Saiba a diferença entre um homem bom e ruim de cama

Saiba a diferença entre um homem bom e ruim de cama
Avalie esse artigo

Quem acompanha o blog viu que no meu último post eu falei sobre os diferentes tipos de homens na cama. Nele eu falei sobre algumas das mais frequentes disfunções sexuais que acometem os homens. E hoje é a minha vez de falar sobre os chamados “homens bons e ruins de cama”. Isso existe? Dá pra driblar? Qual a diferença entre em um homem bom e um ruim de cama? Vem comigo, que vou lhe contar tudo que aprendi sobre isso ao longo de anos de trabalho.

Já lhe adianto que um homem bom de cama depende muito mais da sua cabeça do que do seu corpo. O que define a performance de alguém no sexo não são apenas os órgãos sexuais, mas principalmente a forma como ele lida com o seu corpo, como se relaciona com o outro e como ele enxerga o sexo. Ou seja, é muito mais psicológico, o que é uma ótima notícia, pois indica que há salvação. Dá sim pra transformar o sexo morno com o parceiro em uma experiência prazerosa com um homem bom de cama (e sem precisar trocá-lo por outro). No final do post eu inclusive divido algumas dicas com vocês.

O perfil sexual dos homens

Para começar a nossa conversa, eu gravei um vídeo onde explico para você um pouco mais sobre o perfil sexual dos homens. Você já deve ter percebido que enquanto alguns homens são mais “safados” e bons de cama, outros são mais fechados, o que reflete diretamente na forma como eles fazem sexo. O bom de cama se preocupa mais com a parceira, já o ruim de cama está tão focado em si mesmo que o sexo pode se tornar frustrante.

Sim, o perfil do homem se reflete totalmente na forma como ele se comporta e na sua performance na hora H. Um homem bom de cama não tem nenhum super poder, ele apenas se permite mais, sabe o que quer e não tem limites para chegar lá. Já os ruins de cama, geralmente são aqueles que estão tão travados e preocupados consigo mesmos que isso reflete diretamente na sua performance.

No vídeo de hoje eu vou falar a respeito do perfil sexual dos homens, vou traçar um comparativo entre os homens mais “criativos”e os mais “conservadores”. Aperte o play e confira o que eu tenho pra lhe dizer! Tenho certeza que você vai concordar comigo em muitos pontos!

Existe homem ruim de cama?

Um homem bom de cama não é um homem diferente dos outros, ele não tem nenhum atributo mágico. Geralmente o que ele tem é boa vontade de fazer acontecer, curiosidade e uma naturalidade maior para lidar com o seu corpo e o corpo da sua parceira. Ou seja, ele não nasce assim, vai ficando melhor de cama com o passar do tempo.

Da mesma forma, não existe nenhuma sentença que diga que alguém é ruim de cama e, por isso, precisa continuar sendo pro resto da vida. Isso é coisa de quem tem preguiça de tentar melhorar e fazer as coisas de um jeito diferente.

O que vai determinar o comportamento sexual do homem, e muito da sua performance, é a sua criação e os seus valores. O problema é que existe uma percepção muito deturpada, e muitas vezes até mesmo machista em relação aos “valores” de muitos homens e de mulheres também.

O resultado disso? Aquele sexo mecânico e burocrático que muitas de nós, infelizmente, conhecemos bem. Mas nem você, nem ninguém, tem que se conformar com sexo ruim! E nem precisa trocar de parceiro pra buscar alguém bom de cama. Por que não investir em quem está com você? Por que não se dedicarem a tornar a vida sexual de vocês cada vez melhor? Os dois só tem a ganhar.

Você conheceu um homem maravilhoso e o sexo foi frustrante? Seu marido insiste no batido papai e mamãe? Não precisa ser sempre assim! Com o tempo, testando coisas novas, vocês com certeza vão descobrir do que gostam mais, como cada um sente mais prazer e o que funciona melhor pros dois. Não tem fórmula mágica! É trabalho e criatividade, sem medo de ousar e buscar coisas novas.

O que fazer para transformar alguém em um homem bom de cama?

Não é hipnose, não é mágica, não é uma fórmula que esteja a venda… Para que seu parceiro vire bom de cama, é preciso muito trabalho e paciência. Mas vamos combinar que não será nenhum trabalho ruim, viu?! Confira algumas dicas práticas:

  • Conversar é sempre um bom começo.

Vocês são um casal, são parceiros, estão juntos… Nada mais natural do que conversarem. Pode parecer difícil no início, mas é tudo uma questão de prática. E não é conversar sobre os problemas do trabalho ou as notícias do jornal. A ideia aqui é falarem sobre a intimidade, contarem o que mais gostam, o que menos gostam, que fantasias tem…

  • Fiquem a vontade um com o outro.

Por que você e seu parceiro teriam inibições um com o outro? Vocês escolheram ficar juntos, então por que não investir na intimidade de vocês para ficarem mais conectados e alcançarem resultados muito mais prazerosos juntos?

  • Seja direta!

Por incrível que pareça, tem muito homem que nem imagina que não é bom de cama. E você não precisa dizer isso dessa forma, mas precisa deixar claro o quanto você enxerga que podem melhorar. Fale sobre seus descontentamentos, suas expectativas e esteja preparada para ouvir o que ele quiser falar.

  • Tome uma atitude!

A situação não vai esquentar se não houver iniciativa. Compre uns brinquedinhos, invista numa lingerie mais ousada, pesquise umas posições diferentes… Teste coisas novas e encoraje o seu par a sugerir novidades também.

  • Tá com vergonha? Vá com calma, mas vá!

Você não precisa chegar chegando, dá pra começar aos poucos, o importante é começar.

  • Não tenha medo de surpreender.

A ideia é melhorar a situação, certo?! Então não tenha medo de ousar. Se não der certo, não deu. Bola pra frente e vamos tentar outras coisas!

  • Encoraje seu parceiro a se soltar.

Você não vai transformar seu companheiro em um homem bom de cama sozinha. Ele precisa participar desse processo de transformação do sexo, por isso, dê força e incentive ele a inovar também.

Por que a cultura influencia tanto?

Eu sempre digo que o que a gente faz na cama não influencia o caráter de ninguém, mas muitos homens ainda tem uma visão conservadora, especialmente quando pensam nas suas namoradas e esposas. Eles acham que ousadia é coisa para as outras!

Acha que estou exagerando? Que isso não existe mais hoje em dia? Pois existe sim! Por incrível que pareça, eu ainda recebo com frequência reclamações de mulheres frustradas sexualmente, porque os seus parceiros não aceitam novidades na cama. Na maioria das vezes eles alegam que essas “novidades” não são coisas de mulheres decentes… E não poderiam estar mais errados!

A mulher que quer se entregar e realizar as suas fantasias com o seu parceiro, está cuidando da qualidade da vida sexual do seu relacionamento. Quando o homem entende isso ele se torna mais feliz e realizado no sexo e isso se reflete também na sua performance. Quanto mais ele se entrega às novidades propostas pela parceira, mais bom de cama ele vai ficando.

Mas eu preciso dizer pra você que nem sempre essas atitudes conservadoras por parte dos homens são apenas uma questão de pensamento. Outra postura masculina muito frequente, é usar o discurso moralista e machista, para disfarçar suas fraquezas, e até mesmo para tirar o foco algumas disfunções sexuais, como, ejaculação precoce e até mesmo a impotência sexual, diminuindo a parceira quando ela tenta introduzir alguma novidade sexual no relacionamento. Ou seja, ele coloca na sua companheira uma responsabilidade maior para fugir dos problemas e disfunções que ele mesmo não quer encarar.

Independente de questões culturais, toda mulher tem o direito de querer de experimentar coisas novas no sexo e de forma alguma isso vai influenciar no seu caráter, muito pelo contrário. Isso só vai reforçar a segurança e o até mesmo o desejo da mulher pelo seu parceiro, já que se ela está se esforçando é para tornar o sexo mais prazeroso para os dois.

Você tem dicas pra transformar um homem em bom de cama?

Nesse texto e no vídeo, eu quis explicar pra você que a performance de um homem bom de cama está 100% ligada a forma com ele pensa. Um homem ruim de cama não está condenado a ser assim pra sempre. É possível trabalhar vários aspectos da vida a dois para aumentar a satisfação no sexo.

 

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: