Saiba como superar uma traição

Saiba como superar uma traição
Avalie esse artigo

Qual mulher nunca se deparou com a infidelidade, mesmo que fosse apenas uma suspeita? A verdade é que a traição existe desde que o casamento foi criado e é muito difícil que qualquer pessoa passe a vida amorosa sem sequer pensar sobre ela.

Mas como você lida com esse assunto tão polêmico e também tratado como um tabu em nossa sociedade? Neste artigo, quero fazer você repensar a infidelidade e também dar algumas dicas para ajudá-la a superar uma traição. Boa leitura!

Depois de sua leitura, espero que consiga ter uma visão mais racional sobre a infidelidade e também possa se recuperar mais facilmente caso sofra alguma traição.

O que é traição e como a infidelidade evoluiu?

Neste artigo, quero fazer você repensar sobre alguns pontos sobre a infidelidade. Para começar, gostaria de dividir alguns paralelos:

  • Antes, monogamia era ter um parceiro por toda a vida. Agora, significa ter um parceiro de cada vez.
  • Antes, casávamos para poder fazer sexo pela primeira vez. Agora, casamos para deixar de fazer sexo com outras pessoas.
  • Monogamia não nasceu baseada no amor, mas para facilitar a divisão da herança, uma vez que todos os pais saberiam quem eram seus filhos legítimos.

Não é interessante percebermos como alguns pensamentos ligados à fidelidade mudaram com o passar do tempo? Nada mais natural que a forma como lidamos com ela mude também de certa forma.

Se pensarmos bem, nunca foi tão fácil trair e esconder uma infidelidade como hoje, ainda mais se considerarmos que a traição não coloca em risco nossa situação econômica como antigamente, mas sim nossa condição emocional.

Trair se tornou mais um dos comportamentos do ser humano em uma era na qual a busca pelo prazer e pela felicidade são prioridades. Todo mundo quer encontrar o prazer, a pessoa perfeita, a maior satisfação. Com isso, as relações perdem espaço diante da vontade do indivíduo.

Basta lembrar que antes as pessoas se divorciavam apenas em último caso, quando estavam muito infelizes. Hoje, o divórcio acontece muitas vezes porque as pessoas apenas querem ser mais felizes.

A traição entra aí também, uma vez que, muitas pessoas, ao não se sentirem mais totalmente felizes em uma relação, ao invés de investir em melhorá-la, buscam um escape abrindo espaço para conhecer outra pessoa. Infelizmente, elas acham mais fácil investir tempo e energia criando uma nova relação do que reforçando as bases de uma já existente.

E uma traição não precisa ser apenas quando alguém comprometido tem relações físicas com outra pessoa. A infidelidade é relativa e depende dos acordos existentes entre cada casal. Por exemplo, quem vive em um relacionamento aberto, considera traição apaixonar-se por outra pessoa. Para outros casais, entretanto, apenas assistir a filmes pornográficos já pode significar um ato de infidelidade.

Com o tempo, o comportamento humano mudou e também a mentalidade sobre muitos pontos em um relacionamento amoroso. Precisamos repensar a infidelidade para entender como reagir da melhor forma quando ela acontecer!

E se houver infidelidade?

Ok, entendemos que a infidelidade hoje faz parte dessa necessidade constante de satisfazermos nossos desejos e vontades, de agradar nosso próprio eu. De qualquer forma, a traição continua sendo a quebra de um contrato e de toda confiança construída dentro de uma relação.

Por isso, muitas leitoras costumam me perguntar: e se houver traição, o que fazer? O fato é que não existe resposta certa, em alguns casos o melhor a fazer é mesmo terminar o relacionamento, em muitos outros, vale a pena dar uma segunda chance ao seu parceiro, entendendo o que o levou a procurar outra pessoa.

Cabe a você – e apenas a você – decidir o que fazer nesses momentos. É bom ouvir conselhos de amigas e de sua família, mas a resolução deste problema ainda deve ser tomada dentro de casa, levando em consideração também o quanto isso afetou você. Lembre-se, quem já traiu uma vez, é muito mais propenso a repetir o comportamento no futuro. Você será capaz de suportar caso aconteça?

Só você pode decidir o que fazer caso descubra que seu parceiro é infiel. Continuar no relacionamento ou terminar de vez deve levar em consideração seus desejos e sentimentos!

Como se curar de uma traição

De qualquer forma, se decidir continuar o relacionamento ou não, ao descobrir a infidelidade de um parceiro, com certeza você passará por um baque em sua vida. Por pior que esteja a relação, no fundo, nenhuma mulher deseja ser traição" rel="nofollow" target="_self" >traída e esta é sempre uma situação muito crítica para a autoconfiança.

Por isso, listei abaixo algumas atitudes que você pode tomar para se recuperar de uma traição. Confira:

  • Encarar os sentimentos: a traição aconteceu, não há como ignorar o fato e fingir que nada aconteceu. Você e seu parceiro devem conversar sobre o assunto, falando como se sentem em relação a ele.
  • Evitar desconfianças: caso continue na relação, não há nada pior do que viver em um clima de desconfiança eterna, perguntando sempre onde ele esteve ou com quem. Em vez disso, experimente explorar conversas que falem sobre sentimentos e significados.
  • Recuperar a autoestima: você é uma mulher maravilhosa, não se esqueça disso! O máximo que pode estar acontecendo é que você precise recuperar sua confiança e mostrar isso ao mundo. Procure atividades que a ajudem nessa descoberta.
  • Não se colocar em papel de vítima: você foi traição" rel="nofollow" target="_self" >traída? Isso acontece! Não precisa ser eternamente a vítima para a sua família e para seus amigos, muito menos para seu parceiro.
  • Pensar no futuro: caso queira continuar na relação ou não, só ficar pensando na traição que aconteceu não a ajuda em nada a ser feliz e a se realizar amorosamente.

Traição tem cura, principalmente se você tomar atitudes positivas depois que descobrir a infidelidade. Se colocar no papel de vítima não a ajuda nem a manter o relacionamento, nem a encontrar a felicidade em uma nova vida como solteira. Pense nisso!

Lembre-se: você é uma mulher bem resolvida!

Quando me perguntam o que eu acho sobre infidelidade, sempre gosto de responder que existem dois lados. Um ruim, que leva à dor e à mágoa, e outro que pode ser encarado como positivo, que é de descoberta e fortalecimento. Isso vale tanto para os relacionamentos que continuam quanto para as mulheres que decidem não tolerar a traição e terminar o namoro ou casamento.

O mais importante que você deve pensar, na verdade, é que você é uma mulher incrível, totalmente capaz de superar uma traição, decida o que decidir em relação ao seu parceiro. Você tem todos os atributos para também buscar a sua felicidade, isso é o fundamental!

 

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: