O que é Fantasma? Tudo o que você Precisa Saber

O que é Fantasma? Tudo o que você Precisa Saber
Avalie esse artigo

Parece incrível, mas acontece. No terceiro milênio hiper conectado, um amor ou uma amizade podem desaparecer sem deixar vestígios. É o fenômeno do fantasma, uma prática que consiste em terminar um relacionamento sem dar explicações, mas fechando cada canal de comunicação com o outro. Isto é, transformando-se em fantasmas.

Os livros e as rubricas do coração estão cheios de telefones que não tocam e amam que saem ou não voltam sem explicação. Mas é possível fechar todos os canais de comunicação e desaparecer sem deixar traços no terceiro milênio hiperconectado? Aparentemente sim. Se o cara com quem você estava saindo parou em branco para atender suas chamadas e suas mensagens e excluiu você de todas as redes sociais, você foi vítima de fantasmas.

Descubra aqui o que é, quem faz, como reagir se acontecer com você e os fenômenos ligados a essa prática.

O fenômeno fantasma

 

Você conheceu um menino. Você começou a namorar e parecia estar bem. Então ele desapareceu. Evaporado. O telefone não responde. No WhatsApp bloqueou você. Ele te deletou do Facebook e no Instagram ele parou de te seguir. O que aconteceu? A resposta é tão simples quanto perturbadora: ele não queria mais vê-lo e dizer e desaparecer, ele preferia desaparecer.

O fenômeno não é novo (infelizmente), mas na era dos aplicativos sociais e de namoro ganhou um nome e uma definição: fantasmas, ou “fechar um relacionamento ignorando todas as comunicações da outra pessoa”.

A idéia por trás dessa prática é que fazer um fantasma é uma maneira indolor de fazer o outro entender que o interesse não está lá ou acabou, sem dizer isso brutalmente. Mas, na realidade, aqueles que sofrem fantasmas estão envolvidos em uma espiral de pensamentos autovalorizados e autodestrutivos, muitas vezes acabando por atribuir a si mesmos toda a culpa (verdadeira ou presumida) da retirada do parceiro.

Pelo contrário, aqueles que fazem fantasmas rejeitam as responsabilidades emocionais inerentes ao fechamento de um relacionamento e evitam o peso do confronto, se autodissolvendo com a convicção de agir no bem do outro.

O fenômeno diz respeito às relações de amor e amizade (tanto longas quanto recentes) e uma pesquisa realizada em 2016 revelou que a prática é mais difundida do que se pode imaginar (com 11% dos entrevistados que admitiram ter feito fantasmas pelo menos uma vez na vida) e está especialmente interessado na população entre 18 e 29 anos.

Quem faz fantasmas

 

Rastrear a identidade daqueles que fazem fantasmas pode ser enganador e perigoso, mas existem algumas categorias de pessoas (homens e mulheres) que parecem mais preparadas do que outras para implementar essa prática.

Entre os assuntos a que você tem que ter cuidado existem narcisistas, ou aqueles que demonstram um egocentrismo patológico, têm dificuldade em mostrar empatia, buscando constantemente a admiração dos outros e afirmação pessoal, são hipersensíveis a críticas e estão lutando para mostre remorso e gratidão.

Da mesma forma, você tem que olhar para si mesmo de pessoas que dão prioridade absoluta à realização pessoal e nos relacionamentos elas mostram uma atitude ambivalente, oscilando entre o envolvimento total e a frieza extrema.

Mantenha a guarda alta mesmo com aqueles que parecem muito (muito) misteriosos, com aqueles que são propensos a mentir e não mostram respeito pelos outros (ou mostra pouco) e com aqueles que têm um comportamento passivo-agressivo ou infantil. E acima de tudo, não refaça seus passos com aqueles que uma vez fizeram de você a vítima de fantasmas.

Fantasma: como reagir

 

O fantasma pode ter efeitos perturbadores em uma pessoa. De acordo com um estudo da Academia Nacional de Ciências (PNAS) de 2011, a rejeição social desencadeia as reações químicas da dor física no cérebro. Mas é apenas uma das consequências do abandono sem explicação. Quando o parceiro ou um amigo desaparece no ar, sentimentos de preocupação, raiva, medo se manifestam e não apenas o relacionamento é questionado, mas também (acima de tudo) a pessoa e a própria capacidade de discernimento. Como essa espiral autodestrutiva pode ser evitada?

A primeira coisa que você deve ter em mente e, de fato, o mais importante é que uma pessoa que se comporta assim não merece sua atenção, muito menos sua afeição ou seu amor. Você realmente quer sofrer por alguém que acredita que a melhor maneira de fechar um relacionamento (de amor ou amizade) é desaparecer sem dar explicações ou deixar vestígios? Você realmente quer se arrepender de uma pessoa que demonstrou não ter empatia e respeito por você?

Comece com essas considerações para virar a página: dedicada a seus amigos e familiares e envolvida em atividades que fazem você se sentir bem. Sair, praticar esportes, inscrever-se para o curso que você quer fazer o tempo todo ou apenas cortar algum tempo para ler ou andar. O importante é que você não se tranque e não deixe pensamentos negativos prevalecerem. Você experimentou uma grande decepção e, provavelmente, uma grande dor, mas o passado não pode ser alterado. Mas pode (deve) tornar-se uma riqueza de experiências para começar e valorizar para o futuro.

Zumbi, mostrando e assombrando

 

O fantasma não é o único fenômeno tóxico que afeta as relações do terceiro milênio. Outra prática que está ocorrendo na era do flerte digital é zumbi. Neste caso, depois de ter baixado sem uma palavra de explicação, o parceiro está vivo novamente depois de dias, semanas ou até meses, como se nada tivesse acontecido.

Em vez disso, a maioria é um upgrade desprezível de fantasmas. Na prática, o outro faz você acreditar que tem um interesse sincero e profundo por si mesmo, desequilibrando-se não apenas em palavras, mas também em ações, e então desaparece no ar.

Por último, mas não menos importante, a assombração é uma forma perturbadora de perseguição digital. Fenômeno completamente social ocorre quando um ex-namorado ou amigo ou uma pessoa que de alguma forma saiu de sua vida emerge do passado na forma de corações contínuos e como seu status no Facebook ou Instagram e exibir em suas histórias. Esta é uma abordagem passivo-agressiva, que visa manter uma espécie de controle psicológico sobre o outro.

 

Livro para Conquistar um Homem:

Pesquisamos na internet e descobrimos alguns Livros para Conquistar um Homem.

Após pesquisar tudo sobre Frases da Conquista, verificar a procedência e qualidade. Também verificamos o que tinha menos reclamações no Reclame Aqui e o que tem mais depoimentos mostrando resultados reais da eficácia.

O melhor Livro que ensina como Conquistar um Homem foi o Frases da Conquista.

Frases da Conquista Funciona?

Frases da Conquista é um Livro com técnicas simples de hipinose e comportamento humano. É um livro best-seller, segundo a autora mais de 130mil cópias vendidas até 2017. Um livro que já está sendo aplicado e tranformando a vida de mulheres que não sabiam como lidar com os homens.

A ÓTIMA NOTÍCIA é que está disponível a venda para todo Brasil pela Internet no site http://thaisortins.com.br

Depoimento e avaliações do Frases da Conquista:

No site oficial você encontra tudo como funciona o Frases da Conquista, aqui tem um depoimento de uma das leitoras do livro

Onde Comprar Frases da Conquista:

O Frases da Conquista é vendido SOMENTE no site oficial
Cuidado: tem falsificadores que se aproveitam do sucesso do Frases da Conquista para ganhar dinheiro ilegalmente vendendo o Frases da Conquista, não caia nessa armadilha, sempre compre no site oficial: http://thaisortins.com.br/. Qualquer outro site, inclusive mercado livre e outros vendem produtos falsificados e podem acabar te fazendo mau à saúde.

DESCONTO EXCLUSIVO do Frases da Conquista para leitores do blog:

CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO:
Conseguimos um desconto exclusivo por algumas horas para nossos leitores,
ATENÇÃO: Esse desconto encerra em: 05:31 minutos!
Saiba Mais
CLIQUE AQUI PARA GARANTIR O DESCONTO »
Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: