Como Solucionar as Disputas entre o casal

Como Solucionar as Disputas entre o casal
Avalie esse artigo

Os argumentos em seu relacionamento são incessantes? Você não sabe como sair disso? Eles arruínam sua história e enfraquecem sua história de amor? Aproveite o tempo para pensar sobre os problemas para encontrar a melhor solução. As disputas em um casal são recorrentes e às vezes até banais. É muito comum que surjam tensões. Os conflitos repetidos acabam destruindo um relacionamento.

Nesse caso, se as tensões são insuportáveis ​​por causa de uma disputa do casal, não é melhor considerar o rompimento? Viva como um casal e não esteja discutindo constantemente. Brigas conjugais são frequentes e é necessário analisar cada uma das situações controversas para salvar seu casal.

Disputa do casal, por que explode

Disputas repetidas levam a considerar o outro mais como um inimigo do que como um parceiro. Acontece mesmo que procuramos falsos pretextos para começar uma briga no casal, apenas para encontrar uma oportunidade de ferir o outro.

O argumento serve também como pretexto para evacuar as tensões e frustrações de cada um. Em vez de explicar claramente o que está errado, encontramos um tópico de disputa nem sempre de acordo com o problema real. Uma cascata de reprovações flui e não para mais. Sempre temos algo para reprovar o outro e seus defeitos, que aceitamos no passado e que são exacerbados até se tornarem insuportáveis.

Esvaziar sua mente durante uma discussão pode fazer bem, mas cuidado. Por que esperar até o momento que vocês estão explodindo para dizer o que está lhe incomodando? Em vez de dizer as coisas com calma na hora certa, você pode acabar falando as coisas acumuladas com muita violência. No decurso de uma discussão, rapidamente nos tornamos ofensivas, e devemos fazer de tudo o que pudermos para evitar que isso volte a acontecer.

Alguns casais conseguem nunca discutir. Eles encontraram uma maneira de dizer um ao outro as coisas na cara e na hora certa, respeitando-se mutuamente pelo que são. A disputa é uma maneira de dizer coisas que acaba destruindo o casal porque se transforma rapidamente em violência e raiva. Devemos ter tempo para pensar e para colocar os problemas na mesa quando eles ocorrem, sem esperar que a bolha se rompa.

Cada assunto deve receber a atenção devida antes de virar pretexto para uma discussão. Não se esqueça de se questionar e ver o problema a partir de diferentes ângulos, fazer isso é um ponto-chave que levará à reconciliação.

Como devemos reagir durante uma briga de casal

Há certas palavras pronunciadas e certos atos que permanecem para sempre ancorados nas memórias. Durante uma briga do casal, podemos até dizer algo que não pensamos, mas que magoará profundamente o outro. O amor do casal diminuirá aos poucos, e o elo que o une acabará por corroer perigosamente, às vezes até mesmo ao intervalo.

A tensão nunca é uma coisa boa. Uma boa discussão é recomendada. Sempre respeitando um ao outro, evitando raiva para não machucar seu parceiro. O relacionamento só será mais saudável. Um argumento é geralmente usado para submeter o outro ao seu ponto de vista sem levar em conta que ele é uma pessoa em seu próprio direito. Você tem que deixar a outra pessoa se expressar para trocar suas opiniões serenamente.

Para evitar uma altercação com seu namorado ou marido, nada impede sair dizendo “vamos discutir mais tarde, com calma”. Isso não é evidência de covardia ou uma saída para o conflito, mas sim uma demonstração de respeito para com o outro. Um argumento dito com raiva é sempre violento e, se puder ser evitado através da restauração de um diálogo significativo, não hesite em fazê-lo.

Não devemos esquecer que escolhemos a outra pessoa e que elas vêm com suas qualidades e defeitos. As pessoas nunca mudam. Não se pode culpar o outro por ser o que é, assim, se os tópicos das disputas giram em torno de seu modo de ser, é hora de questionar a relação em questão. Não é uma traição da parte dele ser o que ele é. Em qualquer caso, a discussão é muito importante para tentar resolver os problemas ou, pelo menos, minimizá-los para tornar a vida a dois mais suportável.

Como evitar argumentos no futuro

Para evitar brigas, lembre-se todos os dias que você ama o seu parceiro e por quê você o ama, porque o escolheu. Não hesite em iniciar discussões sérias, mas tenha calma quando necessário e não generalize. Nem você deve culpar o outro por ser quem ele é. Se você não gosta mais, deixe-o, mas não se preocupe com isso por nada. E você certamente também tem erros na disputa. É importante reconhecê-los.

Devemos a todo custo evitar a violência. Às vezes, as ações ou as palavras vão além do pensamento e nos arriscamos a fazer ou a dizer coisas das quais acabamos nos arrependendo. Um ato de violência nunca desaparece da mente e permanecerá para sempre na memória do seu cônjuge, mesmo que as coisas melhorem entre vocês. Fique moderada, sempre calma. O diálogo terá maior probabilidade de ser produtivo se todos permanecerem tranquilos. Finalmente, seja perdoada quando você souber que cometeu um erro. O diálogo é a coisa mais importante de um casal e também aceitar suas falhas.

É fundamental que vocês saibam se respeitar e também se perdoar, pelos erros e pelas coisas ditas durante as discussões. Obviamente não estou dizendo que se deve perdoar grandes ofensas, ou coisas piores. Mas deve-se levar em conta que acabamos falando o que não queremos no momento da raiva. É exatamente esse ponto que mais se deve prestar atenção, respirar antes de falar qualquer coisa e pensar bem antes de dizê-las, para não magoar seu companheiro, pois isso pode e acaba sendo a principal causa das separações.

Deixe de lado as disputas bobas e sem sentido, procure outras coisas para conversar quando ver que estão entrando em uma nova disputa. Vocês devem aprender a trocar suas opiniões e pontos de vista de maneira tranquila, aceitando um ao outro. Vocês são duas pessoas diferentes, que possuem o total direito de pensar diferente.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: