Aprenda a observar seu parceiro e como isso ajudará na relação

Aprenda a observar seu parceiro e como isso ajudará na relação
Avalie esse artigo

Observar pessoas e situações é uma forma que temos para entender a maneira como elas podem agir e até evitar conflitos porque ao observar alguém é possível perceber do que ela gosta e como age sem nem perguntar, é também uma maneira de conseguir soluções para questões problemáticas.

No relacionamento a percepção dos problemas pode ajudar a conseguir evitá-los ou resolvê-los ainda no início, quando é preciso observar o companheiro isso faz com que o vínculo amoroso aumente e seja mais fácil realizar algumas decisões baseadas no que sabe que o outro faria, de certa forma ao observar conseguimos analisar melhor a postura de uma pessoa e identificar seu perfil e suas ações

Ver também: Dicas para acabar com uma discussão da melhor forma possível

O que observar no parceiro?

Para observar o parceiro, é necessário somente observar sem apontar defeitos ou fazer críticas sobre suas decisões para que ele haja naturalmente e não seja influenciado por algo que te pareça melhor a se fazer.

Assim poderá diagnosticar situações conflituosas antes mesmo que elas comecem a causar os primeiros problemas à relação, e até mesmo conseguir desenvolver uma solução. Observar uma pessoa é uma maneira de conhecê-la mais á fundo sem que precise procurar saber muito, com as ações podemos dizer coisas bem além do que seria falado e mostrar o que verdadeiramente é.

 A linguagem do parceiro

Nas palavras e possível perceber o que uma pessoa quer expressar, em um relacionamento deve-se avaliar o momento de afeto e as palavras que o parceiro utiliza para demonstrar carinho, pois muitas vezes não é possível expressar com atitudes e as palavras bem colocadas podem ser de grande ajuda.

Também é possível fazer esta avaliação durante os conflitos onde os casais podem expressar os ressentimentos e as mágoas a respeito do companheiro é utilizá-los para se prevenir de algum conflito posterior, ou até mesmo concertar o que está errado.

O Silêncio

O silêncio pode descrever a ausência de diálogo entre o casal, algum problema que evidencie a falta de interesse em conversar.  Existem motivos no cotidiano que podem requerer um pouco de silêncio, mas que muitas vezes causam uma interpretação equivocada a respeito da falta de diálogo.

E sabendo identificar o tipo de silêncio pode-se conseguir iniciar uma conversa e oferecer ajuda ao companheiro, mas é preciso ter cautela para não ser muito invasiva ou expressar cobrança em querer saber o motivo do silêncio que o outro oferece.

As ações e reações

Observar a maneira como o parceiro age quando você reclama ou quando você o elogia é uma forma de entender como está o relacionamento de vocês, e quais as situações em que ele se sente pressionado, as ações e reações a respeito do relacionamento informam como vai à situação amorosa do casal por parte do parceiro, e sempre válido observar as atitudes que o parceiro toma para melhorar a convivência.

As expressões faciais

Reconhecer as expressões faciais de uma pessoa é uma maneira de conhecer o que ela está sentindo, observar as expressões faciais do companheiro pode trazer grandes benefícios ao relacionamento para que conheça suas emoções. 

Benefícios de observar o parceiro

Em um relacionamento composto por um casal, é sempre preciso que os dois em conjunto saibam lidar com situações adversas a harmonia da relação e aprender a entender os sentimentos do outro nas expressões faciais e corporais para que consigam encontrar soluções e saber como ajudar.

Aprender a entender a fala e os gestos do companheiro é um ponto significativo para manter a relação equilibrada, já que muitas vezes o companheiro mantém o silêncio e não quer falar sobre assuntos que possam aborrecê-la ou trazer desconforto para a convivência a dois.

Observar os gestos e expressões quando o parceiro está preocupado ou aborrecido podem fazer grande diferença para que não cometa falhas em um momento que o outro precisa se distanciar e avaliar as situações que causam o silêncio.

Observar o parceiro pode auxiliá-la a prever uma reação que para muitos pode ser inesperada, mas se você o conhece bem saberá o que está por vir de acordo com que já conhece do companheiro, e assim não será pega de surpresa com alguma eventualidade que pareça diferente com que ele realiza.

Observar as atitudes é uma maneira de conhecer melhor, sem precisar que o companheiro conte o que sente ou que se passa pela cabeça dele, avaliar atitudes e aprender a lidar com elas pode ajudar o relacionamento em muitas ocasiões que normalmente podem causar um conflito.

Saber reconhecer expressões corporais ajuda a perceber quando o parceiro está nervoso ou irritado, para muitas pessoas essas expressões não fazem a mínima diferença, mas para um bom observador não e preciso ouvir nenhuma palavra para atestar o estado de ânimo do outro, pois somente na maneira em que ele comporta e possível reconhecer as alterações de humor que lhe acometem.

Porque observar o parceiro

Observar o parceiro é uma maneira de aumentar o vinculo afetivo, pois aprendendo a utilizar o que observou para compreendê-lo fará com que o companheiro se aproxime e queira saber como você consegue entendê-lo sem que ele realmente precise manifestar o que realmente está incomodando.

Conhecer o parceiro vai muito além de saber quem ele é e conhecer seu gosto musical, atitudes e imperfeições fazem parte do cotidiano e saber qual tipo de comportamento seu companheiro tem quando está com você pode ajudá-la a entender as atitudes que tomaria ou não quando está sozinho e ensiná-la a confiar mais.

Observar para conhecer é uma maneira mais pratica de desenrolar algumas situações pendentes que podem ocasionar o fim do relacionamento, isso porque para o companheiro se abrir e dizer o que esta incomodando pode ser um pouco mais difícil se vocês não trabalham a questão de manter um diálogo ou não costumam contar todos os problemas ou soluções ao outro.

Aprender diariamente com o companheiro pode auxiliar o relacionamento em diversas questões, constituir hábitos de diálogo ou expressões que o outro possa compreender é uma forma de intimidade tão forte quanto à vida sexual e ajuda a manter o relacionamento.

 

 

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: