Como ter uma vida sexual excitante (Técnica matadora)

Como ter uma vida sexual excitante (Técnica matadora)
Avalie esse artigo

Desfrutando de uma vida sexual com Prazer

As dicas para desfrutar de uma vida sexual excitante e intensa são abundantes: posturas, palavras ‘mágicas’ ou preliminares definitivas parecem ser a chave que abrirá qualquer porta para desfrutar de incríveis orgasmos. Mas, infelizmente, ainda há muitas mulheres que não são capazes de alcançar ou mesmo abordar o clímax. E poucos são capazes de confessar a realidade de sua frustração.

Agora, uma pessoa anônima decidiu contar pra gente sua história. Diz como ela conseguiu acabar com o sexo insatisfatório, e sua história pode ser muito encorajadora para milhares de mulheres que compartilham essa incapacidade de atingir o orgasmo.

Isso foi sexo?

“Tenho 45 anos, mas não tive meu primeiro orgasmo até os 39. E não foi precisamente por falta de tentativas. Eu tinha 19 anos quando perdi a virgindade, foi a primeira vez que aconteceu que ele chegou ao orgasmo e eu não, e eu pensei ‘isso é sexo? Que decepção. Infelizmente, isso continuou a ocorrer pelos próximos 20 anos da minha vida ”.

Depois de uma pequena tentativa durante os seus 20 anos para alterar a insatisfação, ela optou por permanecer “virgem” – a partir desse momento, é claro – até o casamento. Foi aos 36 anos que ele se casou com Scott, como ele o chama na história, mas a espera e o desejo gerado não foram suficientes. Sua vida sexual não parecia funcionar de nenhuma das maneiras.

Tentar ter um orgasmo sem sucesso por 20 anos é como se alguém que nunca comeu chocolate tente explicar como é incrível o seu sabor

O casal optou por ir a um conselheiro matrimonial e uma das orientações dadas foi que eles tinham que fazer sexo pelo menos três vezes por semana, mesmo que ela não atingisse o orgasmo. “Depois de dois anos e meio de perder tempo, eu sabia que eu gostava da intimidade, toque e abraços, mas estes nunca foram suficientes para ela para chegar ao clímax, embora Scott sempre me dissesse  para dizer o que eu gostava e constantemente ele me perguntava estava tudo bem “, lembra a protagonista.

“Eu tinha lido todos esses romances românticos e todos ao meu redor falavam sobre como o sexo era ótimo. Mas para mim, era apenas mais uma tarefa entre todas as milhões de tarefas que eu tinha que fazer todos os dias “, confessa. “Eu fiquei pensando que tinha que haver algo mais e algo estava faltando na minha vida.”

A falta de concentração nem sempre é responsável.

Isso é normal, doutor?

“Eu sabia que tinha que haver uma resposta lá fora. Quando perguntei ao meu ginecologista o que ele poderia fazer, ele sugeriu que eu me masturbasse. Lembro-me de pensar “você está brincando?”. Foi logo depois daquela visita ao especialista, quando ele encontrou um sinal de um centro médico especializado em sexualidade feminina que dizia algo como ‘Você não consegue ter um orgasmo? Você não sabe o que é um orgasmo? Você se sente sexualmente insatisfeita? Nós temos a solução. Como se tivesse enviado a mensagem do céu, ele logo foi para a clínica especializada assim que parou de amamentar seu segundo filho.

Eu tinha 39 anos quando comecei o tratamento em janeiro de 2011. Depois de vários testes e exames, os médicos perceberam que os níveis de testosterona no sangue estavam muito abaixo do normal, então ele precisaria do corpo para reivindicar alguma coisa. mais de interesse sexual e aumentar seu grau de excitação em encontros.

A sensação era muito mais poderosa do que eu esperava, senti como se uma corrente elétrica passasse pelo meu corpo

“Eu comecei vários tratamentos hormonais e eles recomendaram que eu vi pornografia, então eles me deram um iPad que meu marido codificou para que ninguém além de mim pudesse usá-lo. Ele sempre foi muito paciente e amoroso, ele me apoiou durante todo o processo “, diz ele com carinho.

A busca pelo orgasmo

“Com o olhar médica coberto e um novo estímulo visual foi cerca de um ano em tratamento, mas ainda era difícil chegar perto do objetivo, muito menos atravessá-la”, explica ele e diz que a vida familiar com dois filhos foram minando a sua privacidade e algumas reuniões atividades sexuais completamente planejadas deixaram seus desejos insatisfeitos em segundo plano.

Mas ele encontrou a solução em uma tática que até agora lhe deu as costas: “Comprei um par de vibradores e comecei a praticar com eles. Eu estava no segundo ano de tratamento e então injetei cápsulas de liberação prolongada que tinham uma dose muito mais forte que a testosterona. Na primavera de 2012, quando recebi a dose mais alta, tive meu primeiro orgasmo! “Ela se lembra animadamente.

Eu tinha um monte de pêlos faciais e chegou um momento em que eu estava pensando em sexo o tempo todo. Então decidimos parar com os hormônios.

“Meu marido e eu passamos cerca de 45 minutos fazendo sexo. Foi uma das mais longas sessões da nossa história. Tudo que lembro é de contar a Scott ‘agora sei o que estou perdendo!’ A sensação era muito mais poderosa do que eu esperava, senti como se uma corrente elétrica passasse pelo meu corpo de uma forma extremamente agradável. Foi uma grande libertação “.

Cuidado com abuso de prazer

Mas nem tudo pode ser tão simples. Depois de descobrir a dose perfeita para desfrutar de orgasmos intensos com seu marido, começaram os efeitos colaterais do uso de testosterona: “Eu tinha um monte de pelos faciais e chegou um momento quando eu estava o tempo todo pensando em sexo. Então, decidimos parar com os hormônios, porque, nessa época, eu já tinha conseguido ter orgasmos regulares usando um vibrador ”.

O fim do tratamento hormonal resultou em relações ativas e prazerosas de maneira natural. Embora reconhecendo que sem ajuda médica, ele nunca poderia ter desfrutado um orgasmo hoje sabe como obtê-los sem problema com a ajuda de brinquedos sexuais que reconhece não hesitaria em recomendar e dar às mulheres que sabe que confessam ter um problema semelhante anulando sua vida sexual há mais de 20 anos de experiência orgasmo tentando, sem sucesso há 23 anos é como alguém que nunca tenha comido chocolate que você está tentando explicar sabor quão incrível. Você pode descrevê-lo, mas até você come-lo por si mesmo, você realmente não sabe o que está falando. “Estou muito feliz em saber que prazer orgástico é para mim mesmo “. Finalizou.

 

Livro para Conquistar um Homem:

Pesquisamos na internet e descobrimos alguns Livros para Conquistar um Homem.

Após pesquisar tudo sobre Frases da Conquista, verificar a procedência e qualidade. Também verificamos o que tinha menos reclamações no Reclame Aqui e o que tem mais depoimentos mostrando resultados reais da eficácia.

O melhor Livro que ensina como Conquistar um Homem foi o Frases da Conquista.

Frases da Conquista Funciona?

Frases da Conquista é um Livro com técnicas simples de hipinose e comportamento humano. É um livro best-seller, segundo a autora mais de 130mil cópias vendidas até 2017. Um livro que já está sendo aplicado e tranformando a vida de mulheres que não sabiam como lidar com os homens.

A ÓTIMA NOTÍCIA é que está disponível a venda para todo Brasil pela Internet no site http://thaisortins.com.br

Depoimento e avaliações do Frases da Conquista:

No site oficial você encontra tudo como funciona o Frases da Conquista, aqui tem um depoimento de uma das leitoras do livro

Onde Comprar Frases da Conquista:

O Frases da Conquista é vendido SOMENTE no site oficial
Cuidado: tem falsificadores que se aproveitam do sucesso do Frases da Conquista para ganhar dinheiro ilegalmente vendendo o Frases da Conquista, não caia nessa armadilha, sempre compre no site oficial: http://thaisortins.com.br/. Qualquer outro site, inclusive mercado livre e outros vendem produtos falsificados e podem acabar te fazendo mau à saúde.

DESCONTO EXCLUSIVO do Frases da Conquista para leitores do blog:

CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO:
Conseguimos um desconto exclusivo por algumas horas para nossos leitores,
ATENÇÃO: Esse desconto encerra em: 05:31 minutos!
Saiba Mais
CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO »
Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: