As cinco melhores maneiras de prever se o seu relacionamento vai se romper em breve (Imperdível)

As cinco melhores maneiras de prever se o seu relacionamento vai se romper em breve (Imperdível)
Avalie esse artigo

Sinais de que seu relacionamento romperá em breve

As coisas que você deve observar pra ver se seu relacionamento irá romper em breve. Qual é o segredo dos casais felizes? Não poucos pesquisadores sociais levantaram a questão, mas ninguém encontrou verdades absolutas. Há casais que baseiam sua estabilidade no afeto, outros são baseados na paixão e há alguém que enfatiza a compatibilidade intelectual. Todos eles têm seus truques e segredos.

O amor é igual em toda parte e todos podemos experimentar de maneiras diferentes em cada um de nós. O que está além de qualquer questionamento é que  enquanto o casal mantenha o amor, conseguirão criar algo mágico. Nunca iremos saber como funciona uma relação de amor no seu interior, pois isso é de cada um. Você tem questionamentos sobre a força do amor dentro do seu peito? Tá na hora então de se atentar a essas perguntas.

Ver também: Coisas que somente os casais apaixonados fazem (Imperdível)

Existe uma confiança real no cara que tá contigo

A honestidade é a base de todos os relacionamentos amorosos. Se isso é perdido, e meias verdades, segredos e suspeitas surgem, algo muito importante está falhando. A realidade é que sem confiança é impossível manter um relacionamento ao longo do tempo.

Para saber se você realmente confia no seu parceiro, você deve se fazer uma série de perguntas: você realmente confia nela? Você faz o que ele te promete? Você cumpre o que você prometeu a ela?

Casais que perduram sabem lidar com a desconfiança e assim que aparecem, eliminam logo ela. Eles levantam abertamente a situação e ataca ela na raiz. Infelizmente, se surgir uma desconfiança e ela não for tratada a tempo, a fenda se tornará cada vez maior e, uma vez que as mentiras apareçam, o casal pode ser considerado acabado.

Sua personalidade muda quando você está com seu parceiro

Recusar a levar sua namorada para as reuniões de seus amigos, é clássica. Quantos homens não passaram por isso. Esses caras sempre lidam de maneira totalmente diferente quando estão com o parceiro, que provavelmente não conhece muito do seu ser (aquele que reservam para estar com os amigos). Você é você mesmo quando está com sua amada? Se a resposta for não, você acabará ferindo o seu parceiro e o final será inevitável.

Você pode viver momentos prolongados de intimidade com seu parceiro sem ficar entediado

Os professores de comunicação Ronald B. Adler e Russell F. Proctor II identificam quatro maneiras pelas quais podemos nos sentir conectados ao nosso parceiro em seu manual educacional, Looking Out, Looking at it (Wadsworth Publishing). Para saber se o nosso amor realmente funciona, devemos considerar se abordamos essas quatro dimensões da intimidade. É possível que fracassemos em alguns deles e possamos trabalhar para consertá-lo, mas se falharmos em todos estamos diante de um problema real.

Vocês são como uma equipe mas mantém a individualidade

O casal é uma equipe. Mas não devemos perder a individualidade e a essência de cada um. Vocês estão nessa equipe, então vocês estão separados, não esqueçam. Procure hobbies para compartilhar juntos além do dia a dia, rotina e obrigações.

É importante que você tenha tempo livre de qualidade fora do casal é muito positivo no nível individual e, portanto, para o seu relacionamento. Não finja nem queira mudar seu parceiro. Se você quiser alguém está com todo o seu kit; bom e não tão bom. E essa é a chave para um relacionamento, respeito pelas particularidades. Dedique momentos de qualidade todos os dias. Mesmo que o tempo compartilhado seja pequeno, deve ser real e positivo.

Intimidade física

É o mais óbvio de todos. Inclui abraços, beijos, carícias e, claro, sexo, que é a expressão máxima do casal. Claro que com o tempo isso vai mudando e deixando de ser tão forte assim, diminuindo com o tempo, o desaparecimento absoluto pode dizer que algo está falhando no casal.

Intimidade emocional

A nossa parte interior é o que permite dar ao nosso parceiro, nosso amor. Se não respondermos bem a isso nem a pergunta/resposta “como você se sente?”, Falhamos nesse ponto. Se você não sabe como perguntar e nem responder a isso talvez é porque seja incapaz de sentir.

Intimidade intelectual

A intimidade intelectual é uma das mais belas coisas dos casais que perduram juntos por muito tempo. Ser capaz de falar sobre temas polêmicos sem discutir ou ficarem entediados quando estão sozinhos, é maravilhoso

Quando Francesca, a jovem Meryl Streep, encontra o fotógrafo Robert Kincaid, interpretado por Clint Eastwood, em “The Bridges of Madison”, ela percebe que seu casamento está quebrado. Pouco a pouco ela descobre que se apaixonou por outro homem e que em seu relacionamento não há mais paixão, apenas o amor permanece depois de tantos anos juntos.

Como Francesca, muitos homens e mulheres acham que encontraram sua melhor metade quando decidem compartilhar suas vidas, no entanto, com o tempo eles assumem que não é o casal, mas apenas mais um. Mas nem todo mundo vê um interessante Clint Eastwood ou uma atraente Meryl Streep parecerem entender que o casamento deles foi quebrado.

É difícil identificar que você entrou numa fase de monotonia em que duas pessoas compartilham seu dia a dia e não há mais amor. É possível saber se um relacionamento foi quebrado? Vários terapeutas dizem sim e explicam quais são os dois sinais de alerta que revelam que a relação se romperá em breve.

1) Você está sempre em falta

A comunicação é o pilar no qual um relacionamento é baseado. Se aos poucos isso enfraquece, as primeiras rachaduras começam a aparecer. Às vezes o problema é que não é falado e em outros que é falado mal, desde que as reprovações aparecem e os defeitos são enfatizados. Como a conselheira matrimonial Julienne Derichs explicou à “Bravo TV”, “se o seu namorado ou namorada não quiser resolver conflitos com você e culpá-lo por todos os problemas que eles têm, você se encontra em um relacionamento sem futuro”.

A única maneira de continuar juntos é dialogar e resolver as diferenças em conjunto, e se um dos dois não estiver disposto a assumir que o namoro parou de funcionar. O ditado diz que se você se apaixonar por duas pessoas, fique com a segunda porque se você estivesse apaixonado pela primeira, você não teria notado outra

2) Você não tem tempo para si mesmo

Para um relacionamento se manter vivo, crescer e prosperar, é necessário compartilhar momentos, seja um jantar, uma saída para o cinema ou um quarto de hora para tomar um café juntos. Às vezes é uma tarefa árdua, já que o trabalho, as crianças ou a casa dificultam o ajuste dos horários, mas se não houver um curto espaço de tempo com a outra pessoa, problemas de comunicação começam a aparecer. Se, além de ter inúmeros impedimentos, não nos esforçarmos porque não queremos, é, sem dúvida, um sinal que você deve levar em conta.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: