Descubra 5 erros que acabam com o casamento

Descubra 5 erros que acabam com o casamento
Avalie esse artigo

Casar significa unir duas vidas dentro de apenas uma casa, sonhar para duas pessoas e compartilhar muitos momentos juntos. Quem casa, com certeza quer fazer de tudo para que sempre seja um sucesso, para que nada dê errado, e acima de tudo, que o casamento seja sempre feliz.

Mas, como sabemos não é possível acertar o tempo todo, então podemos por vezes acabar fazendo algo errado que vai desgastando a relação aos poucos. Sim, isso é normal, mas não deve ser frequente, pois assim é mais fácil de ter problemas dentro do seu relacionamento.

Quais são os 5 erros mais frequentes que prejudicam e podem levar seu casamento ao fim? Veja agora e não tenha essas atitudes, para ter algo duradouro de qualidade.

Ver também: Saiba tudo o que eles gostam na cama

Deixar o carinho do namoro de lado:

Infelizmente isso é algo muito comum de se ver nos casamentos (antigos e atuais na mesma medida). No namoro é frequente haver declarações, palavras bonitas, romantismo e ajuda, mas muitas vezes isso muda no casamento, e com toda a certeza não deveria acontecer.

Parar de demonstrar carinho pelo seu cônjuge faz com que a relação fique muito fria e a vontade de passar tempo com a outra pessoa vai sumindo aos poucos, até desaparecer totalmente. Em outras palavras a sensação de romance entre vocês não vai mais existir caso o carinho seja deixado de lado, então vocês não terão mais aquela harmonia de antes ou vontade de estar juntos como um casal.

Não ter companheirismo:

A falta de ajuda e de colaboração dentro de casa pesa muito, principalmente quando se trata de um casamento antigo. Não ser uma pessoa companheira e deixar tudo nas costas do outro atrapalha muito, sendo assim um sempre vai estar mais tranquilo e à vontade enquanto o outro precisa se preocupar por dois.

Isso inclui compartilhar as tarefas domésticas, dividir esse serviço, oferecer ajuda em qualquer outro aspecto que seu cônjuge precise e assim por diante. É sempre bom saber que a pessoa com quem você se casou é sua companheira no sentido literal da palavra e não da boca para fora, e uma maneira de provar isso é estando ao lado dela quando for preciso.

Organizar a casa, cuidar dos filhos e ainda trabalhar fora pode ser muito desgastante e deixar a pessoa muito frustrada e sem tempo para ela mesma ou para a relação de vocês, então seja presente e demonstre se importar, sendo companheiro.

Individualismo:

Já conheceu um casal completamente individualista? Por exemplo, ‘’vou te emprestar esse dinheiro, mas quero que me pague logo’’ ou ‘’eu vou cozinhar isso pra mim, você faz o seu’’. Por incrível que pareça isso ocorre muito, e por mais triste que seja as pessoas não percebem e continuam a fazer sem perceber que isso é um fator capaz de acabar com o casamento delas.

Isso se trata novamente sobre companheirismo, e morando dentro da mesma casa chega a ser um absurdo tratar uma situação dessa forma, como se você vivesse sozinho e não se preocupasse com a outra pessoa que está com você.

Dinheiro pode ser uma questão complicada, mas você é casado com aquela pessoa, vocês dividem as finanças, moram sob o mesmo teto, se conhecem há tempos e tudo mais, então por que a necessidade da cobrança?

Já com a segunda situação sobre a comida, causa uma forte impressão de desleixo, desapego e falta de preocupação, como se apenas você importasse. Se você quer ter um casamento duradouro, jamais faça ou fale coisas assim, pois é a prova de que não consegue e não sabe ser uma pessoa de fato companheira.

Alguns casais nem mesmo parecem estar casados, chegando a ser extremamente egoístas com dinheiro, carro e outros bens materiais, e essa também é uma das coisas que desgasta muito, pois leva a falta de confiança e relações extremamente egoístas e individuais.

Perder o respeito:

Quem já presenciou situações como essa sabe exatamente do que se trata. Quando um casal perde o respeito um pelo outro, não há muito mais para se perder, pois é complicado viver um ambiente turbulento, cheio de brigas e xingamentos (desses nem se fala).

O fato de insultar, dirigir palavras de baixo calão e gritar com seu parceiro faz com que o casamento se desgaste absurdamente, afinal, ninguém quer ser tratado assim. Você que namora ou está conhecendo alguém interessante agora, consegue se imaginar casado com essa mesma pessoa em uma versão ruim?

Com certeza esse não é o tipo de cenário que normalmente imaginamos e desejamos para nossas vidas, e sem o respeito é exatamente isso que acontece, sua casa não é um lar. Isso pode até ser visto como normal para alguns casais, mas obviamente é porque isso de fato acontece naquela relação, e não é preciso nem estar perto para saber que não é um casamento saudável.

Deixar de fazer coisas juntos:

Assistir filme, jantar e passear juntos são atitudes que nunca devem ser deixados de lado no casamento. Com o passar do tempo o trabalho vai ficando mais difícil, o tempo fica mais corrido e agitado (principalmente se tiver crianças na história) e consequentemente algumas coisas vão sendo deixadas para trás.

Mas não permita que isso aconteça, pois a comunicação de um casal depende muito de como o tempo que passam juntos é gasto. Sempre que tiverem tempo, ou aos finais de semana deem preferência para atividades que vocês dois podem fazer juntos, e não precisa ser algo difícil de fazer, pois uma série, um passeio ao ar livre, uma ida a sorveteria significa muito mais para o seu relacionamento do que você pensa.

Sem comunicação e parceria um casamento se torna monótono, perde a graça e até mesmo a vontade de passar tempo juntos diminui, por isso invista em coisas que os dois gostem e não tenha medo de aproveitar.

Todos querem saber o que é necessário para um casamento de sucesso, e uma das chaves para isso é saber o que é capaz de arruinar uma relação em poucos passos. Essas são as 5 atitudes que abalam, desgastam e acabam rapidamente com um casamento, então nas as cometa e terá uma relação duradoura e muito boa.

 

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: