Quero terminar meu casamento e reconquistar um antigo namorado, dá certo?

Quero terminar meu casamento e reconquistar um antigo namorado, dá certo?
Avalie esse artigo

Bom, existem muitas variáveis pra essa situação. Você saiu do casamento com uma pessoa e vai namorar outra? Ou vocês dois decidiram romper o casamento e voltar à época do namoro? São exemplos, mas em ambos os casos é uma decisão delicada.

Ver também: O que fazer quando acaba a confiança no relacionamento? É possível reconquistá-la?

Princípios do Casamento

Existem alguns princípios que sustentam um matrimônio que são a base de qualquer relacionamento duradouro, e quando uma das partes ou ambas deixam de cumprir esses itens básicos, não resta outra saída a não ser o divórcio. Os princípios e valores conjugais primordiais são:

  • Respeito

O respeito pelo cônjuge deve ser sempre preservado. Mencionar palavras que afetem a honra, caráter, reputação, consideração, sensibilidade, amor próprio e até mesmo o lado social podem ferir a pessoa fortemente, e isso pode não ser perdoado, principalmente se elas são proferidas constantemente.

Respeitar o cônjuge, assim como a si mesmo, é o primeiro elo de sustentação de um matrimônio.

  • Fidelidade

A fidelidade, neste caso a falta de fidelidade, é o que mais leva os casamentos ao fim hoje em dia. A promessa de se preservar e se manter fiel um ao outro é muito difícil de ser mantida por algumas pessoas, e isso geralmente é irreversível, pois por mais que haja o perdão, a mágoa permanece como uma sombra entre o casal.

Deve-se ser fiel à sua esposa e evitar o adultério, que era até mesmo uma atitude condenável pela justiça brasileira anos atrás.

  • Coabitação

Ter um casamento significa viver juntos, dividir um lar em que ambos estejam presentes em corpo e espírito. Quando um dos envolvidos se afasta e abandona a casa, o outro pode pedir o divórcio.

  • Cooperação

Cooperar com o outro é uma obrigação no casamento. Auxiliar na vida doméstica, arcar com responsabilidades familiares e apoiar o cônjuge em todos os momentos da sua vida faz parte do pacote ao dizer “sim”.

  • Assistência

Prestar contas, auxiliar financeiramente nas despesas da casa e necessidades familiares são fundamentais para manter um casamento feliz, e isso deve partir de ambas as partes.

Por quê?

Antes de mais nada, é preciso pensar nos motivos que te levam a querer tomar essa decisão. Muitos casamentos não dão certo porque depois do período lindo da lua-de-mel, os casais percebem que não conseguem conviverem juntos, e tudo vai pro saco.

Lembre-se que casamento não muda ninguém, então não eleve suas expectativas. Tire um tempo pra pensar no que realmente está te incomodando.

E o outro (?) Seu parceiro também deve estar frustrado com algumas coisas. Vida de casal não é fácil. Se antes vocês morriam de saudades e mal podiam esperar para se ver, aqui a coisa complica.

 A rotina vai se instalar, não tem jeito. No entanto, como o outro está lidando com tudo isso?

Formas de pedir o divórcio

 Geralmente, a decisão de pedir o divórcio parte de um dos cônjuges e o outro pode concordar ou não. Porém, quando a decisão é certa e definitiva, geralmente não há nada que se possa fazer para reverter.

Quando um não quer, dois não brigam não é mesmo? Quando um dos princípios mencionados acima é quebrado ou está em falta, não há muito o que se fazer para mudar isso.

Muitas pessoas ficam reclusas pensando se existe uma maneira certa de pedir o divórcio, pois não querem gerar mais brigas. Colocar um ponto final em um relacionamento de anos deixa em evidência a sua descrença no sucesso do relacionamento e, muitas vezes, simboliza que o amor acabou.

Por isso, não existe a fórmula secreta e perfeita para realizar esse pedido, mas com diálogo as coisas podem amenizar muito! Veja abaixo as melhores formas de pedir divórcio sem gerar brigas.

Com respeito e consideração

Por mais que os motivos que levaram a essa decisão tenham sido dolorosos, ninguém quer passar por mais tristeza e angústia. Mostre respeito à sua esposa, chame-a para conversar em um tom ameno.

Liste os problemas que estão enfrentando sem acusações ou cobranças, pondere cada item e mostre que se preocupa com os sentimentos dela, mesmo com os problemas que têm enfrentado.

Nunca faça isso por meio de mensagens de voz, chat e até mesmo telefonema. Por mais difícil que seja, a conversa olho no olho é essencial.

Deixe as culpas de lado

Ao estabelecer um diálogo e explanar os motivos, em nenhum momento aponte o dedo e exponha as culpas da parceira. Fazer ataques nesse momento é completamente desnecessário, uma vez que a decisão está tomada e não se espera mais uma melhora da outra parte.

Evite esse desgaste e, por mais que pense sinceramente que a culpa seja toda da esposa, guarde esse rancor para você e aprenda a suavizá-lo com o tempo para seu próprio bem estar.

Tenha em mente que por mais que a mulher tenha errado, a culpa nunca é 100% de uma pessoa só. Seres humanos são imperfeitos e a convivência sempre foi difícil desde os tempos remotos até os dias de hoje.

Ele sabe que você está passando por esse conflito interno? Conversas, conversas… É chegada a hora de conversar.

Não adianta tentar esconder a sua vontade de sair de um casamento. Espere pelo momento certo e se abra. Fale tudo o que você está sentido. Fale do que você achou que deveria ter acontecido, do que você esperava do outro, etc.

Não será uma conversa agradável, ainda mais se o outro estiver se sentindo nas alturas com a vida de casado. Ele (a) se sentirá culpado por não ter conseguido propiciar uma vida mais feliz pra você. E agora? E então você decidiu de vez acabar com o casamento.

Por algum tempo, você ficará se perguntando se tomou a melhor decisão. Antes de partir pra qualquer relacionamento novamente, tire um tempo pra você.

Mas use esse tempo parapensar no que de fato levou ao fim da sua relação, e qual a sua parte de culpa. Será que você não esperou demais de um casamento?

Nada é fácil. Tanto um namoro quanto um casamento podem ser bastante complicados. Entenda que fantasiar sobre qualquer um dos dois é besteira e você vai acabar se decepcionando.

Casamentos felizes existem, mas os problemas também. Por um lado, você irá encarar com outros olhos qualquer namoro que você tiver. O casamento traz um amadurecimento emocional que nenhuma outra relação propicia. Não continue a se iludir e aprenda com os erros. Só assim você terá um relacionamento verdadeiro!

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: