CARÊNCIAS AFETIVAS: TOME CUIDADO!

CARÊNCIAS AFETIVAS: TOME CUIDADO!
Avalie esse artigo

A capacidade do ser humano em amar, aprovar e aceitar o outro é representada pelo carinho e o pelo afeto. É de extrema importância que seja recíproco – é tão importante receber carinho quanto dar. Segundo pesquisas, uma parcela da população brasileira afirma nunca terem recebido carinho na vida, enquanto outra parcela afirma que nunca deu carinho a alguém.

Essa pesquisa revela o porquê de existirem tantas pessoas com carência afetiva no Brasil. A carência afetiva é uma extrema dependência emocional, ou seja, uma pessoa só vai se sentir feliz e amada por completo se estiver na presença de outra.

Essa dependência pode ser um grande problema dentro de relacionamentos, pois não é possível que um parceiro consiga saber e suprir todos os males que afetam a outra pessoa.

Ver também: COMO CONQUISTAR NAMORADO DA MELHOR AMIGA?

COMO A CARÊNCIA AFETIVA É DESENVOLVIDA?

Aquela velha história de que todos os nossos traumas de criança afetam as nossas vidas adultas é verdade: as nossas relações primárias são as que vão ditar as nossas relações futuras. Quando crianças, necessitamos de amor, carinho e atenção. Se essas necessidades não forem supridas, a criança não vai saber como é receber carinho e atenção nem como é retribuir isso.

Entretanto, isso pode acontecer se a criança foi abandonada, rejeitada ou ainda em situações que impediram ela de ter as suas necessidades supridas totalmente.Por outro lado, o excesso também pode ser prejudicial. Ela não entenderá que o excesso de carinho não é algo normal, o que pode desencadear em uma carência afetiva também.

As crianças que crescem recebendo muito carinho e atenção dos pais acabam acreditando que não conseguem fazer nada sozinhas e de que precisam de alguém para tudo. Inclusive acreditam que não conseguem se amar sozinhas e que precisam de alguém que faça isso por elas. Essa situação desencadeia como consequência o condicionamento da felicidade aos outros.

Na vida adulta, quando as pessoas condicionam a felicidade delas nas mão de outras pessoas além do estresse pela elevada expectativa dentro de um relacionamento, elas podem gerar ainda o desconforto e a decepção amorosa por não conseguirem o que desejavam.

Outro motivo que comprova que os traumas infantis afetam os adultos é que quanto menos uma pessoa pratica o ato de dar carinho a outra, torna-se mais difícil para ela praticar essa ação no futuro. Isso é consequência de a pessoa se fechar emocionalmente e não dar espaço para que outras mostrem a ela como fazer isso.

Caso você sofra de carência afetiva, o melhor método para não acabar com a sua relação é tratar as suas dores de infância e se livrar da dependência afetiva que você tem.

SINTOMAS DA CARÊNCIA AFETIVA

Existem algumas características comuns as pessoas que sofrem de carência e dependência amorosa e afetiva, além de se mostrarem necessitadas em relação a falta de carinho.

As características mais marcantes são estas:

– Depende muito da outra pessoa para conseguir a felicidade;

– Por medo de não encontrar alguém, acaba sendo submissa e tem o hábito de aceitar qualquer condição que lhe é imposta;

– Não consegue manter relacionamentos duradouros, já que não é fácil manter uma pessoa feliz em todos os momentos e isso acaba se tornando um fardo para o parceiro;

– Ciúmes em grande nível e o controle da vida do outro;

– Não é seletivo quanto as pessoas com quem se relaciona, pois do ponto de vista de uma pessoa carente, qualquer companhia é melhor do que permanecer só;

– Constantemente fica se comparando a outras pessoas e faz afirmações de que é inferior a elas;

– Cobranças excessivas dentro dos relacionamentos, podendo ser eles de amizades, familiares ou amorosos;

– Precisa ficar o tempo inteiro chamando a atenção das pessoas (e recebendo a atenção delas);

– Busca se vitimizar para que as pessoas ao seu redor fiquem comovidas com a situação.

FORMAS DE TRATAR A CARÊNCIA AFETIVA

Não é fácil admitir que você tem um problema, mas é o primeiro passo para tratar o problema. Não adianta ficar chorando ou buscando em outros lugares o que você pode buscar dentro de si mesmo.

Vamos dar algumas dicas de como se sobressair em relação a carência e você verá que é mais simples do que pensa, além de você conseguir fazer a maior parte do tratamento sozinho.

1 – VOCÊ TEM QUE FICAR SOZINHO

Nesse caso, não quer dizer que você nunca mais poderá ou deverá se relacionar com alguém. Vale lembrar que antes de ficar com alguém, você tem que preencher o seu vazio sozinho e que ninguém poderá fazer isso por você.

Você tem que aprender a gostar de você mesmo, a se relacionar consigo mesmo e a gostar de estar em própria companhia. Só a partir disso é que você vai conseguir escolher alguém para te acompanhar, e não pelo medo de ficar sozinho ou ainda para suprir a necessidade da sua carência afetiva.

2 – VOCÊ TEM QUE APRENDER A SABER O QUE É O AMOR

Toda vez que o tópico amor entra em debate, a primeira associação que fazemos é a de que ele só existe dentro de um relacionamento a dois. Entretanto, existem tantas outras formas, como por exemplo, o amor parental, o fraternal e o de amigos queridos.

Comece a perceber o que eles fazem por você e o quanto isso significa para você. Você vai ver que todos os gestos que eles fazem para você se sentir melhor são porque eles te amam. .

O amor pode ser demonstrado de diferentes maneiras e não precisa ser necessariamente através da frase “eu te amo”. Mais vale atitudes de amor do que palavras vazias.

3 – AMOR PRÓPRIO

Aquele velho conselho é muito válido: amor próprio em primeiro lugar. Se você consegue amar uma pessoa com todos os defeitos e qualidades que ela tem, por que você não faz isso consigo mesmo?

Aprender a se amar vai te ajudar a diminuir a necessidade que você tem do outro e vai diminuir a carência afetiva.

4 – RECONHEÇA SUAS QUALIDADES

Reconhecer tudo o que você se tornou e conquistou ao longo da vida é importante. A partir do momento em que você tem o próprio reconhecimento, você terá que se “mimar”. Tire férias, dê a você mesmo tudo o que acha necessário e merece.

O reconhecimento próprio é um passo importante para que você consiga se amar e dar valor ao que você é. Começando a se amar, você verá o quanto a sua vida vai mudar e o quanto de segurança você vai ter daqui para frente.

Livro para Conquistar um Homem:

Pesquisamos na internet e descobrimos alguns Livros para Conquistar um Homem.

Após pesquisar tudo sobre Frases da Conquista, verificar a procedência e qualidade. Também verificamos o que tinha menos reclamações no Reclame Aqui e o que tem mais depoimentos mostrando resultados reais da eficácia.

O melhor Livro que ensina como Conquistar um Homem foi o Frases da Conquista.

Frases da Conquista Funciona?

Frases da Conquista é um Livro com técnicas simples de hipinose e comportamento humano. É um livro best-seller, segundo a autora mais de 130mil cópias vendidas até 2017. Um livro que já está sendo aplicado e tranformando a vida de mulheres que não sabiam como lidar com os homens.

A ÓTIMA NOTÍCIA é que está disponível a venda para todo Brasil pela Internet no site http://thaisortins.com.br

Depoimento e avaliações do Frases da Conquista:

No site oficial você encontra tudo como funciona o Frases da Conquista, aqui tem um depoimento de uma das leitoras do livro

Onde Comprar Frases da Conquista:

O Frases da Conquista é vendido SOMENTE no site oficial
Cuidado: tem falsificadores que se aproveitam do sucesso do Frases da Conquista para ganhar dinheiro ilegalmente vendendo o Frases da Conquista, não caia nessa armadilha, sempre compre no site oficial: http://thaisortins.com.br/. Qualquer outro site, inclusive mercado livre e outros vendem produtos falsificados e podem acabar te fazendo mau à saúde.

DESCONTO EXCLUSIVO do Frases da Conquista para leitores do blog:

CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO:
Conseguimos um desconto exclusivo por algumas horas para nossos leitores,
ATENÇÃO: Esse desconto encerra em: 05:31 minutos!
Saiba Mais
CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO »
Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: