marque com um bonzer opaco abaixo das bochechas, da costeleta em direção aos lábios esfumando bem e levando um pouco da cor do bronzer para as bochechas.

Para facilitar na hora de criar o formato da sombra nos olhos, cole uma fita adesiva do final dos cílios inferiores em direção à sobrancelha. Não precisa colar a fita muito rente ao cílio, pois iremos fazer o delineado inferior com a sombra um pouco mais grosso que o normal para um resultado bem dramático.

Passe um primer de olhos, um fixador de sombras ou corretivo para aumentar a pigmentação da sombra e a durabilidade da make. Comece marcando o côncavo com uma sombra verde bem fechada, quase chumbo.

Marque do canto externo até o canto interno, levando bastante sombra também para a parte interna do olho. Esfume bem toda essa área com movimentos de vai e vem. Desça um pouco da sombra para o canto externo da pálpebra móvel.

Com um pincel lápis, pegue uma sombra chumbo opaca e se não tiver uma sombra preta opaca, retire o excesso para não ficar muito intenso e marque toda a dobrinha do olho, do canto externo ao canto interno.

Volte com o pincel fofinho, coloque um pouco mais de sombra verde escura e esfume essa marcação na dobra do olho com movimentos vai e vem e movimentos circulares para levar um pouco da cor para o côncavo.

Não se esqueça de esfumar também na parte interna do olho.

A parte interna vai ficar um pouco mais marcada que as maquiagens comuns para garantir um visual ainda mais dramático para o olhar. Leve a sombra que está no canto interno do côncavo para o canto interno da pálpebra móvel, pegando também um pouco da parte inferior. Aqui, ao invés de iluminar o canto interno com uma sombra brilhosa e clara, vamos deixar esse tom de chumbo verde.

Na parte da pálpebra móvel que está sem sombra, um pouco depois do canto interno até quase chegar ao canto externo passe uma sombra verde que seja um pouco mais clara, mas inda assim um tom um pouco mais fechado de verde.

Volte com o pincel de esfumar e sem retirar o excesso de sombra dele, esfume um pouco a divisão de cor na pálpebra móvel para que a transição fique suave. Com o pincel lápis e um pouco da sombra verde escura e da sombra chumbo ou preta, esfume rente aos cílios inferiores, do canto externo até o meio da pálpebra.

Limpe o pincel e aplique a sombra verde mais claro no meio da pálpebra e pare antes de chegar ao canto interno que está feito com a sombra verde escura e chumbo. Com um pincel limpo ou o auxílio do dedo mindinho, esfume essa parte rente aos cílios inferiores até suavizar a divisão brusca das cores.

O efeito desse olho é o côncavo vem marcado do canto externo ao canto interno e o começo da pálpebra móvel escura, o meio mais claro com um verde um pouco mais claro e depois novamente o tom mais escuro no canto externo.

Retire a fita adesiva com cuidado e com o pincel de esfumar bem de leve na mão, esfume a borda do olho para que o risco feito com a fita não fique não reto e marcado, suavize bem as bordas.

Para finalizar escolha um pigmento que não seja muito brilhoso e tenha um fundo dourado esverdeado e deposite em cima do verde mais claro no meio da pálpebra móvel e também na linha rente aos cílios inferiores na parte do verde mais claro.

Finalize com um lápis preto na linha d’água e algumas camadas de rímel. Não use delineador para deixar o efeito do olho bem visível. Nos lábios escolha um batom nude com fundo amarronzado e acinzentado.

 

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: