Exercícios Mesmo Sem Dietas!

Exercícios Mesmo Sem Dietas!
Avalie esse artigo

Na televisão e no cinema, sempre vemos corpos sarados e perfeitos à mostra, como se fosse fácil ficar em forma daquele jeito sempre. Muitos dos artistas, no entanto, se submetem à regimes especiais ou a rotinas de exercícios para manter a forma e a boa aparência.

Ver também: A pratica de exercícios é fundamental para perca de peso

Exercícios e alimentação correta: o segredo para quem quer perder ou ganhar peso

Como emagrecer para fazer bonito neste verão? Essa é uma pergunta que todos se fazem quando as piscinas e as praias começam a lotar. Para o professor Afredo Halpern, do Departamento de Endocrinologia da Faculdade de Medicina da USP, a resposta é simples: “a pessoa tem que comer o que costuma comer, e diminuir as frituras, gorduras e doce.

Halpern defende o regime pelo sistema de pontos, pelo qual o paciente segue uma lista de pontos e tem um limite para o consumo de cada grupo de alimentos ao longo do dia. “Você emagrece comendo o que gosta”, garante ele. “O alimento, mais que gostoso, deve ser funcional, atuando de forma positiva e eficaz no organismo”, defende Halpern.

O mínimo de calorias que uma pessoa saudável deve consumir por dia é 800. Para muitas pessoas, apenas diminuir a quantidade de comida é difícil. Para essas pessoas existem muitas formas de emagrecer, desde dietas radicais, como o da inanição, no qual a pessoa pode perder mais de 600 gramas por dia com o jejum, até as dietas individualizadas, que podem ter supervisão médica e acompanhamento de exercícios.

As dietas radicais apresentam efeitos quase que imediatos, mas podem causar danos sérios à saúde e fazer com que haja “efeito iô-iô” (recuperação rápida do peso perdido). Segundo Halpern, “quanto mais exercício melhor”.

Para quem não tem tempo de freqüentar uma academia, a dica do professor é fazer 20 minutos de exercícios diários em casa ou ao ar livre, como caminhar em esteiras, subir escada, pular corda ou, até mesmo, andar pela casa.

Além dos exercícios, é preciso disciplina na hora de comer: mastigar bem e não ler ou assitir televisão durante as refeições. De acordo com o médico, é sempre bom evitar fazer compras de alimentos quando estiver em jejum ou com fome.

Na hora de ficar em forma, o mais importante é procurar ajuda médica e querer emagrecer para você, e não para os outros. Quando as razões para emagrecer vêm de um fator externo, a possibilidade de se manter um bom peso é muito pequena.

Pratique exercícios físicos

Antes de fazer qualquer tipo de atividade física é imprescindível passar por uma avaliação física completa. A maioria das academias conta com médicos especializados em medicina esportiva para aplicá-los e, se você vai começar a fazer exercícios sozinho, converse com seu médico antes.

Na avaliação física, além de perguntas sobre o seu histórico de saúde, é pedido um teste de resistência, feito na esteira com acompanhamento de equipamentos que medirão a sua capacidade respiratória e cardíaca. A avaliação física costuma ser dividida em teste de resistência e teste de força.

Corrida: Quem não tem costume de correr, pode começar com caminhadas de 20 a 35 minutos. Aos poucos, vá intercalando a caminhada com corridas leves, até se sentir a vontade para manter-se na corrida.

Procure correr apenas o necessário para se sentir bem, sem ultrapassar seus limites. Lembre-se de manter-se sempre hidradatado. Procure áreas arborizadas ou parques para a prática da corrida.

Bicicleta : A bicicleta é um aparelho que trabalha a musculatura das pernas e pode trazer dores se for praticada em demasia. Pedale o suficiente para se sentir bem, sem ultapassar seus limites.

Lembre-se de levar uma garrafa de água para se manter hidratado. Dê preferência a áreas verdes ou com trânsito tranqüilo.

Alongamentos:Utilize bancos ou grades para prasticar o alongamento. Após uma sessão de corrida, caminhada ou bicicleta é importante relaxar a musculatura. Alongue-se até sentir a tensão, mas tenha cuidado: alongar demais pode ocasionar lesões.

Vantagens dos exercícios ao ar livre: Além da melhora do condicionamento físico, estes exercícios favorecem principalmente a musculatora das pernas e glúteos. Na bicicleta, devido à posição para a prática da atividade, há também um fortalecimento do tronco e dos membros superiores.

Os erros mais freqüentes de quem faz academia

Muitas vezes, o entusiasmo de quem acabou de se matricular em uma academia pode fazer com que o novo malhador exagere na dose.

Um dos erros mais comuns é buscar resultados imediatos a qualquer custo. “Tem gente que passa cinco anos sem se exercitar e quer que em menos de um mês o corpo fique como se nunca houvesse parado de treinar”, comenta o personal trainer Marco Aurélio Viana.

Fique atento aos sinais de seu corpo. Aquela dorzinha depois dos exercícios é comum na primeira semana, mas, se persistir, pode mostrar que há algo errado, na carga ou na freqüência. Outro erro apontado pelos especialistas é não se alimentar para treinar. Isso é mais comum entre pessoas que buscam redução de medidas.

“Não é porque você quer emagrecer que tem de parar de comer ou comer muito pouco. Muita gente não sabe, mas quando se fica muito tempo em jejum ou comendo errado, o corpo passa a metabolizar massa magra, ou seja perder músculo”, ensina Marco Aurélio Viana. Por isso, é ideal seguir uma alimentação balanceada, que contenha todos os grupos de alimentos.

Ao contrário do que muita gente acredita, os carboidratos jamais devem ser cortados do prato, já que fornecem pelo menos 40% de toda a energia que o corpo humano precisa.

Os anabolizantes são substâncias que potencializam os efeitos do exercício no corpo, recuperando as fibras musculares que foram anteriormente gastas ou danificadas durante a atividade.

Entretanto, se usados de forma errônea, podem provocar não apenas retenção de líquidos e estrias, como também causam aumento da massa óssea e alterar as funções cardíacas, hepáticas e renais.

Outro produto de uso controvertido é o hormônio de crescimento, conhecido como GH. Ele é produzido pelo corpo até a adolescência, mas é usado por atletas e malhadores para “secar” o corpo.

Então, saiba como perder aqueles quilinhos indesejáveis e ter aquele corpo que você sempre sonhou. Não perca mais tempo, procurando varias saídas.

AlfaCaps realmente funciona?

AlfaCaps traz muitos resultados e é indicado para as pessoas que desejam emagrecer de forma segura. Não possui contraindicação. Para saber mais sobre a melhor pílula emagrecedora confira o site.

AlfaCaps traz muitos resultados e é indicado para as pessoas que desejam emagrecer de forma segura. Não possui contraindicação.

Para saber mais sobre a melhor pílula emagrecedora confira o site clicando aqui.

 

 

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: