Como você Pode resolver Problemas de Relacionamento? (IMPERDÍVEL)

Como você Pode resolver Problemas de Relacionamento? (IMPERDÍVEL)
Avalie esse artigo

Problemas de relacionamento. Quase todo casal consegue lidar com isso mais cedo ou mais tarde. Em muitos casos, os problemas são de natureza temporária. A solução é encontrada rapidamente. Mas e se você conseguir lidar com sérios problemas de relacionamento para os quais não encontrou uma solução? É disso que estamos falando neste artigo. Discutimos os problemas de relacionamento mais comuns e também oferecemos dicas para encontrar uma solução!

Problemas comuns de relacionamento

Problemas de relacionamento existem em muitos tipos e tamanhos. Às vezes eles são causados ​​por um dos parceiros, outra vez é uma combinação de circunstâncias. Embora não exista uma solução bem definida para cada problema de relacionamento (cada pessoa e cada relacionamento é único), reunimos problemas de relacionamento comuns para você, incluindo a solução.

Não ou comunicação errada

Comunicar é a chave para um relacionamento bem-sucedido. Você tem que continuar falando um com o outro. Claro que a comunicação é muitas vezes o tom que faz a música. Ao se comunicar erroneamente uns com os outros (ou, no pior dos casos: não se comunicando um com o outro), problemas podem surgir facilmente. Você terá, portanto, que falar com seu parceiro sobre o que está fazendo. O que você está fazendo. O que te incomoda. Mas também o que está indo bem.

Ouvir é talvez ainda mais importante do que falar sozinho. Boa audição nem sempre é fácil. Especialmente quando as emoções predominam, você pode interpretar as coisas de forma muito diferente do que seu parceiro pode significar. Portanto, é importante ouvir o seu parceiro sem preconceito e tentar impedir que uma conversa termine de uma maneira vulgar na qual você se culpe repetidamente.

Trapaça / adultério

Esse talvez seja o problema de relacionamento mais difícil de resolver. Em muitos casos, o adultério do parceiro coloca uma bomba sob o relacionamento e faz uma enorme diferença na confiança de alguém. Nunca há um caminho de volta depois que o parceiro trapaceou. Existe apenas um caminho a seguir. Às vezes, o adultério pode ser perdoado e o casal continua a seguir o caminho comum, mas em muitos casos a trapaça leva a uma separação de maneiras. Qual solução é a certa que você nunca conhece de antemão e não há solução fixa para esse problema de relacionamento.

Se você decidir continuar juntos, é importante que o motivo do adultério seja obsoleto para evitar um novo passo em falso. Muitas vezes as pessoas ficam estranhas porque algo dentro de seu próprio relacionamento faz a diferença. Por exemplo, os parceiros têm pouco ou nenhum sexo um com o outro, a tensão existe ou há um sentimento de insatisfação sobre a salvação e o afeto.

Claro, também pode acontecer que o parceiro de trapaça seja um trapaceiro notório. Ele ou ela não tem objeção a fazer batota e fará isso com todos os seus parceiros. Se você está lidando com isso, na verdade você só tem duas opções: aceitar que isso aconteça novamente ou saia. Em todos os outros casos, muita conversa (possivelmente com um profissional) pode ajudar a colocar as coisas de volta nos trilhos.

Problemas de relacionamento devido a finanças

“O dinheiro é a raiz de todo mal”. Pode até ser lido na Bíblia. Em muitos casos, problemas de relacionamento surgem de preocupações com dinheiro. Problemas de dinheiro causam muito estresse, culpa e sentimento de infelicidade. Quando um dos parceiros em particular é o culpado dos problemas que surgem, a situação pode sair rapidamente do controle. Desnecessário, porque quase sempre os problemas financeiros podem ser resolvidos.

Novamente, é importante que você fale bem um com o outro e não tente sobrecarregar a outra pessoa com censuras. Por ser completamente aberto e honesto com o outro, você pode chegar a um plano de ação construtivo em conjunto. Talvez um coach de orçamento ou outro profissional possa oferecer ajuda para entender os problemas financeiros e encontrar uma solução. Um problema que pode ser resolvido com dinheiro não é um problema “real” e, portanto, não vale a pena deixar que seu relacionamento fique encalhado.

Discussão sobre as tarefas (dentro e ao redor da casa)

“Estou trabalhando duro aqui e você está apenas sentado no sofá com o controle remoto na mão!” – quase todo homem ou mulher recebe essa observação lançada na cabeça pelo parceiro, mais cedo ou mais tarde. Novamente completamente desnecessário. Sim, a vida de hoje está ocupada e podemos imaginar que, depois de um dia de trabalho, você não tem vontade de escovar o vaso sanitário, mas, ao estabelecer uma divisão clara de tarefas, brigas sobre as tarefas não precisam mais levar a problemas de relacionamento. .

Certifique-se de que as tarefas sejam distribuídas da maneira mais justa possível. Se a pessoa trabalha muito mais horas por semana (e, portanto, cuida da maior parte da renda), só é razoável se a outra pessoa assumir mais tarefas domésticas. Vocês dois odeiam um determinado trabalho (limpar o vaso sanitário, por exemplo), alternam semanalmente ou pensam em outras soluções. Por exemplo, contratar um faxineiro pode evitar muitos aborrecimentos.

Confiança e desconfiança

A confiança é um grande trunfo dentro de um relacionamento. É ótimo se você puder confiar um no outro por 100%. No entanto, isto não é para todos e 9 em cada 10 vezes tem tudo a ver com o próprio parceiro desconfiado. Não com o parceiro que não é confiável.

Ter pouca confiança ou desconfiança em seu parceiro pode causar grandes problemas de relacionamento. Especialmente se a outra pessoa não fez nada de errado. Existem muitas razões para isso. Por exemplo, um parceiro foi enganado no passado e, portanto, tem dificuldade em confiar no novo parceiro. Ou alguém tem tão pouca autoconfiança que existe perigo e competição por toda parte.

Comunicação e honestidade também são palavras-chave nesse problema de relacionamento. Compreensão para o outro também é essencial. Afinal, muitos problemas em torno da confiança surgem em um estágio anterior da vida. A experiência passada pode continuar a funcionar anos depois. Também em novos relacionamentos.

Para ganhar a confiança de alguém, é importante que o parceiro que é desconfiado faça o que ele ou ela diz. Sempre adicione a escritura à palavra. Desta forma você mostra a outra pessoa que você acredita em sua palavra. Também dê abertura nos negócios. Por exemplo, se o seu parceiro não confia em você com um amigo do outro sexo, sugira isso ao seu parceiro.

Se você se sentar e acrescentar o seu parceiro que você está aplaudindo com o seu campo livre, mostre a conversa para o seu parceiro. Depois de algum tempo, a desconfiança diminuirá dessa maneira e se transformará em uma forma natural de confiança no outro.

Se você é aquele que vê um urso por trás de cada árvore, então se mova em seu parceiro. Imagine como é constantemente culpar sua cabeça enquanto você é 100% inocente. Trabalhe em você também. Há uma razão pela qual você não confia na outra pessoa. Por exemplo, você pode ter pouca autoconfiança ou ter sido danificado em um relacionamento anterior.

Em muitos casos, alguma ajuda de um profissional (psicólogo, treinador, etc.) não pode prejudicá-lo e, dessa forma, garantir que a desconfiança do que você tem não cause mais problemas de relacionamento.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: