Como superar uma traição de alguém especial

Como superar uma traição de alguém especial
Avalie esse artigo

 

Antes de dar inicio a esse assunto que é muito frequente em nossa é importante lembrar que traição não diz respeito apenas ao ato de adultério de alguém compromissado com outro alguém, e principalmente não vem apenas do marido, namorado, noivo, etc.

A traição pode vir de um amigo, por meio de fofoca, pode ser de roubo de algo seu por alguém que você considerava. Ou até mesmo, alguém te entregar injustamente. Não é uma situação nova, todos conhecem a história de Judas Iscariotes, um dos primeiros exemplos de traição em uma amizade. Continue lendo para aprender mais sobre o assunto e veja algumas dicas sobre como superar a dor que uma traição nos causa.

Fui traição" rel="nofollow" target="_self" >traída e agora

Ao entender que a traição não é uma novidade no mundo, também podemos nos tranquilizar para o seguinte fato: você não é a primeira, muito menos será a última. Infelizmente, muitas pessoas são traídas de diversos modos todos os dias, em todos os momentos, você apenas foi mais uma vítima disso tudo.

Depois que alguém que amamos trai a nossa confiança, os sentimento de raiva, de vingança e de ódio são os principais que se pode sentir, mas tudo nessa vida uma hora vai passar, por isso é importante tentar não agir ou reagir na hora da raiva.

Você foi traição" rel="nofollow" target="_self" >traída, e agora? Vida que segue, parece meio frio, mas a vida nunca para de seguir, e você deve continuar, porque ainda existem muitas coisas a serem feitas. Não significa que ao continuar, você não vai lembrar ou não vai sentir. Mas ainda assim é necessário prosseguir.

O primeiro passo a se fazer é: após a descoberta e você tomar as primeiras atitudes, tente não ficar presa apenas a esse assunto, pois quanto mais alimentar sua mente com essa dor, mais difícil se tornará a sua libertação.

Qual tipo de traição é pior de se vivenciar

Como já foi dito existem diversos tipos de traições como: adultério, na amizade, no meio dos negócios (por meio de extravio ou roubos). Porém vale ressaltar que todas essas causam dor, e são ruins de se vivenciar. O que muda não é exatamente a intensidade ou o nível maior de vitima de acordo com o tipo de traição, e sim como a pessoa irá reagir, e principalmente o quanto você estimava esse alguém que te traiu.

Logo podemos dizer que todas as traições são piores de se vivenciar, isso porque ela é caracterizada por uma atitude egoísta e de má intenção oriunda de alguém que tem seu carinho e que você considera. Sendo assim é uma surpresa negativa, que te traz traumas, podendo ser emocionais, financeiros ou ainda os dois juntos.

E se eu perdoar a traição 

Como falamos a seguir, cada pessoa tem uma forma de reagir a traição, e apesar de algumas serem mais graves do que as outras, não se pode julgar com uma medida tão pesada, principalmente se o dano causado resulta em problemas sérios. Depois que todo aquele frenesi de sentimento passa, algumas pessoas conseguem ter a capacidade de perdoar o outro, voltar a viver junto ou não voltar a conviver, mas perdoar mesmo assim.

A dádiva do perdão é muito importante não para pessoa que está sendo perdoada e sim para quem está liberando esse perdão. Por isso não se ache errada em perdoar, pelo o contrário! Mas lembre-se que não necessariamente você deve conviver novamente com aquela pessoa que te traiu, mas pelo menos conseguirá viver mais leve apesar de tudo.  E esse perdão só será possível depois da superação dessa traição. 

Métodos de superar a dor da traição 

Nenhuma dor causada em nós é fácil de se superar, porém não é impossível, veja algumas técnicas que podem te ajudar a encontrar essa superação um pouco mais rápido. 

De quem é a culpa 

Primeiramente, a culpa da traição é de quem trai! É importante ter isso claro na sua cabeça, que independente de todas as desculpas que você poderá receber, e lágrimas de arrependimento, a culpa não foi sua. Esse conselho serve principalmente para casos de relacionamentos, onde a primeira coisa que se passa na cabeça de uma mulher é que ela não foi o suficiente para fazer aquela pessoa feliz. Uma traição não diz respeito a quem foi traição" rel="nofollow" target="_self" >traído, só mostra o caráter duvidoso de quem praticou o ato.

Vale dizer também, que mesmo que o/a amante sabendo do relacionamento, quem deve fidelidade é quem está comprometido e não exatamente solteiro, por isso transfira a culpa a quem é de direito. 

Comece a focar em você 

A primeira coisa que você deve começar a trabalhar é no amor próprio, que com certeza começa a ficar bem debilitado depois dessas situações, mas isso é algo muito gradativo sendo assim comece aos poucos.

Volte a fazer algo que você gosta muito e deixou de fazer, crie novas metas e novos projetos pessoais e tente vencer todos, cumpra todos, gaste um tempo, dinheiro e energia com você mesmo, até que esteja curada.

 Tire um tempo para si 

Mesmo que você perdoe uma traição, é importante que antes de voltar a conviver com a pessoa você tenha tirado um tempo para você mesmo, para entender o que aconteceu e se reconhecer um pouco mais. Não volte no calor da emoção, tente aprender novamente a viver sem aquela pessoa e depois da ideia amadurecida, você tenha capacidade suficiente de voltar a viver ou não com ela. 

Não pague na mesma moeda 

Aprendemos que a traição é culpa de quem trai, por isso mesmo, não tente pagar na mesma moeda, pois você estará se igualando a essa pessoa que provavelmente possui um desvio de caráter e falta de empatia pelo o próximo. 

Tente entender suas emoções 

Depois de descobrir uma traição, sua cabeça passa por um turbilhão de sentimentos, é importante entender que isso é normal, é normal se sentir magoado, ou com raiva. Tudo isso é comum e inerente ao ser humano, pode e deve ser sentido. O que não deve acontecer é você basear suas atitudes erradas frente a isso e colocar a culpa nas emoções. Por isso tente entender tudo o que você está sentindo, e tenha o controle, não deixe a raiva guiar suas atitudes, nem o que vai falar. Tente não se prejudicar ainda mais.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: