Flertando no Trabalho, boa ou Má Ideia? (O GUIA COMPLETO)

Flertando no Trabalho, boa ou Má Ideia? (O GUIA COMPLETO)
Avalie esse artigo

Uma coisa é certa: você passa a maior parte do tempo no local de trabalho. Isso induz um investimento em termos de tempo, mas também em termos de relacionamento. As pessoas que você conhece todos os dias ocupam espaço em sua vida.

Já faz algum tempo que você passou longos e longos dias com seu colega Marc e está começando a sentir mais que simpatia por ele. Portanto, você se pergunta: “Flertar no trabalho, é uma boa ideia ou uma má ideia?”

Flertando no trabalho: um jogo atraente

Em primeiro lugar, existe uma diversidade tão grande de pessoas que você vê como é fácil encontrar a pessoa que vai fazer você bater no seu coração. Em segundo lugar, o contexto do local de trabalho trabalha a nosso favor no nível dos apetites, uma vez que estamos preparados e a nosso favor: tentamos nos mostrar à nossa luz, sendo gentis com nossos colegas e superiores. Nós desempenhamos um papel de certa forma.

Em terceiro lugar, os gatilhos da paixão estão no auge. Flertar em um local de trabalho tem um gosto proibido e a proibição desperta o fogo da paixão, como a falta e a frustração em outros lugares. Esta relação nascente no trabalho, imprevista, fora da caixa, que deve permanecer discreta, tem um cheiro ainda mais delicioso que é proibido. O pequeno medo que pica porque temos medo de ser pegos também é excitante. Parece jogos infantis. Um flerte no trabalho é algo surreal que é emocionante.

Flertando no trabalho: um jogo perigoso

É você e seu colega cada vez mais próximos. Você envia vários e-mails durante o dia, almoça juntos. Você está na sua pequena nuvem por algumas semanas até o dia em que começa a perceber que está apegado a ele.

Além disso, você começa a se perguntar a sério o que seu relacionamento significa para seu colega. Você gostaria de ir mais longe com ele. Já se passaram três meses desde que você virou o arbusto e gostaria que ele saltasse para a água. By the way, você inadvertidamente descobriu que o senhor tem uma namorada. Claro que ele havia escondido de você.

Você se pergunta por que ele continua esse jogo de sedução com você por meses? Se ele apenas quisesse um “golpe”, ele não teria complicado a tarefa, esforçando-se para ensinar-lhe todos os dias, escrevendo-lhe palavras doces e poemas. Ele teria ido direto ao ponto. Isso é o que você imagina.

Na sua insurreição, você escorregou de um jogo leve para um jogo sério. Você flertou e foi bom, tão bom que não consegue mais se afastar da situação em que se envolveu. Você foi preso por seu próprio jogo, você só queria um flerte e se apaixonou. Sem tomar precauções, sem primeiro procurar saber se esse homem estava disponível.

Idem do seu lado; ele só queria um flerte para reviver a paixão extinguida em seu relacionamento e ele se apaixonou por você. Cada ação tem suas consequências. Nós não brincamos com amor.

Agora ele não sabe mais como lidar com a situação. Ele está apaixonado por você, mas não pode decidir deixar sua esposa. Ele não brinca com seus sentimentos, mas ele está perdido na sua. Ele está dilacerado: ele tem apenas um desejo: fazer amor com você, mas, ao mesmo tempo, ele está ligado à namorada e não pode suportar a culpa que geraria tal ato.

A solução que parece ser a melhor é manter seu relacionamento em um estado um pouco vago, continuando a seduzi-lo enquanto o coloca à distância. Ele é atualmente incapaz de escolher entre você e sua namorada. Essa situação faz você sofrer.

O perigo de flertar com o trabalho é que você não conhece realmente a pessoa que está com você. Você não pode saber nada sobre sua vida amorosa, sobre seus amigos, sobre suas atividades extras. Seus colegas mostram apenas o que eles querem mostrar. Portanto, é fácil imaginar muitas coisas e a idealização segue.

Outro perigo: se você ficar com raiva e quebrar em termos ruins, se ele é a única pessoa com quem você está próximo, você se encontrará sozinho. Além disso, ele pode quebrar o açúcar nas costas, se ele está ressentido ou um mau perdedor. Ninguém pode apoiar você.

Em conclusão: antes de complicar a sua vida, com o chamado um pouco flertar sem consequências, a atenção para você! Certifique-se de flertar com um único homem e tentar vê-lo em algum outro lugar que não seja no trabalho.

O lado bom para todo amor: O amor te faz estúpido!

Este ditado tão prevalente ” amor faz estúpido ” é verdade, você pode confirmar isso agora! De fato, quando estamos apaixonados, temos uma tendência a nos tornarmos estúpidos, a exclamar, a nos ridicularizar por um sim ou um não. O estado de amor amplifica essa tendência à regressão porque o estado de amor nos submerge em um estado de fusão-paixão com o outro. Um estado que se parece singularmente com o feto que todos experimentamos quando estávamos na barriga de nossa mãe, quente, seguro e rodeado de amor.

Sendo particularmente bom, especialmente se achamos que encontramos a alma gêmea, que nos entende e sempre estará lá para nós. Como nossa mãe foi quando começamos na vida. Essa situação de amor que estamos experimentando, portanto, nos devolve fortemente a esse estado anterior – uma espécie de paraíso perdido – e é essa ressonância que amplifica o estado amoroso.

Temos a sensação de encontrar este paraíso original. Então nos sentimos tão bem, com uma segurança tão afetiva que pensamos que tudo é permitido. O outro nos ama como somos, incondicionalmente e aproveitamos a oportunidade para superar as barreiras da contenção social, sendo totalmente autossuficiente, com toda a nossa infantilidade e infantilidade.

Como essas coisas estranhas se manifestam?

Eles são manifestados por comportamentos que parecem estranhos ou mesmo idiotas para pessoas de fora. Na verdade, somos como crianças. Somos constantemente espantados uns pelos outros e por tudo o que está acontecendo ao nosso redor. Estamos num estado de inocência.

Nós nos abraçamos, nos beijamos em todos os lugares, sem parar. Na intimidade, mas não só: a rua, as lojas, os amigos, a família tem a chance de ver esse show melado e bobo. A modéstia não mais embaraça; não há vergonha em afirmar demais a felicidade de alguém. Nós imaginamos e estamos convencidos de que as pessoas estão felizes em participar dessa felicidade espalhada na praça pública. A multidão nunca se cansa de nos admirar. A paixão desobedece a paciência.

Livro para Conquistar um Homem:

Pesquisamos na internet e descobrimos alguns Livros para Conquistar um Homem.

Após pesquisar tudo sobre Frases da Conquista, verificar a procedência e qualidade. Também verificamos o que tinha menos reclamações no Reclame Aqui e o que tem mais depoimentos mostrando resultados reais da eficácia.

O melhor Livro que ensina como Conquistar um Homem foi o Frases da Conquista.

Frases da Conquista Funciona?

Frases da Conquista é um Livro com técnicas simples de hipinose e comportamento humano. É um livro best-seller, segundo a autora mais de 130mil cópias vendidas até 2017. Um livro que já está sendo aplicado e tranformando a vida de mulheres que não sabiam como lidar com os homens.

A ÓTIMA NOTÍCIA é que está disponível a venda para todo Brasil pela Internet no site http://thaisortins.com.br

Depoimento e avaliações do Frases da Conquista:

No site oficial você encontra tudo como funciona o Frases da Conquista, aqui tem um depoimento de uma das leitoras do livro

Onde Comprar Frases da Conquista:

O Frases da Conquista é vendido SOMENTE no site oficial
Cuidado: tem falsificadores que se aproveitam do sucesso do Frases da Conquista para ganhar dinheiro ilegalmente vendendo o Frases da Conquista, não caia nessa armadilha, sempre compre no site oficial: http://thaisortins.com.br/. Qualquer outro site, inclusive mercado livre e outros vendem produtos falsificados e podem acabar te fazendo mau à saúde.

DESCONTO EXCLUSIVO do Frases da Conquista para leitores do blog:

CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO:
Conseguimos um desconto exclusivo por algumas horas para nossos leitores,
ATENÇÃO: Esse desconto encerra em: 05:31 minutos!
Saiba Mais
CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO »
Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: