Como Saber Se o Seu Marido Precisa de Terapia de Casal (IMPERDÍVEL)

Como Saber Se o Seu Marido Precisa de Terapia de Casal (IMPERDÍVEL)
Avalie esse artigo

Com o tempo, os problemas do casal podem ser mais comuns e ir à terapia juntos pode ajudar a resolvê-los. Relacionamentos são cada vez mais complicados. Os gostos, desejos, interesses e ritmos mudam com o passar do tempo, ainda mais quando há crianças envolvidas.

A coexistência é o ponto de virada porque pode gerar mais conflitos do que o normal. Esses problemas começam a se acumular e os problemas aparecem. Alguns casais recorrem à terapia de casais para descobrir o que está acontecendo e para resolvê-lo. No entanto, outros casais, por causa do medo deque o tratamento os leve à separação, o rejeitam.

A terapia de casais é um recurso usado por muitas pessoas para resolver conflitos que podem aparecer em um relacionamento. Como mencionado acima, a etapa de convivência é complicada porque o desgaste como um resultado não apenas de que a coexistência ocorre, mas também para todas as mudanças pessoais e externos que surgem na vida de ambos os povos e que afeta diretamente essa coexistência.

Ver também: Como Melhorar O Relacionamento Mesmo Sem Tempo (IMPERDÍVEL)

Sintomas

Se você sofre de algum destes sintomas em seu relacionamento com seu parceiro, você deve se colocar nas mãos de especialistas: Falta de afeto e apetite sexual: O desejo de amor e sexo é a chave para determinar onde está o relacionamento. Ambos os sentimentos podem se deteriorar ao longo do tempo pela rotina diária e conflitos, portanto, antes de passar, você deve ir à terapia de casais para colocar uma solução e ressurgir o amor e o desejo sexual.

– Infidelidade: esta é uma das causas mais prejudiciais em um relacionamento. A pessoa que foi enganada tem uma dor muito grande que é muito complicada de se administrar sozinha. A solução para isso é que ambos repensam sobre o futuro desse relacionamento e, se decidirem continuar com esse link, devem ir à terapia de casais para superar esse importante buraco.

Passos a seguir

Muitos casais tentam resolvê-lo sem a ajuda de ninguém. Portanto, aqui estão algumas diretrizes a seguir antes de participar de uma terapia de casal: Ser paciente com o casal é algo muito importante e que tem que ser colocado em prática

– Seja honesto e aberto com o seu parceiro: A sinceridade é um fator fundamental para que o relacionamento funcione corretamente. Conversar com seu parceiro através de um tom claro e direto ajuda o relacionamento a tornar-se cada vez mais forte, trocando abertamente opiniões, sentimentos e interesses.

– Saiba como pedir perdão: Muitos casais ficam presos porque o orgulho pode e não pode pedir perdão. Como resultado, o casal está enfraquecendo, portanto, para evitar isso, precisamos reconhecer nossos erros e pedir perdão ao nosso parceiro. O perdão ajudará esse relacionamento a ser salvo e se tornará mais forte.

– Seja paciente: Paciência requer respeito e tempo para reflexão. Às vezes, é necessário ter tempo para ouvir e analisar o que seu parceiro lhe diz sem tirar conclusões precipitadas. Paciência e compromisso de respeitar a outra parte ajudarão o relacionamento a progredir.

O ciúme é uma das razões pelas quais se faz terapia

– Ter objetivos futuros: Essas metas podem ser de curto, médio e longo prazo, como pode ser mensuráveis e realizáveis, sendo que no final de cada seção de objetivos serão alcançados algum objetivo e deve prosseguir para a próxima seção de metas para atingir um objetivo maior. Portanto, deve-se tomar cuidado para não colocar expectativas excessivamente altas, porque, então, nem os objetivos esperados seriam alcançados.

– Compromisso com a mudança: este ponto exige compromisso e responsabilidade. Antes da mudança, você tem que colocar na mesa os erros de um e outro para tomar conhecimento deles e, finalmente, colocar cartas no assunto para modificar esses erros através da perseverança, compromisso e responsabilidade.

Consultas mais frequentes em terapia de casais

Em seguida, damos as razões mais comuns pelas quais os casais costumam ir à terapia de casais: Falta de apetite sexual no casal pode ser tratada em terapia

– Problemas sexuais: Alguns casais apaixonados vão à terapia para resolver problemas sexuais antes de se casarem. Medo do casamento: Muitos casais têm medo do casamento, então eles vão à terapia para eliminar esse medo.

– Gravidez inesperada: muitos casais fazem sexo sem precaução. Como resultado, eles precisam enfrentar essa nova situação. A terapia ajuda-os a assumir essa responsabilidade com maturidade e cautela.

– Ciúme: o ciúme é um obstáculo que faz com que o relacionamento enfraqueça. A terapia ajuda-os a superá-los para que essa relação seja saudável.

1 Respeito: A primeira das dicas é o respeito aos sogros e ao casal. É essencial manter um alto nível de respeito, porque afinal são os pais da pessoa com quem são compartilhados todos os dias. Você tem que cuidar das palavras, do jeito que elas dizem, evitar discussões perdendo os papéis e dar sua opinião sem ferir nenhuma delas, porque o outro membro da relação pode ficar chateado se seus pais não forem bem tratados.

2 Seja prudente: A prudência é muito importante quando se fala, está ligada ao ponto anterior de respeito. Esta qualidade ao lidar com em leis utilizadas para evitar discussões por algumas questões relevantes na relação, para produzir, em muitos casos, em vez de responder a qualquer coisa que possa criar polêmica (embora a razão que leva) e não replicar a alguns comentários os sogros que vão com más intenções.

Relacionamento cordial: Outro conselho importante é manter um bom relacionamento, mas mantendo certa distância em determinados tópicos. Além disso, as críticas devem ser evitadas tanto no rosto quanto nas costas, porque a informação voa e eles podem descobrir. Portanto, qualquer problema que exista com sogros é melhor tratado apenas com o casal e explicado sem desrespeito, sem insultar ninguém e tentar encontrar uma solução.

4 Colocar limites: Para conviver com os sogros, é essencial marcar uma série de limites que não podem ser excedidos. Eles devem saber que o relacionamento do casal é uma questão de dois e que todos os tópicos do relacionamento devem ser tratados por essas duas pessoas. Um dos erros mais comuns é deixar os pais e em leis terá poder de decisão em muitos aspectos do casal e, mais cedo ou mais tarde, que geralmente acabam mal porque cada vez que a revisão mais aspectos e tenta organizar a vida os dois membros do relacionamento ao seu gosto.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: