Em Oito Passos Ofereça ao Seu Cabelo o Tratamento que Ele Merece

Em Oito Passos Ofereça ao Seu Cabelo o Tratamento que Ele Merece
3 (60%) 2 votes

 

Cabelo bonito, hidratado e com vida é o objetivo de muitas mulheres. Mas para alcança-lo não é uma tarefa fácil. Toda mulher deve assumir um compromisso com suas madeixas e oferecer a elas o cuidado que elas merecem. Afinal, ninguém deve conhecer melhor o seu cabelo do que você mesma.

Não há tratamento melhor do que o bom e velho shampoo e condicionador. Dois produtos que não podem faltar na rotina da mulherada. Mas o fato de ser o tratamento básico para qualquer cabelo, não significa que eles são tão simples assim. Basta uma atitude errada no processo de lavagem que toda a vitalidade do cabelo pode ir de ralo a baixo. Por isso, apresentamos abaixo 8 passos simples que vão tornar seus cabelos impecáveis.

Ver também: Aposente a Tinta e Assuma os Cabelos Brancos Com Estilo

Passo 1

No mercado encontramos diversos produtos para vários tipos de cabelo. Com isso, podemos concluir que se existe essa variedade de produtos, nosso cabelo precisa de cremes específicos. Portanto, o primeiro passo para cuidar corretamente das madeixas é saber identificar o tipo do seu cabelo. E para ajudar nessa tarefa, separamos uma lista com os 5 tipos de cabelo.

Normal: Esse é um tipo de cabelo que se caracteriza como macio e brilhoso naturalmente. Por não apresentar oleosidade em excesso e nem deficiência dela, basta usar um shampoo específico para manter o próprio brilho;

Oleoso: Fios pesados e com aspecto gorduroso? Esse é o cabelo oleoso. A oleosidade é produzida pela glândula sebácea do couro cabeludo. Quando é produzida em excesso, os cabelos devem ser lavados diariamente com shampoo próprio para ele. E ao passar condicionador, aplique somente no comprimento do cabelo. Se passar na raiz a produção de óleo pode ser agravada;

Seco: O cabelo seco não é difícil de identificar. Os fios ficam porosos, opacos e sem nenhum brilho. Para ele, o shampoo deve conter ação hidratante e abusar das umectações e cremes emolientes;

Misto: Quando a raiz está oleosa e as pontas estão secas, significa que o cabelo é misto. Nesse caso, o shampoo também deve ser específico. Porém, as pontas deverão receber um tratamento especial. Para elas, o uso de reparadores será necessário e alguns óleos também serão bem vindos. No entanto, estes últimos devem se restringir às pontas, se passa-los na raiz essa região poderá produzir ainda mais oleosidade;

Tingido: Como o próprio nome já diz. Esse tipo de cabelo passou pelo processo de tintura. Uma coloração altera a estrutura do fio. Por exemplo, algumas tintas contêm níveis altos de oxidantes que abrem a cutícula do fio para que ela possa fixar. Nisso as fibras capilares ficam frágeis necessitando de um tratamento mais intenso. Diante dessa situação, quem tem suas madeixas coloridas deve fazer uso de produtos que possam hidratar os fios capilares e que auxiliam na fixação da cor.

Passo 2

Muitas acham que o shampoo é somente um produto de limpeza para os cabelos e por isso a marca ou o tipo não fazem diferença… Mas estão completamente enganadas! Cada cabelo possui um tipo diferente e, portanto o shampoo deve ser específico para ele. Caso contrário só irá agravar o problema a ser combatido. Por exemplo, se um cabelo seco receber shampoo para cabelo oleoso, os fios ficarão mais ressecados ainda. Pois o produto irá retirar o pouco óleo dos fios secos.

Passo 3

Não acostume seu cabelo com o mesmo produto. Muitos acham que isso é papo furado. Mas essa é uma grande verdade que precisa ser colocada em prática! Se lavar os cabelos todos os dias com o mesmo shampoo, ele pode ficar viciado e perder o efeito. Além disso, para quem usa shampoo específico como antiqueda ou anticaspa deve alternar seu uso com outros normais para evitar o ressecamento.

Vale ressaltar também que, lavar o cabelo todo dia só é liberado para quem tem cabelo oleoso. Como a produção de óleo é grande, facilmente resíduos poluentes se instalam nas madeixas necessitando de uma boa higienização. As demais devem procurar fazer a lavagem um dia sim e outro não.

Passo 4

Faça uso do Shampoo anti-resíduos. Algumas não o incluem em sua rotina por medo de ressecar demais. Mas acontece que todos os dias nossas queridas madeixas estão expostas a vários fatores externos que além de agredir nossos fios os deixam terrivelmente sujos. Um shampoo normal não consegue dar conta de higienizar completamente. Já o anti-resíduos possui ativos que fazem uma limpeza mais profunda no cabelo. Mas ele só deve ser utilizado uma vez na semana.

Passo 5

A mulherada deve evitar usar produtos 2 em 1 (aqueles que possuem shampoo e condicionador ao mesmo tempo).  O shampoo tem uma função que é a de limpar. O condicionador já tem a função de estimular o óleo natural do cabelo e repor nutrientes que foram perdidos ao longo do tempo. Ambos agem de forma diferente, em regiões diferentes e em tempos diferentes. Portanto, se usa-los simultaneamente, os dois irão perder seus efeitos.

Passo 6

Não lave seu cabelo em água quente. Os cabelos devem ser lavados em água fria ou morna, pois, auxiliam na selagem das cutículas. Já a alta temperatura pode estimular a produção excessiva de óleo na região da raiz. O que pode resultar em ressecamento dos fios e descamação do couro cabeludo.

Passo 7

Se seus cabelos estiverem com uma quantidade muito grande de resíduos, aplique o shampoo por duas vezes. Mas antes, procure umedecer os cabelos primeiro e só então faça a lavagem. Após exangue bem para não ficarem resquícios do produto e aplique o condicionador para selar as cutículas e facilitar na hora de pentear.

Passo 8

Para cabelos muito ressecados e volumosos, é bom fazer uso do leave-in. Além de revestir os fios com uma camada protetora, ele vai reduzir o volume e inserir alguns ativos hidratantes. Em alguns produtos, podemos encontrar propriedades modeladoras que fixam o creme ajudando no penteado.

 

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: