Será que você sabe dialogar com seu parceiro?

Será que você sabe dialogar com seu parceiro?
Avalie esse artigo

O diálogo no relacionamento é algo tão essencial quanto o próprio amor, para que duas pessoas se compreendam em uma relação e necessária transformar a comunicação em algo cotidiano e fácil de realizar. Em muitos casos onde existe um bom diálogo entre o casal tudo pode mudar quando o outro prejudica a comunicação se impondo demais querendo ter sempre razão sobre tudo.

Ver também: SE VOCÊ AMA DE VERDADE EVITE ESSES 10 COMPORTAMENTOS

Entendendo sobre o diálogo

E bom saber avaliar se você sabe dialogar com seu parceiro com alguns pontos fáceis de reconhecer.

  • Você inicia um diálogo descarregando palavras sem parar?
  • Você deseja sempre ter razão no assunto?
  • Você acumula muita informação e pensamentos negativos?
  • Você respeita as opiniões do seu parceiro?

Primeiramente é necessário iniciar um diálogo para resolver o problema e não causar outro, dependendo da maneira como iniciar a conversa você fazer com que o companheiro se trave e perca totalmente a vontade de expor o que ele realmente está sentindo, é necessário primeiramente que haja espaço para que os dois falem tudo.

E sempre bom você expor sua opinião sobre algo e esperar que o parceiro aponte seu pensamento sobre isso também, você não é obrigada a aceitar o que ele disse, mas precisa respeitar para que continue existindo harmonia.

Existe diferença entre estar certa e ter razão, é muito mais útil tentar manter o equilíbrio no diálogo de que ficar julgando como seu companheiro faz ou deixa de fazer algo, tudo deve ser ouvido para que entrem em um acordo que gere felicidade para ambos.

E bom saber ouvir e não ficar na defensiva esperando um motivo para ter munição para futuramente desencadear um conflito utilize cada diálogo para melhorar a relação e fazer valer as atitudes e não massacrar seu parceiro desvalorizando-o e fazendo o relacionamento ficar cada vez mais difícil.

Guardar mágoa para depois jogar na cara do seu parceiro possa ser algo que o faça recuar aos diálogos, sinceramente não dá pra virar um gravador e guardar tudo pra depois, muitas vezes o companheiro nem se lembra mais daquilo que disse na hora da chateação e você traz de volta e começa uma confusão sem fim, e sempre bom ponderar as palavras a serem usadas em um diálogo elas podem fazer todo o sentido no futuro ou quando estiverem mais calmos.

No diálogo existe a hora de falar e a hora de saber ouvir,quando sentir que vai dizer algo que pode mudar todo o curso da conversa cale-se e respire fundo para depois não se arrepender de palavras ditas

Definir o momento e o local para os diálogos

E essencial saber a hora certa de iniciar um diálogo, pois quando algo está incomodando na relação, muitas pessoas acreditam que dialogar é fazer acusações,travar uma guerra em público ou até mesmo criar tempestade em copo d’água, o diálogo pode ser mais do que uma conversa. Por isso evite fazer isso na frente de outras pessoas para que seu companheiro não fique constrangido em lavar roupa suja mediante platéia.

É importante fazer do diálogo o ponto forte da relação, e necessário saber se expressar e utilizar palavras com cautela foque no autoconhecimento, e na valorização do relacionamento, evite começar a conversa com acusações sempre esteja tranqüila para abordar o assunto e não faça com que o parceiro imagine que coisas piores estão por vir, sempre vá direto ao ponto para que a conversa seja breve e não canse o raciocínio do parceiro.

Quando iniciar um diálogo mantenha o foco naquilo que deseja tratar, não aborde somente os pontos negativos da relação, mas também os positivos, assim o parceiro entenderá que é um diálogo amigável para resolver o que está errado e não causar mais conflitos e problemas.

Para aprender a dialogar com o parceiro, mantenha sempre a educação tome cuidado com as palavras, mantenha o respeito acima de qualquer problema que possa existir entre vocês. Esteja aberta a novas tentativas e sugestões isso faz com que o parceiro se mantenha animado no diálogo e tenha vontade de expressar sua opinião.

Preserve a cumplicidade e a admiração que nos momentos de conflito pode até achar que não existem, mas elas sempre estarão presentes no diálogo. No início de relacionamento às vezes é um pouco difícil aprender a dialogar e a não dizer coisas erradas, mais aos poucos a relação vai ficando mais forte e os dois começam a se compreenderem melhor para saber ultrapassar as barreiras da comunicação.

A forma como você inicia uma conversa, faz com que ela seja bem ou mal recebida saiba como iniciá-la e se caso mesmo depois disso você perceber que nada do que foi dito foi importante para o parceiro, espere que ele exponha seus pensamentos também algumas pessoas necessitam de um pouco mais de tempo para se abrir e dizer o que atrapalha naquele momento.

Não force uma conversa sem que seu companheiro esteja interessado, pois isso será desgastante para você o fará imaginar que você gosta de criar casos com pouca coisa, utilize o carinho para mudar qualquer situação em muitas vezes e necessário sacrificar-se e entender que nem tudo está no momento certo de acontecer, seja forte e espere a hora certa sem se machucar ou machucar o seu companheiro.

O casal pode realizar pequenas tarefas e mudar a questão do diálogo no relacionamento, assumindo que precisam melhorar a comunicação para que haja uma troca mutua de informações e sentimentos, assim será mais fácil aliviar as tensões e preocupações.

Sempre terminem a conversa sabendo que entenderam a mensagem que foi passada pelo outro, evitando interromper para melhor assimilar o que está sendo falado e para que o outro faça o mesmo quando for sua vez de falar, a troca de opiniões pode ser muito construtivos para relação por isso sempre e preciso cuidado com tom de voz. Querer vencer a situação no grito torna-se um tiro no pé defenda sua relação e não a prejudique com a forma de se expressar.

Exercite o diálogo em seu lar

Faça do diálogo algo gostoso de realizar, não o transforme em algo chato e complicado de ser feito. O diálogo é um dos combustíveis do amor.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: