Dicas Para Conquistar a Família do Seu Parceiro (IMPERDÍVEL)

Dicas Para Conquistar a Família do Seu Parceiro (IMPERDÍVEL)
Avalie esse artigo

Existem muitos fatores que influenciam a felicidade de um relacionamento, respeito e gentileza fazem parte da boa convivência, mas há algo que devemos sempre ter em mente: o relacionamento com a família do seu parceiro.

Você sabe que não escolheu sua família política. Você se apaixonou por seu parceiro e, nesse momento, sua família não era algo com o que você deveria se preocupar, mas se você pode ter conflitos e discussões com os seus, não é de surpreender que em algum momento possa haver atrito ou tensão com sua família.

É normal, porque as diferenças em educação, valores e crenças são notáveis ​​em reuniões de família, com a adição de que você não tem a mesma confiança para dizer-lhes as coisas que o incomodam.

Tudo isso pode forçar bastante as reuniões familiares e provocar discussões com o seu parceiro, que pode estar entre uma rocha e um lugar difícil.

Ver também: Coisas que os Homens Querem Ouvir das Mulheres (IMPERDÍVEL)

Conhecer seus sogros é quase tão importante quanto estar bem com seu parceiro. O objetivo não é forçá-lo a despertar sua simpatia ou aprová-lo, mas sim a poder relacionar-se com eles de maneira saudável e positiva. Por isso, aqui nós damos algumas dicas, continue lendo e veja o que os especialistas acham que devemos fazer para conquistar a família do amor da nossa vida.

Esforço e respeito

Esse é o primeiro ponto, e um dos mais importantes. Provavelmente sua família política terá muitos costumes diferentes aos seus, que muitas vezes você não vai gostar. Mas você deve estar disposto a se esforçar e respeitar seu estilo de vida, não tente entendê-lo, muito menos mudá-lo, apenas respeite-o.

Negociar

Muitas vezes vai acontecer com você que seu parceiro o convide para a casa de seus pais durante o fim de semana, quando o que você menos planejou para o fim de semana foi isso. Por esta razão não é esfregar novamente com o seu parceiro a melhor coisa é estabelecer acordos, se eles visitam sua família um dia e o outro fazer o que você tinha proposto e assim por diante. Esses pactos devem ser respeitados por ambos para que, após nenhum problema, surjam.

Inteligência

Você usou sua inteligência e apostou para se dar bem com sua família politicamente desde o primeiro momento. Sempre se concentre nas coisas que você tem em comum e no que as une. Evite os problemas que podem ser produto de discórdia e aposte para dar mais do que enfrentá-los. Evitar conflitos não é necessariamente a melhor opção, mas pelo menos é o mais quieto, se ficar bem é o que você está procurando.

Dê o exemplo

Se a harmonia é o que você está procurando, você deve ser o modelo a ser seguido. Comporte-se com a família do seu parceiro da maneira que você gostaria que seu parceiro se comportasse com o seu. Além disso, não caia nas comparações grosseiras entre sua família e a sua, famílias diferentes, mundos diferentes, isso só trará problemas entre você.

Cuidado com o álcool

Nas reuniões de família há sempre álcool para celebrar qualquer evento, mas tenha cuidado, sem perceber o que você bebeu, você pode ir ao mar e começar a falar coisas que você nunca quis dizer e que os outros prefeririam nunca ouvir. Melhor controlar sua ingestão de álcool e evitar mal e ser ridicularizado.

Deixe os conflitos do casal em casa

A pior coisa que você pode fazer no relacionamento com sua família política é tirar a roupa suja entre você e seu parceiro no meio da reunião. Não diga a sua mãe que você tem problemas com seu parceiro, para começar não o corrigir, além de que se lembra de uma mãe é uma mãe, sempre defender o seu filho de alguma forma. Para isso você tem o seu para lamentar e aliviar suas mágoas ou permitir que você ilumine com algum outro conselho.

Espere, mas até certo ponto

Pode ser que em algum momento você tenha que passar o dia todo colocando seu melhor rosto e sorrindo mesmo para aquele sobrinho que tem seus nervos inclinados. Isso é necessário quando se trata da família do seu parceiro e é sempre melhor segurar e engolir os comentários que criticam e explodem de raiva. Mas cuidado, todos nós também temos o nosso limite e não são obrigados a manter tudo sempre, se você sentir que você está prestes a explodir e você não pode manter acumulando raiva secretamente curto período de tempo antes que as coisas ficam fora de controle.

Segurança em você

A fim de manter um bom relacionamento com os outros, você deve primeiro ter um bom relacionamento consigo mesmo, você deve ser uma pessoa equilibrada. Incentive seu valor pessoal e suas qualidades que fazem de você uma mulher agradável e agradável. Tenha certeza de si mesmo e transmita isso para os outros.

Atreva-se a colocar limites

Aprenda a manter os limites claros, sem deixar que nenhuma das partes interfira em seu relacionamento ou em seus espaços, se você não permitir, isso obviamente ajudará seu parceiro a esticar o carro. Se você não definir os limites desde o início, então está ficando mais complicado e você terá que aturar toda a colônia se intrometer em seus assuntos com seu parceiro.

Alie-se ao seu parceiro

Que não seja visto que você está do seu lado e seu parceiro do lado da sua família (como a dica anterior). Isso mostra que ambos são uma equipe e que eles são parceiros em seu próprio relacionamento, que as decisões são tomadas em conjunto e que ambas respeitam as preferências da outra, acima de tudo demonstram que são maduras o suficiente para se encarregarem de suas próprias coisas.

Se a sua família política perceber que você trabalha separadamente, ela tenderá a aderir ao funcionamento do seu parceiro, deixando você sozinho e em desvantagem. Essas são as melhores dicas para conquistar a família do seu namorado. Você tem mais alguma dica? Conte nos comentários o que você acha, não se esqueça de compartilhar com suas amigas as nossas dicas.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: