Como perder o medo de abordar seu ex

Como perder o medo de abordar seu ex
Avalie esse artigo

Quando de pretende reconquistar um amor, é preciso criar formas de se aproximar dele de novo. Por isso, o primeiro passo é saber como perder o medo de abordar o ex, ainda mais se toda a vez que você o enxerga não sabe o que fazer, começa a suar e tem vontade de sair correndo. Não há muito tempo uma amiga, a Clara, estava louca para reconciliar-se com o seu ex, com quem tinha namorado alguns anos.

Só que estava difícil de conseguir isso, pois toda a vez que ela enxergava ele ficava pálida, morrendo de medo de abordá-lo. Eu dizia que ela não tinha porque ficar tão nervosa e se preocupar, pois sabia que o ex dela ainda a amava e os dois tinham tudo para dar certo, embora alguns problemas mesmo que fácies de serem resolvidos tivessem atrapalhado em muito a relação deles nos últimos tempos.

De qualquer forma, o curioso era que já que ela ficava toda aflita ao ver o seu ex e saia correndo, ele achava que ela não queria nem ver a sua cara, que estava ainda muito magoada, ao que ele também achava melhor então nem se aproximar. Eu não queria interferir, dando uma de metida e dizendo a real ordem dos fatos ao ex dela, pois sempre achei que amigas se meterem na conquista nunca é muito positivo.

Ver Também:Como não levar um fora ao tentar reconquistar seu ex

O que eu podia fazer era estimular a Clara a abordar finalmente o seu ex, sem medo de ser feliz. Disse a ela algumas coisas que achava que iriam surtir efeito e não é que ela seguiu a risca o que eu lhe aconselhei e em pouco tempo vi os dois bem felizes da vida, de mãos dadas, juntos mais uma vez? Então, como a minha receita de como perder o medo de abordar o ex funcionou para a Clara pode funcionar para você também. E eu vou contar o que falei a Clara.

DICAS DE COMO PERDER O MEDO DE ABORDAR O EX

Acreditar no próprio potencial é o primeiro passo para quem deseja perder o receio de se aproximar de ex para uma reconciliação. Se você deseja voltar com ele, é porque o ama, sente algo muito forte, ele pode sentir o mesmo por você ainda, inclusive, se o fim da relação não foi por causa de nenhum problema muito grave.

Já se a o namoro terminou por causa de algo sério que ele aprontou com você, portanto, avalie bem se ele lhe merece de volta, pois as chances de reconquista são grandes quando você toma as melhores decisões. Se você avaliar que vale a pena batalhar por esse amor, trabalhar a estima baixa é uma forma de se encher de coragem para abordar ex. Quando a relação termina é normal que a gente fique mal, se achando feia, chata e burra, ainda mais se o cara com quem estamos é quem resolve dar o pé na nossa bunda.

Mas para tudo existe uma explicação e vocês podem ainda ter uma chance de novo, mas para saber se é possível uma reconciliação, é preciso se reaproximar do ex. Ao fazer isso, você poderá perceber o que se passa pela cabeça dele, ao menos, ter um palpite e avaliar como estão as suas chances. Mesmo que elas não se mostrem muito positivas em um primeiro momento, conforme o contexto em que vocês se encontram, é possível insistir mais um pouco.

O segundo passo para saber como perder o medo de abordar o ex é já ter em mente o que você vai falar a ele. Não precisa decorar um texto, mas pense que assunto pode ser eficiente para a abordagem. Se você apenas chegar nele dizendo “oi” e ele responder e você ficar com cara de nuvem, sem saber o que falar para dar continuidade ao papo, você vai fazer um papelão.

O melhor é puxar algum papo interessante, remetendo a alguma coisa que você sabe que vai atiçar a curiosidade do ex, ajudando a criar um vínculo entre vocês. Outro ponto importante é saber a melhor hora de abordá-lo.

O QUE FAZER QUANDO SE APROXIMAR DO EX

Antes de se aproximar do seu ex, avalie se é o melhor momento, sendo que é preferível esperar que ele esteja sozinho, assim, você vai se sentir mais confiante para falar com ele. Se vocês são colegas de trabalho ou da faculdade, existem vários momentos em que você pode chegar nele

Alguns exemplos são a hora do intervalo, no fim do expediente ou da aula, ou mesmo nos corredores da faculdade ou da empresa, quando vocês estiverem a sós e passarem um pelo outro e rolar uma brecha para que você puxe papo com ele. Já no local de trabalho outro momento para puxar conversa com ex é na sala do cafezinho, mas desde que você se depare com ele sozinho no local.

Mesmo com os seus amigos é melhor ter prudência nesse momento, inclusive, na empresa onde você trabalha, por isso, é melhor não dar pano para a manga. Isso significa que é melhor perder a oportunidade de falar com ex do que conversar com ele enquanto estiverem outras pessoas no mesmo local.

Além disso, nunca peça as suas amigas que se metam na sua aproximação, como ao pedir que uma delas diga para o seu ex que você quer falar com ele. Mesmo que a pessoa seja a sua grande amiga, a sua atitude pode ter um final infeliz, já que vai ficar aquela climão de disse-que-me-disse. Em geral, homens não gostam disso e mesmo querendo falar com você, por orgulho, ele pode dizer a sua amiga que não quer.

Não pense que são apenas as mulheres que tem disso, falar uma coisa, mas pensar outra, homens também são orgulhosos e não querem dar ao braço a torcer, mostrando as suas fraquezas. Além disso, pedir a uma amiga para falar com ex é imaturo, o que vai fazer com que você perca pontos com o homem que ama.

ENCARANDO A REALIDADE

Quando conseguimos encarar as coisas de forma natural em nossas vidas, tudo ficar mais fácil e essa dica vale para quem quer saber como perder o medo de abordar o ex ou tomar uma decisão e agir em qualquer outro momento. Assim como a Clara, você também pode começar a encarar com mais naturalidade a hora em que abordar ex e assim será mais fácil de fazer o que deseja.

Muitas vezes, o medo da reaproximação está no fato de temer a rejeição, já prevendo algo que pode nem mesmo acontecer. Por isso, o melhor é não criar cenários, imaginando o que pode dar errado. É preciso ter uma atitude positiva, o que vai refletir no seu comportamento e, assim, as chances de sucessão são maiores.

Já se o seu medo está no fato do ex não ter se aproximado ainda, pense que ele pode querer o mesmo, mas assim como você também estar com medo da rejeição. Por isso, não dá para ficar adiando a sua tomada de atitude, faça o que deve ser feito, com determinação e confiança. Caso a reconciliação não corra como planejado, você não vai ter que se culpar por ao menos não ter tentado reconquistá-lo.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: