Como Esquecer Um Amor Não Correspondido (IMPERDÍVEL)

Como Esquecer Um Amor Não Correspondido (IMPERDÍVEL)
Avalie esse artigo

Felizmente, você tem uma capacidade infinita de resiliência para superar essa dor, porque esse desconforto não é eterno, mas um período do seu destino. Nesse artigo, damos-lhe as chaves para virar a página e dizer-lhe como esquecer um amor não correspondido, baseado no cuidado da sua própria auto-estima como um potencial elemento de bem-estar. Porque, para esquecer essa falta de amor, você deve começar amando-se incondicionalmente.

Ver também: Como Entender se o Amor Acabou

7 dicas para esquecer um amor não correspondido

Pare de esperar.A fim de esquecer um amor não correspondido, é importante que você pense que todo o tempo que você passa esperando por alguém que não pertence é tempo perdido para você, porque enquanto você coloca sua vida em espera, essa pessoa continua com sua história. Pare de esperar. Tenha um gesto de orgulho saudável para acabar com esta situação. Continue com sua vida.

Imagine que você é o protagonista de um filmeque lida com o argumento do amor não correspondido. Qual título você gostaria de colocar nesta fita? E como você gostaria que fosse o final feliz do personagem que sofre essa falta de amor? Através da literatura e do cinema, você pode se projetar no espelho de muitas histórias que mostram como o amor não correspondido não é um drama, mas uma circunstância da vida.

Não confunda dor com sofrimento.O amor não correspondido dói, no entanto, quando você recria em todos os detalhes do que aconteceu, você sofre porque fica preso no plano do que poderia ser e não era.

Lembre-se dos detalhes que você não gostadessa pessoa. E se você não encontrar nenhum defeito, pense que simplesmente o idealizou. Se essa pessoa não corresponde a você, esse fato já pode lhe dar a força necessária para fugir de você, porque continuar no mesmo ponto vai fazer você sofrer. Feche a porta da esperança, não envie mensagens de falsas expectativas.

Racionalize o sentimento.Por mais que você esteja apaixonado, essa é uma daquelas situações em que você deve ouvir, especialmente a sua razão. E também, tente ouvir os conselhos daqueles parentes e amigos que lhe dizem para esquecer essa pessoa. Esses amigos não te dão essas dicas para te machucar em suas expectativas, mas porque querem sua felicidade e não querem que você sofra por mais tempo.

Corte o contato com essa pessoa, não apenas pessoalmente, mas também através das redes sociais.Se for uma pessoa que você deve observar regularmente por motivos de trabalho ou estudo, limite o contato ao que é estritamente necessário. Assuma esse compromisso consigo mesmo. Concentre-se em outras pessoas nesse ambiente e risque seu mapa mental para aquela pessoa que você quer esquecer.

Procure outras ilusões.Novos planos de lazer, projetos de trabalho, atividades familiares, viagens, novas leituras, tempo para você … Em suma, não paralise sua vida por esse amor não correspondido. Sua história continua e quando você investe em novas ilusões, tudo flui melhor. Através dessas ilusões, você compensa esse equilíbrio emocional do desencanto com outras esperanças que lhe dão uma energia otimista.

Como ter autoestima em amor não correspondido

Existem diferentes tipos de amor e autoestima é a sua fonte de bem-estar em qualquer circunstância. Como aumentar sua auto-estima nessa situação? Não tome essa situação pessoalmente. Que essa pessoa não te ama não tem nada a ver com o seu valor pessoal. Você é uma pessoa única, independentemente de seus sentimentos.

Você não é uma vítima, você é o protagonista de sua vida. Você é o protagonista dessa falta de amor. Enquanto o papel de vítima leva à compaixão, ao contrário, o papel de protagonista leva você à liberdade de tomar decisões.

Fale sobre o que aconteceu.É normal que você precise desabafar e expressar a raiva que sente em alguns momentos e a tristeza que sente nos outros. Mas fale sobre esta parte da sua vida com pessoas de sua confiança autêntica. Já que somente a verdadeira amizade é verdadeiramente terapêutica neste tipo de situação.

Seja paciente e dê tempo a si mesmo.Ninguém esquece um amor não correspondido de um dia para o outro. Não marque prazos. Simplesmente viva.  E a própria vida estará colocando em seu caminho novas alegrias e surpresas.

Vá para a natureza.Organiza excursões em contato com a natureza, já que os passeios no campo são nutritivos em nível psíquico, pois facilitam a introspecção, o silêncio e a paz.  Desta forma, desconecte-se daqueles pensamentos de dor e conecte-se com o presente física e mentalmente.

Não faça inesquecível uma pessoa que não mereça esse mérito em sua vida.  Essa pessoa não é culpada de não amar você. No entanto, não lhe dê o privilégio de ocupar uma posição prioritária em sua história, quando ele não tiver contribuído para sua felicidade através de seu tempo, suas palavras e suas ações.

Escreva uma carta de despedida. Não envie a mensagem para o destinatário. Simplesmente, expresse tudo o que você gostaria de dizer e sinta a força que esta mensagem lhe dá para marcar um ponto de virada em sua auto-estima, porque você é aquele que, através desse gesto, toma a decisão de esquecer essa pessoa para sempre. Aqui deixamos os sinais mais óbvios de dependência do casal para analisar sua situação:

Pensamentos obsessivos:algo muito comum entre casais com dependência é que eles têm algumas “obsessões”. Por exemplo, ciúme compulsivo ou desconfiança é um claro sintoma dessa situação emocional. Também é comum idealizar a pessoa com quem a vida é compartilhada ou ignorar as situações negativas que são vivenciadas dentro do casal.

Contato compulsivo:outra característica dos casais dependentes é que eles estão conversando com o dia todo por telefone, por mensagens, etc. E no momento em que um membro não pode contatar o outro, o habitual é que eles criem grandes discussões, desconfianças ou situações complicadas que são o resultado dessa toxicidade que existe no casal.

Falta de realismo no casal: outro sintoma muito comum é que o relacionamento é vivido de forma fantasiosa. Isto é, essa realidade não é aceita e as decisões nunca são tomadas a respeito. Esse tipo de relacionamento está condenado ao fracasso, mas, na maioria dos casos, o casal continua tentando de novo e de novo porque vê que é impossível que o relacionamento termine.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: