Razões pelas Quais ser Solteira no Verão é Maravilhoso

Razões pelas Quais ser Solteira no Verão é Maravilhoso
Avalie esse artigo

O verão é a estação do flerte e das aventuras e não há melhor momento para ser solteiro. Aqui estão as razões pelas quais é maravilhoso não ter um namorado nesta parte do ano. O verão é a estação de aventuras e flertes e não há melhor momento para desfrutar de sua “solteirice”.

Ter um namorado quando as férias começam pode às vezes ser muito estressante, e a menos que você se encontre em um relacionamento muito forte, é difícil resistir à tentação. É bem na frente de situações como essas que se orgulha de ser solteiro. Aqui estão todas as coisas que tornam o verão maravilhoso para pessoas que não têm namorado.

Ver também: Como Superar uma Separação: Por que sair com outras Pessoas (e como fazer)

 

Você pode conhecer novas pessoas – No verão, é inevitável conhecer novas pessoas entre a praia, eventos e festas até tarde da noite, mas apenas os solteiros podem realmente apreciá-lo. Eles não terão nenhum problema em falar alguns minutos com um estranho, na verdade eles podem achar que estão lidando com uma pessoa incrivelmente interessante.

Flertar é a ordem do dia – Que melhor oportunidade de verão para flertar? Ser solteira dá a oportunidade de pegar em movimento todas as aventuras possíveis, mesmo as mais quentes.

Você não deve dar conta a ninguém – Ser solteiro também significa não ter que dar conta a ninguém, qualquer escolha que você queira fazer. Você pode começar de um dia para outro com os amigos, usar uma camisa decotada só para ser notado ou ficar dançando a noite toda.

Não tenha medo de usar roupas sexy – Quando você está envolvido, muitas vezes você tem que discutir com seu parceiro para vestir uma roupa sexy. Passar uma pessoa ao ar livre, no entanto, evitará esse tipo de problema: você está livre para usar o que quiser.

Há espaço para as paixões – No verão há muito tempo livre e você tem a oportunidade de retocar suas paixões. Claro, isso só pode ser feito quando você é solteiro, caso contrário, esse mesmo tempo seria usado para estar com o namorado.

Você gasta tempo consigo mesmo – Há mais e mais pessoas que embarcam em aventuras solitárias que se provam incríveis. Se você está engajado, você é privado de uma experiência como essa, já que começar sozinho não é sequer contemplado.

Não compartilhe a cama com ninguém – Não há nada pior do que dividir a cama com o namorado quando as temperaturas são tropicais. os solteiros, por outro lado, sabem como é agradável passar a noite em uma cama nova e ampla.

Não passe horas no telefone – Qual é o propósito de ir de férias e depois ter que gastar horas e horas no telefone com o parceiro? Ser solteiro significa não ter “incômodos” semelhantes, o smartphone, no máximo, será usado para tirar selfies.

Organizamos viagens com amigos do sexo oposto– Uma das razões pelas quais o verão é maravilhoso? Você pode organizar viagens e fins de semana, mesmo com amigos do sexo oposto. Afinal, eles são os mais engraçados.

O verão de mulheres maduras: de férias dizer adeus ao menino de brinquedo

Com a chegada dos feriados, há muitas mulheres maduras que decidem deixar seus filhos de brinquedo em casa. Os motivos são os mais variados, alguns querem aproveitar o verão em total liberdade, outros aproveitam as férias para conquistar novos jovens “presas”.

Há muitas mulheres maduras que, quando se trata de amor, preferem acompanhar homens jovens, capazes de emprestar a qualquer momento e dar sentimentos que estavam agora quase esquecidos, pena só que essas histórias de amor entre puma e menino de brinquedo eles geralmente duram até o verão chegar.

As pessoas de quarenta anos têm ideias muito claras sobre os sentimentos e não têm medo de terminar um relacionamento que não é mais bom ou que se revelou uma perda de tempo pouco antes de partir para as férias.

De acordo com uma amostra de mil mulheres maduras, estas últimas deixam cada vez mais freqüentemente o garoto de brinquedo em casa quando saem de férias. Em particular, 37% dos entrevistados disseram que queriam passar o verão em total liberdade, tanto do ponto de vista profissional quanto sentimental. Um “homem de brinquedo” seria apenas uma bola a seus pés que o impediria de voar para destinos distantes. Outros 21% confessaram aproveitar o verão para conquistar novos jovens “presas”, enquanto 16% disseram que deixariam o garoto de brinquedo apenas quando a paixão acabar.

15% do puma, em seguida, deixa o seu parceiro mais jovem antes das férias apenas para lhe dar uma chance para fazer uma viagem na companhia de amigos pares, enquanto a final de 11% não vai desistir de vinte do seu coração que ele procura mostrá-lo para a praia, um troféu. Em suma, a relação do menino-brinquedo do puma é sempre difícil de decifrar, mas, apesar do que se possa pensar, às vezes pode esconder sentimentos reais e profundos.

Apaixone-se: o que isso significa e quais são os sintomas de se apaixonar

Apaixonar-se é uma das experiências mais bonitas e muitas vezes mais perturbadoras da nossa vida, mas ainda não conseguimos entender por que esse sentimento surge e por que em alguns casos ele dura e em outros termina. O que é certo é que cada caso de amor é único, mas existem alguns sintomas que são comuns a quase todos os amantes: os fisiológicos, como o batimento cardíaco rápido, e psicológicos, como não ser capaz de parar de pensar no amado. Mas vamos ver o que significa se apaixonar e quais são os sintomas que nos dizem que é verdade se apaixonar.

O que significa se apaixonar

Apaixonar-se significa sentir-se completamente tomado pela outra pessoa, que nos envolve em todos os sentidos: nós nos importamos com ela, estamos empolgados com o pensamento de estar perto dela. Quando nos apaixonamos, então, nos sentimos envolvidos e atraídos para o outro que se torna quase o nosso único pensamento e que nos faz entrar em um turbilhão de emoções do qual nos sentimos completamente sobrecarregados. A paixão entra em jogo, mas também a inveja, que pode tornar a nossa vida maravilhosa, mas também mais complicada, se não infeliz, quando se torna uma obsessão.

A pessoa por quem nos apaixonamos não a vê pelo que ela realmente é, mas construímos nossa própria imagem que vai além da aparência exterior. Além disso, em todo relacionamento, há tanto um retorno às experiências passadas de amor, mas há também a novidade que nos empurra para frente e traz nova energia vital. A fase de queda ainda dura dois ou três anos no máximo , então chega a hora de nosso sentimento de amadurecimento se transformar em algo importante, mas a ênfase do começo tende a desaparecer.

Então, há momentos em que alguém entra na cabeça que mal conhecemos, mas que acende um fogo dentro de nós, sim, porque se apaixonar não significa necessariamente ter um relacionamento. Já aconteceu a todos, especialmente os adolescentes, para se apaixonar com o cantor ou ator do momento, uma imagem que temos lá como uma relíquia, e que estrela nos faz bem apenas para olhar para ela: apaixonar-se é este porque está fora de toda lógica.

Então, o que significa se apaixonar? Não podemos dizer exatamente, mas é certo que mais do que concerne ao outro, diz respeito a nós e ao nosso desejo de nos envolver, arriscar e recomeçar todas as vezes.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: