Dicas de maquiagem para a pele oleosa

Dicas de maquiagem para a pele oleosa
Avalie esse artigo

Quem tem pele oleosa sabe a dificuldade que é manter a maquiagem intacta durante todo o dia, e o rosto sequinho e bonito mesmo nos dias mais quentes, coisa que a pele oleosa não costuma permitir as mulheres.

O brilho excessivo e a sensação pegajosa são incômodos fatores que acompanham mulheres com essa característica, mas podem ser controlados com algumas dicas simples de seguir. Desde o momento da higienização matinal até um retoque de emergência durante a tarde, é possível manter o look fresco por bastante tempo.

Ver também: Como deixar o batom mais intenso

Preparação é a etapa-chave para fazer valer os truques de maquiagem

Para que a maquiagem não se desmanche facilmente durante o dia, é preciso começar com uma preparação blindada contra a oleosidade.

Depois de lavar o rosto com um sabonete específico para esse tipo de pele, passe um tônico adstringente para desobstruir os poros e não fuja da etapa da hidratação: ela é importante porque logo depois da lavagem o rosto fica um pouco ressecado e se o fator hidratante não for reposto.

A pele vai entender que precisa produzir ainda mais óleo – é o chamado efeito rebote.Na hora de escolher prefira a versão em gel, já que a maioria dos cremes tendem a agravar a situação.

Saiba quais são os produtos mais indicados na hora da make sequinha

O importante nessa hora é se preocupar em criar uma barreira contra a oleosidade. Não trata-se de muitas camadas de maquiagem, mas sim de produtos-chave para a make durar o dia todo.

Escolha uma base matte específica para esse tipo de pele – além de ser livre de óleo na composição, ela aplaca o brilho e ajuda a uniformizar o tom da pele sem agravar o problema. A finalização com um pouco de pó é uma das horas mais importantes da maquiagem: passe principalmente nas áreas que realmente precisam ser matificadas ao decorrer o dia como a zona T que envolve a testa, nariz e queixo.

Faça pequenos retoques durante o dia para manter a pele intacta

Mesmo com todos os cuidados, nos dias mais quentes é bem provável que surja um brilho excessivo no meio da tarde e para essas horas um pó matificante específico para a cútis oleosa é essencial para um retoque rápido. Fique atenta apenas em comprar um produto que tenha exatamente o tom da sua pele para que as pinceladas de emergência não fiquem destoando no rosto.

Outra boa ideia que livra o rosto da sensação pegajosa é andar com um pouco de loção adstringente em lenços de papel ou pedacinhos de algodão: aplicá-los é mais prático do que lavar o rosto e traz uma refrescância providencial durante o dia.

O único problema é que essa alternativa remove a maquiagem e consequentemente traz o trabalho de ter que fazer tudo de novo. Quem não quiser passar por isso, pode recorrer aos chamados lenços matificantes. São pedacinhos de papel que sugam a oleosidade da pele sem tirar a make, uma ótima alternativa para retoques rápidos.

Dicas para manter o rosto bem sequinho

Quem sofre com pele oleosa sabe que isso pode ser um problema na hora da maquiagem! O brilho excessivo na zona “T” pode acabar com a produção, deixando a make com aspecto pesado e um acabamento pouco natural.

Mas além de uma rotina de cuidados bem certinha, também dá para combater o problema com algumas dicas de maquiagem, como apostar em produtos matte e investir num pó compacto. Confira a seguir alguns truques que você pode usar no seu dia a dia:

1. Limpe muito bem o rosto antes de começar a maquiagem

De nada adianta fazer uma make mega bafônica se a pele não estiver limpa! Isso porque em pouco tempo, a oleosidade vai começar a derreter o look e todo o trabalho pode ir por água abaixo.

Por isso, o primeiro passo para evitar o brilho excessivo na make é lavar muito bem o rosto, com um produto específico para pele oleosa. Aplicar um tônico adstringente também pode ser uma boa ideia e, se você tiver alguma espinha, essa é a hora de aplicar um tratamento localizado. Assim, com a pele livre de impurezas, a sua maquiagem ficará muito mais uniforme e duradoura.

2. Hidrate sempre o rosto antes da maquiagem para evitar o efeito rebote

Você já ouviu falar no efeito rebote? Ele acontece quando, ao usar produtos de limpeza muito adstringentes, se retira também a hidratação natural da pele. Aí, ela sente necessidade de produzir mais óleo! Para evitar esse probleminha, nada de pular a etapa de hidratação na rotina: depois de lavar, é essencial aplicar um creme específico para o seu rosto e que seja à base de água e de rápida absorção.

3. Invista na base com acabamento matte

A base matte é a mais indicada para as donas de pele oleosa, já que com a fórmula sequinha, a make dura muito mais tempo e o brilho na zona “T” demora mais para aparecer. Por isso, na hora de escolher a sua base, vale procurar por uma que prometa um acabamento sequinho, geralmente com partículas de pó.

4. Não abra mão do pó compacto para finalizar a zona ‘T’

A zona “T” é a região do rosto que mais fica oleosa, que corresponde à testa, laterais do nariz e queixo. Por isso, se a sua pele é bem oleosa, depois de aplicar a base, vale aplicar um pouco de pó compacto sobre essa região, para manter a oleosidade sob controle durante muito mais tempo.

5. O blush em pó é a melhor pedida para as donas de pele oleosa

Está na loja e bateu aquela dúvida: escolher um blush cremoso, líquido ou em pó? Se a sua pele for oleosa, a melhor pedida – sem dúvida – é a versão em pó. Assim, a sua pele não ficará com brilho excessivo nas bochechas! O segredo para que o rosto não fique brilhando é nunca aplicar o blush por cima da base e sempre pincelar com uma camada de pó facial antes para um resultado bem sequinho.

 

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: