Os Caminhos para mudar seu Relacionamento Amoroso

Os Caminhos para mudar seu Relacionamento Amoroso
Avalie esse artigo

Você deseja fazer grandes mudanças em sua vida diária? Você sente a urgência de mudar seus comportamentos para que eles sejam mais apropriados e levem a uma realização mais duradoura e grandiosa? Tenho certeza de que você responderá afirmativamente porque todos desejamos alcançar nossos sonhos e viver mais em harmonia consigo mesmos primeiro e depois com os outros.

Mas o que significa “mudança”? Mudar é aprender uma nova estratégia, é estabelecer um novo comportamento que, esperamos ser mais adaptado que o anterior. Aqui estão algumas dicas que você pode colocar em prática para iniciar uma mudança em sua vida.

Ver também: Segundas oportunidades nem sempre são ruins (Imperdível)

Humildade

É importante ser humilde para reconhecer que algumas de nossas estratégias são inadequadas. É verdade que somos responsáveis ​​por nossas ações e nossos modos de agir. De fato, se não estamos realmente felizes agora em nosso relacionamento, ou estamos atraindo pessoas tóxicas para nós, ou mesmo permanecendo bem apesar de nós mesmos, é mais provável que estejamos inadequados. Você não acredita? Assim, é hora de perceber que há algo em nosso modo de agir que não funciona. E isso sem qualquer culpa.

Atitude

A partir dessa consciência, terei que me moldar. Ou seja, terei que me afastar de minhas ações e dizer que não sou o que estou fazendo. A preocupação não é mudar a nós mesmos, nossa essência profunda, mas sim mudar nosso comportamento. O que estamos profundamente dentro de nós é indestrutível. Portanto, sou o que sou e por isso não posso ser afetado pelas ações que tenho diariamente.

Quem age não sou eu, estritamente falando. Pode ser o meu passado doloroso que me deixou frustrada, ou são minhas falsas crenças, ou meu subconsciente, que me levam a agir dessa ou daquela maneira. A boa notícia é que, uma vez que a conscientização tenha começado, agora podemos mudar comportamentos que não são mais adequados.

Consciência

Aqui, será uma questão de analisar o que hoje, em sua vida, torna impossível que você seja totalmente realizada. É realmente sobre colocar em prática uma capacidade de introspecção. As coisas não são como gostaríamos que fossem, tudo bem, mas é hora de tomar a decisão de mudar essas coisas e, finalmente, identificar nossas reais necessidades, bem como as lacunas e ter certeza de encontrar soluções mais adequadas.

Criatividade

A partir do momento em que percebemos que nosso comportamento não é adequado, teremos que elaborar uma lista para observar todas as novas estratégias que podem ser implementadas para iniciar uma mudança que corresponda melhor às nossas aspirações. Este tempo de pesquisa e criatividade é essencial.

Escolha

Logicamente, estará aqui para fazer uma escolha na lista que estabelecemos e determinar a solução que nos permitiria resolver nosso problema. À primeira vista, pode parecer fácil, mas para os “perfeccionistas” nem sempre é fácil escolher a solução ideal.

De fato, não podemos antecipadamente, ter a certeza de que a solução escolhida será a melhor. Portanto, por medo de fazer uma escolha errada, alguns podem optar por não escolher e, portanto, optar por continuar do jeito que está. Meu conselho seria fazer uma escolha temporária enquanto espera para verificar os resultados obtidos.

Compromisso

Uma vez feita a escolha, será uma questão de colocar em prática a estratégia selecionada como mais eficaz do que a anterior, que consideramos como não sendo a mais adaptada. Nós agiremos de acordo, para agir de modo que as coisas se movam.

Perseverança

Inicialmente, os resultados de nossas ações podem não ser muito convincentes, mas isso é perfeitamente normal. Será por força de “tentativa de erros” e muitos treinamentos que os resultados serão cada vez mais positivos. É certo que nos primeiros momentos viveremos inseguras ou sofreremos críticas. No entanto, é a perseverança que nos permitirá experimentar muitas vezes para que possamos ver os resultados obtidos a médio e longo prazo.

Assim, se realmente queremos mudar as coisas em nossas vidas, devemos perseverar, apesar dos fracassos de principiante. Uma vez que tenhamos mostrado perseverança, e mesmo que tenhamos estabelecido alguma estratégia, ainda nos orgulharemos de ter tentado mudar as coisas. Aprendemos muito durante este processo e saímos muito mais fortes.

Avaliação

Depois de algum tempo, teremos que avaliar o resultado de nossas novas ações. Isso nos permitirá invalidar ou confirmar nossa escolha na lista que estabelecemos. Se a avaliação foi bem-sucedida, ótimo. E se a estratégia escolhida não for a correta, tentaremos novas experiências estabelecendo uma nova estratégia.

O que temos a perder na ousadia de iniciar mudanças em vidas que não mais nos satisfazem? E o que temos a ganhar com isso? Claro que vai levar algum esforço e alguns sacrifícios, mas você não tem nada a perder. E então temos muito a ganhar depois. Alguém lá em cima nos deu livre arbítrio. É nosso dever como ser humano saber usá-lo sabiamente para (re) encontrar uma vida feliz, plena e serena.

A partir dessas mudanças, o seu relacionamento poderá se tornar mais feliz. Se você mesma decidiu e se sentiu pronta para realizar essa mudança, e acha que seu parceiro também deve realizar algumas para que as coisas deem certo, incentive-o e encoraje-o a realizar essas mudanças junto a você. Vocês, juntos, poderão notar depois o quanto isso foi próspero para o relacionamento, e o quanto as coisas se tornaram mais agradáveis, dentro e fora do relacionamento. Não é tudo uma questão de mudar para agradar o seu parceiro, mas também a si mesma. Essas mudanças serão muito mais positivas dentro de você mesma.

Se perceber que seu parceiro não está disposto a mudar, você ainda poderá usar todas as suas mudanças para o seu próprio bem, para se reerguer e conseguir entrar em um novo relacionamento ainda maior, com novas prioridades e a atitudes, assim terá ainda mais chances de obter sucesso e ser feliz.

Muitas pessoas dizem que se alguém te ama ela não tenta mudar você, mas pense que se as mudanças forem positivas, tanto para você quanto para o casal, porque não levar em consideração? Isso deve ser bastante pensado, no final das contas vale muito a pena, pois você será um ser humano muito mais feliz e realizado consigo mesmo e com as outras pessoas.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: