O que pode estar te impedindo de terminar um relacionamento complicado

O que pode estar te impedindo de terminar um relacionamento complicado
Avalie esse artigo

Algumas pessoas acreditam que um relacionamento de qualidade é aquela em que não existem brigas. O fato é que algo assim é praticamente uma utopia.

Não existe nenhum tipo de relacionamento em que não ocorram desentendimentos, sejam eles pequenos ou até mesmo mais graves.

Se você parar para pensar por um momento, vai perceber que algumas vezes brigamos até com nossos amigos. Imagine então se não irão existir brigas entre um casal?

Todo relacionamento passa por seus altos e baixos. No entanto, terminar nem sempre é a melhor solução. Basta prestar a atenção em pequenas situações. Pois se elas existirem, é possível sim resolver qualquer problema.

Veja seis detalhes que vão te ajudar a não terminar um relacionamento que está numa fase ruim.

6 COISAS QUE VÃO EVITAR O FIM DE UM RELACIONAMENTO DIFÍCIL

1 – VOCÊS SABEM QUE HÁ ALGO ERRADO

Muitos pensam que terminar é o caminho mais fácil. Então simplesmente ignoram os problemas.

Se vocês sabem que há algo de errado no relacionamento e além de reconhecer essa situação estão dispostos a resolvê-la, ainda é possível salvar o namoro ou casamento de vocês. A questão de vocês talvez seja receio, medo de sentar com o parceiro e passar as coisas a limpo.

Ver também: Meu relacionamento acabou e não consigo parar de pensar nele, o que fazer?

2 – AINDA EXISTE DIÁLOGO

Vocês conseguem conversar sem que ninguém se exalte e levante a voz ou saia ofendido. Sabem o momento exato em que uma discussão está se tornando uma briga mais grave e, portanto respeitam um ao outro.

Tentem sentar juntos e falar abertamente o que os incomoda. Assim podem entender como chegaram ao momento de crise e mais do que isso, buscar uma solução que será benéfica aos dois.

3 – VOCÊS AINDA SE AMAM

Isso fica claro nas pequenas atitudes do dia a dia. Por mais que estejam numa fase ruim em que nada parece agradá-los, vocês ainda se esforçam para mostrar ao outro o que sentem. Um “bom dia”, um abraço, até mesmo um rápido toque no outro.

Não deixe que isso se apague. E se está magoado, procure comentar com o parceiro. Explicando inclusive qual foi atitude do outro que causou isso. Esteja preparado para ouvir o que o outro tem a dizer.

O principal é não guardar os sentimentos para você. Verbalize sobre o que está te incomodando, mas também demonstre que ama ao outro e que está disposto a resolver essa situação.

4 – VOCÊS SE RESPEITAM

O pior que pode acontecer num relacionamento é a perda do respeito pelo parceiro. No momento em que isso acontece você passa a pensar apenas em si mesmo e joga a culpa de tudo – principalmente da sua infelicidade no outro.

Se ainda existe respeito entre vocês, ou seja, ninguém está apontando dedos e fazendo acusações pelos problemas que estão vivendo, ainda é possível salvar esse relacionamento.

5 – VOCÊS TÊM INTIMIDADE

Aqui não me refiro ao ato de fazer sexo. Intimidade não é apenas se desnudar de corpo diante de outra pessoa. Mas também de alma. Vocês conhecem abertamente a individualidade um do outro?

Não têm medo de falar abertamente sobre qualquer que seja o assunto e respeitam a opinião e o espaço um do outro? Então vocês tem intimidade. Ou seja, se conhecem verdadeiramente. No seu melhor e no seu pior. Afinal, ninguém é perfeito.

6 – NÃO EXISTE JOGO DE PODER

Se você observar, existem casais que estão numa constante competição para ver quem é o líder da relação. Se vocês sabem que um relacionamento de verdade se constrói juntos e que ninguém é melhor do que ninguém, não há motivo para terminar.

Afinal, ninguém está acusando ou corrigindo ao outro como se um dos envolvidos no relacionamento fosse uma criança. Vocês sempre tomar decisões em conjunto.Encontrou essas características no seu relacionamento?

Então é hora de sentar com o parceiro e pesar os prós e contras de um término. Lembrando que terminar um relacionamento é algo bastante desgastante e se no caso de vocês existem os detalhes citados acima, com certeza qualquer problema pode ser resolvido.

SINAIS DE QUE VOCÊ NÃO DEVE DESISTIR

1 – AINDA HÁ DISPOSIÇÃO EM CEDER

Em um relacionamento – desde namoros, até casamentos – boa parte dos desentendimentos são causados pela falta de interesse de ambas as partes em ceder. Literalmente por egoísmo, pensar apenas em si mesmo e não se preocupar com o outro.

Se vocês ainda conseguem pensar “a dois” e deixar de lado o egoísmo, uma boa conversa pode ser a solução de todos os problemas. É preciso ter paciência, ouvir ao outro, apresentar seus argumentos e assim chegar a um comum acordo do quanto cada um pretende ceder.

2 – EXISTE RESPEITO ENTRE VOCÊS

Por mais grave que tenha sido a discussão ainda há respeito entre vocês. As conversas se dão num tom de voz normal e ninguém se excede ou parte para a defensiva com um rol de acusações.

Em nenhum momento vocês ofendem um ao outro e sabem quando é preciso dar espaço para a outra pessoa pensar um pouco sobre o ocorrido. Isso significa que vocês ainda se respeitam, portanto, vale a pena tentar resolver os mal entendidos e continuar a relação.

3 – VOCÊS NÃO DISCUTEM POR COISAS TRIVIAIS

Às vezes estamos irritados por situações que vivemos durante o dia ou simplesmente não estamos num dia bom. Portanto, um desentendimento ou outro por algo bobo até acontece de vez em quando.

No entanto, a partir de momento que um casal discute ou briga sempre por coisas triviais – como uma toalha molhada em cima da cama – é preciso repensar se ainda existe sentimento e respeito entre os dois.

Essas pequenas coisas podem estar sendo utilizadas como desculpa para terminar o relacionamento.

Por outro lado, se os desentendimentos ocorrem de vez em quando e por motivos não insignificantes, não há por que considerar a ideia de desistir do casamento. Basta que os dois se sentem juntos por um momento e pensem o que está gerando os desentendimentos.

4 – HÁ INTERESSE DE AMBAS AS PARTES

Não me refiro apenas interesse em continuar com o relacionamento conjugal, mas sim aquele interesse nas atividades diárias do outro, no que tem a dizer ou em sua forma de se vestir.

Se vocês ainda observam essas características de forma positiva significa que ainda existe sentimento entre vocês. Às vezes é questão apenas de uma boa conversa e também de estar preparado para ceder.

5 – O GRANDE PROBLEMA É A ROTINA

Vocês se gostam, se respeitam, não brigam por qualquer motivo. Mas há apenas uma coisa que os incomoda: a rotina. Pense que não se deve desistir de um casamento apenas pelo fato do relacionamento ter caído na rotina.

Se vocês estão conscientes de que é essa a grande razão de insatisfação, conversem um com o outro e discutam juntos alternativas para tirar o casamento da rotina.

Será que um de vocês – ou pior, os dois – não está trabalhando demais? Por que não investir em uma viagem diferente juntos, para um local que nunca foram antes, por exemplo?

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: