Confira 7 cuidados para acabar com as pontas duplas

Confira 7 cuidados para acabar com as pontas duplas
Avalie esse artigo

Se tem uma coisa que a mulheres morrem de medo são as tão temidas pontas duplas! Uma hora ou outra elas acabam aparecendo e há quem fuja correndo da tesoura. As diversas químicas como luzes, tintura, alisamento, entre outras, acabam danificando os fios e deixando-os com pontas duplas ou até triplas.

Isso ocorre porque o nosso fio é formado por várias camadas e devido a tantos processos químicos ou utilização de secador e chapinha, as proteínas que são responsáveis por selar esses nutrientes são destruídas, deixando a parte interna dos fios exposta.

Para alguns especialistas a melhor forma de combater esse problema ainda é o corte. Porém, muitas pessoas têm medo de uma mudança muito radical. Sendo assim, nós trouxemos 7 cuidados para que você possa acabar com esse problema.

7 cuidados para acabar com as pontas duplas

1- Hidrate em casa

Nós acreditamos que não é novidade para ninguém que nossos cabelos precisam ser hidratados. No dia a dia, os fios sofrem os efeitos das ações externas como o sol, calor, umidade, cloro de piscina, sal do mar, entre outros. Assim, eles ficam ressecados e perdem também nutrientes e proteínas que são necessários para mantê-los belos e brilhantes.

Quando os cabelos estão ressecados, eles ficam ainda mais propensos à formação das famosas pontas duplas. Por isso, o recomendado é que você hidrate seus fios em casa de 15 em 15 dias. Se você faz muita química nos cabelos pode precisar de hidratações mais fortes e com mais frequência, como toda semana por exemplo.

Se esse não for o seu caso, faça de 15 em 15 dias. As pessoas que apenas sofrem os efeitos do dia a dia podem fazer com uma frequência menor, a cada 30 dias por exemplo.

2- Procedimentos do salão

É claro que a hidratação caseira é necessária, porém se você frequenta muito o salão para fazer luzes, tinturas ou outras químicas precisará de tratamentos mais fortes.

As mulheres que não ficam sem o secador e a chapinha também precisarão de tratamentos mais específicos que só podem ser encontrados nos salões de beleza.

Para combater as pontas duplas, opte por tratamentos que reconstruam a massa capilar. Exemplos desse tipo de tratamento são a cauterização e a reconstrução que também podem e devem ser feitos em casa. Contudo, o tratamento do salão será mais forte.

Ao chegar ao salão, você encontrará diversos tipos de tratamentos diferentes e com vários nomes. O que você deve fazer é pedir ao cabeleireiro que faça uma reconstrução capilar. O cabeleireiro analisará o seu cabelo e saberá qual o melhor tratamento que será utilizado em você.

A reconstrução e a cauterização são ótimas, pois devolvem todas as proteínas que foram perdidas e fazer aquela hidratação profunda que não conseguimos em casa.

3- Faça um corte que não tire comprimento

Se você está fugindo da tesoura, essa é a sua saída!Existe sim o corte que não tira o comprimento. Ele apenas apara os fios, deixando o seu cabelo comprido. Ainda que você cuide muito bem dos fios, é importante tirar um pouco das pontas duplas. Para não tirar o comprimento é simples, basta cortar com a tesoura na vertical paralela aos fios. Isso irá fazer com que apenas alguns fios percam comprimento.

Dependendo da quantidade de pontas duplas o seu cabelo poderá ser mais cortado ou não. Aí vale a confiança no seu profissional. É importante ter uma conversa sincera com seu cabeleireiro e explicar muito bem o seu desejo. Também é importante ouvir o profissional, pois ele saberá o que é melhor para o seu cabelo.

4- Opte pelo corte minucioso

Se ainda assim, você está nervosa e tem medo da tesoura, que tal optar pelo corte minucioso? Isso mesmo! O corte minucioso. Esse tipo de corte foi inventado nos salões justamente para as pessoas que têm medo de cortes radicais, mas precisam acabar com as pontas duplas. Ele é chamado de “remake” e precisa de uma tesoura bem afiada, pois é feito nos cabelos secos.

Para isso, o cabeleireiro faz uma trança no cabelo da cliente e corta apenas as pontas duplas que estão ao longo dos fios. Esse trabalho pode levar cerca de 40 minutos e não altera o corte do cabelo. Assim, você não precisará se preocupar com o comprimento e nem com a aparência desfiada deixada pelo corte que não tira o comprimento.

5- Produtos para selar temporariamente

Como já dissemos, a tesoura ainda é a melhor forma de combater as pontas duplas. Contudo, existem produtos no mercado que selam as pontas duplas temporariamente. Esses produtos não têm a capacidade de regenerar as pontas duplas de forma definitiva, mas ajudam muito.

Dentre os mais modernos, existem produtos que contêm polímeros formando um gel. Nesse produto, existem partículas de cargas positivas e negativas. As cargas positivas se ligam às negativas e selam a ponta dupla.

O resultado é visivelmente melhor. Todavia, ao parar de utilizar o produto, você verá as pontas duplas novamente, pois o produto sai conforme as lavagens.

6- Utilizar finalizadores com silicone

O silicone é um dos melhores aliados no combate as pontas duplas. Ele é ótimo para disfarçar as pontas duplas, porque ele age como uma cola. Ao secar, ele une as escamas da cutícula que estavam abertas. Após fazer a sua escova, sempre utilize o finalizador com silicone. Ele irá fechar as cutículas, controlar o frizz do cabelo e também dará brilho.

Entretanto, nem tudo são flores. O silicone não é um produto hidratante. Sendo assim, não dispense a utilização do seu creme de hidratação. Também é importante salientar que ele não pode ser utilizado antes da chapinha, pois poderá fritar o cabelo.

7- Protetor Solar

Outro grande vilão dos cabelos é o sol. Ele agride a proteína responsável por manter os cabelos unidos, a ceramidas. Dessa forma, o fio não conseguirá reter a quantidade de água necessária e ficará ressecado. Portanto, sempre que for sair utilize produtos que contenham filtro solar. Os cremes para pentear com filtro solar são ótimas pedidas e diminuem o risco das pontas duplas. Se possível, utilize também chapéus para proteger seus fios dos raios ultravioleta.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: