Terminar o relacionamento ou tentar reconquistar?

Terminar o relacionamento ou tentar reconquistar?
Avalie esse artigo

Em algum momento de um relacionamento acaba surgindo aquela duvida: Devo terminar o namoro e deixar ele/ela ir ou tentar de novo? Antes de tomar uma atitude drástica como por um ponto final no relacionamento, várias coisas devem ser pesadas, prós e contras do relacionamento! Você ama seu parceiro (a) mas tem pensado muito se deve terminar ou tentar de novo?

Veja agora razões para terminar e para tentar de novo…
TERMINAR O NAMORO OU TENTAR DE NOVO?

– VOCÊ DEVE TERMINAR O RELACIONAMENTO

Terminar um relacionamento, seja ela longo ou curto não é nada fácil, mas existem algumas situações que se tornam insustentáveis e que levam ao término…
Se você se encaixar em alguma das três situações abaixo, o melhor a fazer é colocar um ponto final nessa relação!

Ver Também: Segredos para não se divorciar e reconquistar seu marido

1 – VOCÊ ESTÁ FICANDO DOENTE

Você vive com gripes e resfriados, ganhou peso, tem desenvolvido problemas gastrointestinais, se sente depressivo (a) ou tem abusado de álcool e remédios?

Talvez você não tenha percebido, mas seu relacionamento está te incomodando. E para fugir desse problema você está descontando no corpo!

Quando um relacionamento não é saudável e não traz felicidade a tendência é que você viva emoções negativas a todo instante… Isso começa a gerar estresse no corpo e consequentemente você começa a desenvolver problemas de saúde!

2 – AS MANIAS DO PARCEIRO (A) SÃO MOTIVO DE BRIGA

Todo mundo têm manias. Inclusive você!
A partir do momento em que as manias do outro tornam-se insuportáveis e inclusive motivo para brigas constantes no relacionamento é hora de pensar em terminar! Pense por que isso te irrita tanto agora e por que você usa isso como um motivo para brigar…

Talvez seja apenas uma desculpa que você está arranjando para não terminar, quando na verdade é o que você quer!

3 – O RELACIONAMENTO TE SUFOCA

Um relacionamento saudável é aquele em que o casal fica junto mas também têm energia par atividades separados, com seus grupos de amigos ou família…

Você se sente sufocado (a) pelo relacionamento, sem tempo ou forças para interagir com outras pessoas?
Sente que está se afastando lentamente das outras pessoas de sua convivência e de hábitos por causa do parceiro (a)?
Em resumo você não está conseguindo ter crescimento pessoal, vivendo apenas para o relacionamento… É hora de colocar um ponto final! Você não pode se tornar dependente da outra pessoa e viver apenas para ela!

– VOCÊ DEVE TENTAR DE NOVO

Alguns problemas de relacionamento podem ser resolvidos com uma boa conversa… Às vezes são pequenos mal entendidos!
Se você se encaixar em alguma das três situações abaixo, você deve tentar salvar seu relacionamento

1 – EXISTE RESPEITO ENTRE VOCÊS

Por mais que brigas e discussões ocorram, ainda existe respeito entre vocês. Vocês conseguem chegar a um consenso, mesmo que isso demore dias e acima de tudo sabem quando recuar e respeitar o espaço um do outro!
As cobranças vêm de ambos os lado e não apenas de um e vocês lidam com isso juntos.

2 – VOCÊS AINDA TÊM BONS MOMENTOS JUNTOS

Apesar das fases ruins, vocês ainda conseguem viver bons momentos juntos…
Vocês saem ou ficam em casa e conseguem se divertir, inclusive depois de pequenas brigas!
Não é apenas uma fachada, vocês realmente resolvem os pequenos problemas e esquecem o que aconteceu quando vão fazer outra coisa… Você não deve desistir disso e sim investir para que as brigas bobas diminuam!

3 – A RELAÇÃO É SAUDÁVEL

Nem você nem o parceiro (a) se sente inferior ou tenta fazer com o que o outro se sinta assim.
Existe sentimentos positivos em relação a pessoa que está com você e é possível nota que isso é recíproco.
Vocês estão de igual para igual, sem que nenhum dos dois queira dominar o relacionamento!

AFINAL, É HORA DE TERMINAR OU INSISTIR EM ALGO QUE PARECE NÃO ESTAR MAIS DANDO CERTO?

Por que as pessoas morrem de medo de ficar sozinhas? Insistem em relacionamentos que não dão mais certo por simples comodismo? Essas são questões interessantes e que sempre me pergunto. Por que alguém se submeteria a algo do tipo? Bem, existem vários motivos. Muitos casais que namoram há anos (ou não, mas que já estão há algum tempo juntos e tem uma boa convivência) vão se desgastando, brigando todos os dias, perdendo o respeito, esgotando o sentimento. E pra quem sabe ler um pingo é letra..

Quando tá assim meu amigo, não adianta insistir. Um exemplo muito claro que eu posso dar é: o cara trai a garota uma vez, ela perdoa, afinal, uma vez só né? Que que custa perdoar.. Ok. Ele trai de novo, ah. Vou perdoar mais uma vez né? Ele a trai com a gorda da sala dele, “ah foi com a gorda feia”.

Ele a trai com a irmã vesga do melhor amigo dele “ah, aquela vesga? Que que tem né?”. Acreditem, as pessoas chegam a esse ponto. Elas não sabem mensurar o valor que o respeito possui, respeito é tudo na vida. Se você está ao lado de uma pessoa que nem ao menos te respeita, então me diz, o que ela faz por você? Companhia. Só.

Não devemos ter medo de ficarmos sozinhas, nunca. Somos completas e não precisamos de metades podres nos acompanhando por aí. Sabe aquele seu namorado que não te dá valor, que te xinga, te trata mal, te chama de vagabunda nos momentos de raiva, te trai com a vizinha e ainda tem coragem de dizer que ficou com ela mas é você que ele ama? Larga dele garota! Homem não falta no mundo e sem essa de que todos são iguais.

Não são mesmo! Existem homens incríveis por aí que sabem dar o devido valor a uma mulher, o devido respeito. Só que se você se prender a alguém, esse homem incrível pode nunca chegar. Mulheres são delicadas demais, palavras grosseiras nunca deveriam ser usadas contra nós.

Nunca! Eu não admito que um homem fale alto comigo ou que me xingue (do tipo: ”vai tomar no cu”). Fui muito bem criada pelos meus pais para aceitar homens me tratando como uma qualquer, eu não sou uma qualquer. Pensem na tristeza que é você criar uma filha com amor e carinho pra que um idiotazinho qualquer a esnobe e a humilhe do jeito que muitas garotas se sujeitam? É de partir o coração. Precisamos de mais amor próprio, daquele de bater no peito e dizer “Eu me amo, eu me idolatro e ninguém tem o direito de me tratar mal.” Felicidade não é sinônimo de estar em um relacionamento sério.

As vezes acho que as pessoas esquecem disso..

Sei que muitas tem aquela insegurança em largar do namoradinho de infância e nunca mais achar alguém como ele. Meu bem, alguém como ele você não vai achar mesmo. Porque idiota assim tá pra nascer outro! Se desprenda das lembranças boas onde tudo era um arco-íris, elas já passaram. As pessoas mudam, infelizmente. E sinto em dizer mas na maioria das vezes pra pior! Então esquece que um dia ele levou um bouquet de rosas na sua casa e disse que te amava, porque hoje em dia ele mal te liga e some nos sábados a noite. Esquece das noites em que ele dizia que você era única, porque hoje em dia ele diz isso pra todas.

Esquece das vezes em que ele te prometia que nunca mais iria acontecer, porque isso já virou costume. Se prender a alguém que não está preso a você é o maior erro que alguém pode cometer. Não tenha medo de terminar etapas, e sim de nunca começar novas.

Desapega, esquece, joga fora todos esses anos (perdidos). Bola pra frente, cabeça erguida, sempre atrás da sua felicidade e daquilo que te merece. Tome a decisão certa pra sua vida: valorizar quem te valoriza. Não adianta tentar consertar alguém que não quer ser consertado. Querem saber de um segredo?

Uma pessoa que faz uma vez não necessariamente faz duas vezes. Mas uma pessoa que faz uma vez e é perdoada, essa sim fará quantas vezes for preciso. Então se você já perdoou, passou por cima, “esqueceu”, saiba que isso é um ciclo vicioso que não acaba nunca!

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: