Razões Erradas pelas quais duas Pessoas estão Juntas

Razões Erradas pelas quais duas Pessoas estão Juntas
Avalie esse artigo

Por que duas pessoas decidem ficar juntas? Simples, eles se amam. Simples, mas não é óbvio. Aqui estão algumas outras razões (erradas) que criam um casal.

Duas pessoas se veem e se reconhecem em mil. Ambos querem conversar um com o outro, tocar um ao outro, conhecer um ao outro. Ao fazê-lo, eles descobrem um ao outro, unidos por algo que não está claro o que é. Assim, nasce o amor que, no melhor dos casos, se transforma em amor. Passar mais tempo juntos torna-se uma necessidade, vivendo a consequência certa sob o mesmo teto. Um vínculo para selar com uma assinatura, para ser realizado com uma criança.

Esta é uma boa história. Mas isso nem sempre acontece. Porque muitas vezes as pessoas que se reúnem dando vida a um casal, não o empurram pelo amor, mas por outras razões. Que, precisamente porque são “outros”, se revelam errados. E uma base de casais bizarros.

Ver também: Mitos Sobre Relacionamentos Que Podem Destruir Seu Namoro (IMPERDÍVEL)

Casais onde é fácil entrar e muito difícil de sair. Apenas como se o fato de estar errado se tornasse o elo. Casais diferentes uns dos outros, mas com um denominador comum: frustração. Esse sentimento que, tão absurdo quanto a harmonia, cresce com o tempo.

Aqui então – visto pela parte feminina do casal – 7 razões erradas pelas quais duas pessoas estão juntas, para reconhecer e fugir. Apenas para não desistir da chance de amar.

FAZER UM FILHO

Em uma certa idade – que varia de mulher para mulher – seu relógio biológico começa a piscar ruidosamente: você está pronto para uma criança. Sim, mas se você não tiver a pessoa certa ao seu lado, o que fazer? Tomar um que tenha o mesmo objetivo pode ser a solução mais rápida. Mas não é o melhor. Porque a mãe não conhece o egoísmo: todos são livres para escolher por si mesmos e, portanto, também embarcam em uma história errada, mas um filho certamente não escolheria nascer em uma família sem amor, com todas as consequências que isso acarreta.

ESQUECER O EX

Passe a unha-perseguição de uma noite anarquista. Passe um travesseiro de alguns meses – não mais do que três – para não pensar. Mas então chega. Um relacionamento verdadeiro baseado no sofrimento pela perda de outra pessoa, onde ele pode trazer você?

Sofrer de uma dor confusa: em breve chegará o dia em que você não entenderá se sofre pela história que não tem mais, ou por isso ainda tem. De fato, é isso que você ainda tem que te machuca. Porque a dor da perda desaparece com o tempo. Mas a frustração de uma história errada, ao longo do tempo, piora.

POR MEDO DA SOLIDÃO FÍSICA

Miranda também disse em “Sex and the City” “não é isso o que é preciso para se casar? Não passar as férias sozinho? Páscoa e Ano Novo. Férias de verão e inverno. Pontes e finais de semana. É quando você tem algum tempo livre, ou recebe convites com o “+1”, que você sente falta de um namorado.

Então quem está lá, quem não está lá não é: em vez de esperar pelo amor, encontre um homem para lhe fazer companhia. Agora você não está sozinho, você sabe quem jogar fora os presentes no Natal, que arrastam você para trás dos casamentos … então por que você está tão infeliz?

PARA O MEDO DA SOLIDÃO MORAL

O status único deixa você com mais medo de monstros embaixo da cama. Ou pelo menos, é assim durante este período. Porque você se sente fraco e inseguro. Ter um homem ao lado pode ser uma boa solução. O tapinha no ombro. Sabendo que há alguém pronto para ouvir seus problemas, talvez ofereça uma solução. Se você está agora à procura de um parceiro, certamente encontrará o errado: você não tem a clareza de fazer a escolha certa, nem o relaxamento para seguir sua intuição. Nada fará você se sentir mais sozinho do que uma história errada.

PARA RIVITALIZAR

Sua vida não é como você esperava. Você queria refazer os passos de Einstein, mas os itens à venda no 20% que já enviar em crise. Você sonhava com o sorriso feliz de Barbie, mas você tem a aparência de Chucky, o boneco assassino. Você queria o passo de Gisele, mas nos saltos você se parece com Danny DeVito. E então você aponta a vida de um casal, certo de encontrar ao lado de um homem as satisfações que consolarão você. Muito ruim, o motivo de todas as suas inseguranças: essa relação vai mudar como resgate, à falência. E pensar que era o suficiente para se apaixonar pelo que você havia se tornado, Chucky ou DeVito.

PARA OS OUTROS

Onde quer que você vá, as pessoas perguntam “você está sozinho?” E para você que “sim” queima seus dentes como pimentas quentes. Então, dê uma resposta apropriada e crie seu próprio par. Apenas para colocar os outros em silêncio, certos de que terão uma opinião melhor de você. No entanto, as mesmas pessoas que queriam você noivado, começam dizendo “não moram juntas? Quando você se casa? E um filho? Oprimido por essas perguntas, você não percebeu uma coisa: quando você responde, elas não o escutam. Eles são levados pelos seus problemas. E você está fazendo escolhas para acomodar aqueles que não conhecem sua voz.

POR QUE ESTÁ NA “FASE DE TESTE”

Diplomata aos 19 anos: feito. Pós-graduação em 25: feito. Vença o campeonato regional de tiro com argila: feito. Coma cinco Big Macs em uma noite: pronto. Noivado no casamento: agora eu faço isso. Dizem que o homem certo chega na hora certa.

É quando, tanto você quanto ele, você está pronto para algo importante, maduro para compartilhar o que você construiu até aqui. Um momento para esperar, mas não force. Caso contrário, em breve você terá algo mais na lista para verificar. Sendo assim, achamos melhor mesmo é permanecer sozinho! Mas caso sejam situações fáceis de se levar, por que não, não é mesmo? A ideia é somente ser feliz.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: