Medo de Amar: como superá-lo?

Medo de Amar: como superá-lo?
Avalie esse artigo

Deixe-me imaginar o seu cenário agora: você teve um término difícil. Teve sucessões de casos com diferentes pessoas que não deram certo. Todas as pessoas que se envolveu anteriormente acabaram se revelando pessoas que não te entendiam ou que não eram bons o suficiente.

Você desiste, afinal por que não? Você adquire aquele medo de se entregar novamente, de permitir que a pessoa adentre seu lugar mais intimo, revelando seus segredos.

Então, surge aquela pessoa que parece ser diferente. Parece que não é desse mundo. Ele te entende, te dá seu espaço, te aconselha. Ele é tudo aquilo que você achou que não existia. Mas ele existe e está bem na sua frente. Só que existe o medo.

Ver também: Descubra segredos que os homens escondem das mulheres 

Medo, segundo uma pesquisa rápida no Google, não é nada mais que “estado afetivo suscitado pela consciência do perigo”ou apenas um receio. Receio de quê?

E principalmente por quê? Antes que possamos adentrar no cerne daquilo que se diz ser “medo de amar”, vamos dar passos de bebê, ok? Por que ele existe? Como ele nasceu? Para entender isso, é essencial que entenda a si mesma. Que entenda quem você é, de tal forma para entender a existência desse medo.

Será que esse é o momento para deixar todo o sofrimento de lado e se jogar de vez? Muito provavelmente!

Veja só: ter medo, normalmente, é causado por algo que aconteceu previamente. Algo que você assume ser perigoso e que não quer perto de você. Temos medo de cobra porque ela tem veneno.

Temos medo do inusitado porque não sabemos o que pode acontecer. Temos medo de n coisas, mas sempre, de modo ou de outro, conseguimos superar nossos medos. E por que, sempre que o medo está atrelado a nossos sentimentos, é tão mais difícil de superá-lo?

Provavelmente porque dificilmente enfrentamos nossos sentimentos e nesse caso, já cansamos de enfrenta-los e quebrar a cara. Então, criamos aquele receio. Aquela coisinha dentro de nós que diz “você realmente vai fazer isso? Realmente vai fazer isso de novo?”. Alguns diriam “tem que ter coragem”, outros dizem “isso! Vai fundo!”, eu digo: você está bem?

Acha que não existe mais solução? Não deixe o medo te governar, mulher!

Eu considero uma pergunta bastante intrigante porque, veja o seguinte: sempre que estamos prestes a enfrentar nosso maior medo, as pessoas gritam palavras de entusiasmo. Coragem! Você consegue! Vai passar rápido!

Automaticamente, elas assumem que vocês quiseram estar naquela posição, enfrentando aquele medo. Elas não entendem que você foi, literalmente, jogada naquele círculo de coisas que te fazem tremer e que sua única alternativa, é enfrenta-lo para se ver livre dele.

Todas as vezes que estive diante de algo que me deixava com medo, que me aterrorizava, principalmente quando era uma criança, minha mãe dizia: você está bem? Acho que minha mãe sempre entendeu que eu teria que enfrentar aquilo – na época, foi andar de bicicleta, mal sabia eu que os problemas seriam maiores a cada dia -, mas ela entendia que para enfrentar aquilo, eu deveria estar bem.

Então, eu repito a pergunta: você está bem? Está bem consigo mesma? Porque, é importante que entendamos que o medo não vai embora, o medo continua e vai continuar até você se sentir bem diante do causador.

O medo tem picos e tem baixas, mas quando menos esperar, quando sentir que vai estar tudo bem, ele vai voltar e ei, calma, é normal. Se sentimos medo, quer dizer que temos receio de perder nossa felicidade, de perder nosso bem-estar e calmaria. Entendido o que é medo e como podemos enfrenta-lo um pouquinho, passemos para a parte mais difícil: medo de amar.

Medo de amar. É um ótimo título – eu que o diga. Fazendo jus a ele: por que ele existe?  Experiências passadas, talvez? Um coração partido e o medo que ele venha se tornar isso novamente? Você sofreu muito com companhias que não te entendiam? Será que alguém, no mundo, vai te entender?

É obrigação deles? É de clareza solar que entendamos que ninguém no mundo é obrigado a nos entender. Seria bom? Claro que sim! Seria um sonho. Mas não é obrigação. O que as pessoas lá fora podem nos dar é amor. E só isso? Isso é o básico. É amor e paciência.

Se essa nova pessoa que citamos lá em cima, essa nova pessoa estiver te dando paciência, estiver te dando seu tempo, talvez seja a hora de se perguntar se você está bem, de sentir esse medo borbulhar em sua barriga, mas continuar dando passos à frente.

Não deixe o medo tirar de você todas as boas experiências. Supere-o!

Se estiver lendo até aqui, quer dizer que você ainda não entendeu muito bem o que fazer para superar e dar uma nova chance. Antes de prosseguir, quero que se pergunte: você quer superar? Você está suscetível a, talvez, ter seu coração partido de novo?

Digo isso porque, como uma pessoa que tem medos demais e que um deles continua sendo o de amar, sempre dizia que estava aberta a novas experiências, mas de fato, eu não queria me colocar na mesma situação.

Então, quando eu dizia não para essa nova relação a minha frente, eu dizia não porque não queria deixar meu medo para trás, porque ele tomava conta de mim de tal forma que era impossível viver sem ele. Até que eu me senti pronta para superar.

Então, se nesse momento, você estiver pronta para superar, você conseguirá seguir, mesmo se aquela partezinha de sua mente estiver dizendo: não!

Considerando que você está pronta para superar, então você está pronta para mil coisas, mulher! Se você diz para si mesma que pode superar seu medo, por que não deixar essa outra pessoa, que está te tratando como ninguém te tratou, entrar em sua vida?

Se ele quebrar seu coração, um passo atrás, mas pense só: você conseguiu enfrentar seu medo e acima de tudo, você teve experiências que nunca voltarão atrás.

Antes de tudo, eu te darei um conselho: fale isso para essa pessoa que está prestes a entrar nessa roda gigante contigo. Diz para ele seu medo. Seus anseios e receios. Tudo que você sofreu e o que você tem medo de sofrer.

Diz que você está fazendo isso por você, porque não há ninguém mais importante que você é, diz que isso é uma decisão sua e que ele, por aceitar, está apenas sendo coadjuvante da sua história.

 

Livro para Conquistar um Homem:

Pesquisamos na internet e descobrimos alguns Livros para Conquistar um Homem.

Após pesquisar tudo sobre Frases da Conquista, verificar a procedência e qualidade. Também verificamos o que tinha menos reclamações no Reclame Aqui e o que tem mais depoimentos mostrando resultados reais da eficácia.

O melhor Livro que ensina como Conquistar um Homem foi o Frases da Conquista.

Frases da Conquista Funciona?

Frases da Conquista é um Livro com técnicas simples de hipinose e comportamento humano. É um livro best-seller, segundo a autora mais de 130mil cópias vendidas até 2017. Um livro que já está sendo aplicado e tranformando a vida de mulheres que não sabiam como lidar com os homens.

A ÓTIMA NOTÍCIA é que está disponível a venda para todo Brasil pela Internet no site http://thaisortins.com.br

Depoimento e avaliações do Frases da Conquista:

No site oficial você encontra tudo como funciona o Frases da Conquista, aqui tem um depoimento de uma das leitoras do livro

Onde Comprar Frases da Conquista:

O Frases da Conquista é vendido SOMENTE no site oficial
Cuidado: tem falsificadores que se aproveitam do sucesso do Frases da Conquista para ganhar dinheiro ilegalmente vendendo o Frases da Conquista, não caia nessa armadilha, sempre compre no site oficial: http://thaisortins.com.br/. Qualquer outro site, inclusive mercado livre e outros vendem produtos falsificados e podem acabar te fazendo mau à saúde.

DESCONTO EXCLUSIVO do Frases da Conquista para leitores do blog:

CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO:
Conseguimos um desconto exclusivo por algumas horas para nossos leitores,
ATENÇÃO: Esse desconto encerra em: 05:31 minutos!
Saiba Mais
CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO »
Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: