Alimentos Que Combatem a Queda de Cabelo

Alimentos Que Combatem a Queda de Cabelo
Avalie esse artigo

Quer saber quais os alimentos que combatem e previnem a queda de cabelo? Saiba como repor os nutrientes essenciais para acabar com a queda e ter cabelos fortes.

De nada adianta investir nos mais variados cosméticos se tudo o que você precisa é apenas de uma boa alimentação. Uma dieta saudável melhora a aparência de nossa pele e cabelos, além de ajudar manter a boa forma, melhorar a saúde e evitar inúmeros problemas, e são os alimentos ricos em vitaminas e em proteínas que são os necessários para uma preservação capilar devida. Podemos obter nossos resultados utilizando alguns desses alimentos tanto colocando diretamente em nossos cabelos quanto no consumo habitual dos mesmos. Beber muita água também é imprescindível, e é este mineral nossa maior fonte de hidratação para todo o corpo. Bem sabemos também que maneirar no stress é uma ótima pedida para quem quer combater a queda de cabelo, pois seu sistema nervoso influi diretamente na sua saúde capilar.

A perda do brilho, a quebra e a queda são fatores indicativos de que alguma coisa não está nada bem com nossos fios. Atente para os sinais que seu cabelo dá e saiba o que fazer. Há estudos que afirmam que os principais frutos dos diversos problemas manifestados por através dos nossos cabelos são também as modificações hormonais, as alterações medicamentosas e algum trauma ocorrido por volta de três meses antes do período da queda. Mas, ainda assim, os maiores vilões dos nossos cabelos ainda são: o açúcar, o carboidrato refinado (todas as massas e pães brancos) e o álcool. Estes alimentos elevam os níveis de insulina presentes no sangue, fazendo com que haja um desequilíbrio de alguns hormônios e ocorra um efeito negativo sobre os nossos folículos capilares.

Ver também: Atitudes Simples Que Deixam os Cabelos Bonitos

Optar por alimentos biológicos e não processados são a saída para que você consiga uma melhora significativa na queda de seus fios, pois a concentração de muitos químicos e conservantes pode causar sérios problemas dermatológicos (cabelos e unhas são parte da pele também!). E vale apostar nas vitaminas do complexo B; estas vitaminas são muito sensíveis ao calor, por isso é indicado que sejam consumidas cozidas no vapor ou cruas mesmo.

No entanto, vale ressaltar também que a má alimentação não é a única culpada pela queda de cabelo. Problemas na glândula tireoide, stress, o uso dos secadores de cabelo e das pranchas térmicas, recuperação de cirurgias, casos de calvície na família (se houver), banhos muito quentes e até mesmo o uso frequente de chapéus e bonés podem influenciar na queda de seus fios.

Listamos os seguintes alimentos que ajudam a combater a queda de cabelo:

Arroz, feijão e lentilhas: estes alimentos são ricos em aminoácidos, que são os princípios básicos para a formação das proteínas, que logo formam o colágeno e a queratina que envolvem os fios e os previne de queda, se consumidos regularmente.

Frutos do mar e salmão: o primeiro é a base para a formação das proteínas, pela presença do magnésio. Já o segundo, além da alta quantidade de proteínas, é importante para o consumo pela excelente quantidade de ácido graxo ômega 3 e selênio, que melhoram a circulação, combatem inflamações, controlam a chegadas dos nutrientes e protegem o couro cabeludo de radiações ultravioleta.

Leite e derivados: esses alimentos impedem que os cabelos fiquem fracos e sem brilho, por serem ótimas fontes de cálcio. E é verdade sim que a perda de cabelo pode estar diretamente associada com a intolerância à lactose.

Soja: é outra excelente fonte de proteína, minimizando o perigo de haver a queda dos fios e de eles ficarem opacos, fracos, finos e sem brilho. Ela contém também a biotina que é um nutriente responsável por prevenir que o cabelo fique quebradiço. E este grão ainda ajuda a melhorar a circulação sanguínea.

Espinafre: este mineral é peça fundamental para a formação das hemácias (os glóbulos vermelhos) e a nutrição dos folículos pilosos, por conter bastante ferro. Controla a queda, perda de brilho, ressecamento, fraqueza dos capilares e a oleosidade do couro cabeludo, fortalecendo a raiz dos fios e normalizando o ciclo de seu crescimento.

Alecrim: também é extremamente rico em antioxidantes, o que combate os radicais livres e permite o retardo da degeneração do folículo capilar. O chá também melhora a circulação do sangue no couro cabeludo. Além disso, é uma ótima dica usar o chá de alecrim também diretamente nos cabelos, pois ele tem ação anti-caspa e fortificante. (receita caseira do chá de alecrim para o cabelo no fim)

Cenoura: por conter betacaroteno, impede a ação dos radicais livres, que cobate a queda e a perda da melanina (pigmento que dá cor aos cabelos), e vitamina A, que interfere na oleosidade natural dos cabelos e os nutre, atuando diretamente nas células do couro cabeludo. As duas juntas propiciam o crescimento e o fortalecimento dos fios, se consumidas diariamente.

Aveia: esta melhora a aparência dos cabelos, pele e unhas, melhorando a multiplicação das células do couro cabeludo e controlando as alterações hormonais, permitindo o crescimento do cabelo, interferindo na queda e na perda de melanina. Este grão é rico em fibras, carboidratos, cálcio, ferro, vitamina E, vitaminas do complexo B, proteínas, magnésio e zinco.

Laranja: contém fibras que vão contribuir para a varredura das toxinas para fora do organismo, que em muita quantidade influem significativamente no aumento da oleosidade do couro cabeludo e no aparecimento da caspa.

Morango: os benefícios oferecidos por essa fruta são os flavonoides e a vitamina C. Estas substâncias colaboram para a microcoagulação do sangue no couro cabeludo, fazendo com que os fios nasçam mais rápido e resistentes, menos propensos ao ressecamento e a queda.

Receita caseira do chá de alecrim para o cabelo:

Ingredientes:

50 ml de água;

01 saquinho de chá de alecrim ou folhas do mesmo;

05 gotinhas de óleo essencial de alecrim.

Modo de preparo: faça o chá de alecrim bem forte e adicione as gotinhas do óleo, misture bem e passe em todo o cumprimento do cabelo, massageando bem. Deixe agir no mínimo por 30 minutos e em seguida lave o cabelo. Pode usar o chá 3 vezes por semana.

Se não quiser fazer a receita e aplicar o chá nos cabelos, basta você fazer um chá bem forte de alecrim e sálvia e misturar ao seu xampu. A medida é na proporção de um quarto de chá para um frasco de xampu. É mais simples, né?!

Este artigo te foi útil? Conta pra gente! E siga-nos no blog.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: