Como fazer make concavo marcado

Como fazer make concavo marcado
Avalie esse artigo

Côncavo destacado sempre é garantia de uma maquiagem bem feita, essa técnica deixa o olhar poderoso, profundo e sedutor. Não importa se você esfume bem ou se prefere deixar mais marcado, se faz com sombra marrom ou preta, o destaque ao realçar o ossinho na dobra dos olhos faz qualquer maquiagem simples ganhar um ar mais elaborado.

O mais comum nas maquiagens que vemos pela internet, tutoriais, vídeos e até em inspirações de famosas é o côncavo esfumado. Ele inicialmente é marcado no processo da make, mas depois bem esfumado misturando, harmonizando e suavizando com o resto das sombras do olho. O côncavo bem marcado já é uma técnica um pouco mais ousada e que combina mais para usar em festas.

Há ainda outro problema bem comum entre algumas mulheres na hora que conseguir encontrar e marcar essa parte poderosa do nosso olho, o olho com a pálpebra ‘gordinha’ ou das orientais acaba dificultando as mulheres a sentir melhor onde acontece esse vinco do olho. O osso não está tão proeminente, o que deixa muitas mulheres inseguras fazendo com na maioria das fezes ela optem por não destaca essa parte do olhar.

Hoje vamos mostrar alguns tipos de maquiagem com o côncavo bem marcado e também ensinar uma técnica infalível pra quem tem a pálpebra gordinha poder encontrar e marcar o osso sem problemas e conseguir usar as makes esfumadas ou bem marcadas no côncavo. Além disso, vamos mostrar um côncavo marcado e bem esfumado e outro mais com o risco mais evidente.

Ver também: Quem pode usar pó translúcido

O primeiro passo para uma maquiagem com côncavo marcado é justamente achar o dito cujo

Com a ajuda de um pincel fino e na posição vertical você vai encostar o cabo do pincel no canto externo, logo onde acaba a linha d’água em linha reta até chegar a sobrancelha. O côncavo é a parte onde o pincel da uma afundadinha – bem discreta – entre o ossinho e a pálpebra móvel.

Se a dica do pincel ainda não te passou aquela segurança para conseguir achar o dito do côncavo, a da colher com certeza vai

Pegue uma colher de sobremesa – a de chá é muito pequena e a de sopa só funciona em quem tem olhos muito grandes, se não a marcação fica acima do côncavo – posicione a colher na horizontal e encaixe a parte final no canto interno do olho e leve a outra extremidade até o canto externo.

Tente encostar a colher somente na pálpebra móvel. Agora com o auxilio de um pincel de esfumar, aquele bem fofinho e maleável, pegue um pouco de sombra marrom, de preferencia sem brilho, e vá marcando toda parte que ficou acima da linha da colher.

A dica aqui é passar a sombra metade na colher e metade na sua pele. Faça movimentos vai e vem com o pincel do canto interno ao externo. Pronto, côncavo marcado. Já para as orientais ou quem tem a pálpebra gordinha as coisas podem ser um pouco mais complicadas, mas elas têm jeito.

Para marcar o côncavo, você vai ter eu criar ele. Na verdade ele existe, pode ser quase imperceptível, mas existe. O mais fácil pra quem tem esse tipo de olho é começar pela pálpebra móvel que é mais fácil de identificar.

Passe uma sombra clarinha em toda a pálpebra móvel – aquela onde você sente a ‘bolinha’ do olho – depois disso com um pincel de esfumar coloque um pouco de sombra marrom e acima da sombra clarinha, ali no limite entre o fim da pálpebra móvel e o ossinho, marque em um risco do canto externo ao interno o seu côncavo. Se preferir, faça isso com um lápis marrom e depois esfume.

Na hora de marcar o côncavo, prefira sempre usar uma sombra marrom média opaca, isso vale pra quem tem o vinco bem marcado e pras que sofrem com a pálpebra mais gordinha. O marrom garante um olhar mais profundo, então use como base para sua maquiagem, mesmo que você use o preto por cima.

Côncavo esfumado

Para uma marcação poderosa, mas bem harmonizada, o ideal é colocar o pincel de esfumar e a mão pra trabalhar. Quanto mais esfumar e mesclar todas as cores, melhor o resultado. Comece passando corretivo em todo o olho, pálpebra móvel até abaixo das sobrancelhas.

Com uma das técnicas acima, marque o côncavo com um pouco de sombra marrom do canto externo ao interno e dê uma leve esfumada com movimentos vai e vem e circulares. Não tenha medo de marcar a parte interna também, o esfumado não deixará nenhuma marcação por ali.

Depois disso aplique na pálpebra móvel a cor de sua preferência. Aqui é a hora de você aplicar a sombra preta, caso queira um olhar bem poderoso ou outra cor que escolher – chumbo, roxo, verde – faça a marcação a sombra escolhida por cima da sombra marrom que marcou no inicio.

Leve um pouco dessa sombra no canto externo da pálpebra móvel e leve um pouco até próximo da metade dela. Agora começa o trabalho de esfumar tudo, com um pincel bem fofinho, leve e gordinho, faça movimentos circulares e movimento vai e vem em toda a marcação do côncavo, mesclando com a sombra da pálpebra móvel para um efeito bem equilibrado.

Côncavo marcado

O côncavo marcado é uma maquiagem ainda mais ousada que um esfumado poderoso. Essa técnica cai bem com noite e festas e combina mais com o olho que já tem o côncavo bem definido. O ar dessa maquiagem traz um ar vintage, afinal, nos anos 60 a atriz EdieSegwick usava bastante essa técnica, Audrey Hepburn também ajudou a difundir esse jeito de se maquiar.

Para essa maquiagem a sombra na pálpebra móvel deve ser bem clarinha, para um efeito mais eficaz. Marque o côncavo com lápis ou sombra, nessa maquiagem não aplique a base marrom antes da cor escolhida. Vá direto para a cor que você quer. O melhor é marcar o côncavo com um lápis.

Aplique uma sombra clara na pálpebra móvel, brilhosa ou opaca. Com um pincel, faça poucos movimentos vai e vem, o suficiente para tirar um pouco da marcação e pronto. Finalize com delineador e várias camadas de rímel

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: