Traição virtual, como lidar com isso?

Traição virtual, como lidar com isso?
Avalie esse artigo

A internet é, atualmente, quase um universo paralelo àquele no qual vivemos nossas vidas reais. O advento das redes sociais e ferramentas de comunicação online possibilitou a ampliação da rede de contatos a que temos acesso. Mas, embora as maravilhas da internet sejam bastante aplaudidas, essas formas variadas de interação social pode gerar alguns transtornos, antes inexistentes.

Os relacionamentos, em particular, são muito vulneráveis aos efeitos das redes sociais. Quase todo mundo conhece alguém que já discutiu por um comentário, uma foto ou uma conversa virtual; na verdade, quase toda pessoa que utiliza regularmente a internet já passou por essa situação com seu parceiro. Mas as “traições” cometidas de maneira virtual devem ser encaradas como um problema real na relação?

Ver Também: Ele se arrependeu da traição: devo voltar?

Por que é tão difícil separar a vida real da virtual?

Ao montar um perfil em uma rede social, por exemplo, você abre uma janela de comunicação com o resto do mundo. Por essa janela, entretanto, o resto do mundo também passa a ter acesso a muitas informações e dados pessoais a seu respeito, o que pode se tornar inconveniente à medida que sua privacidade perde espaço para esse compartilhamento desenfreado.

A utilização da internet se funde tão profundamente ao cotidiano das pessoas que, em um determinado momento, elas passam a depender dessa ferramenta para a maioria das tarefas que precisam realizar. Nesse ponto, é comum confundir os limites da vida virtual com a vida real, não mais distinguindo o que deve ser exposto na rede do que deve permanecer privado.

A traição via internet é diferente da traição “real”?

Para que um relacionamento funcione adequadamente, é necessário que ele esteja pautado sobre alguns pontos fundamentais: a confiança, o companheirismo, o amor e, principalmente, o respeito pelo parceiro. Esses valores regem as relações em geral e devem ser levados em conta antes de qualquer decisão capaz de afetar o curso do relacionamento.

Quando você decide flertar com aquele gato do escritório, quer seja fisicamente, quer seja pela internet, é importante entender que esse tipo de atitude representa, sim, uma falta de respeito para com seu parceiro, uma vez que abre espaço para que uma relação extraconjugal venha, efetivamente, a acontecer.

Uma boa maneira de saber se a “ traição” é ou não é prejudicial ao relacionamento, é inverter os papéis dos parceiros. Pergunte a si mesma como se sentiria se fosse ele a manter relações virtuais com outras mulheres. Você, provavelmente, se incomodaria com a situação e não a aceitaria, ainda que os dois jamais viessem a ter contato físico, de fato. Por isso, na internet, como no mundo real, vale a máxima do “não faça com o outro o que você não gostaria que ele fizesse com você”.

Como lidar com a traição virtual, caso ela ocorra?

Do mesmo modo que você, seu companheiro também está exposto a diversas oportunidades de relações virtuais. Caso você note algum comportamento nesse sentido por parte do cara, nem pense em dar uma de Sherlock: invadir contas ou usar senhas pessoais para “xeretar” a vida do rapaz, além de ser crime, é uma atitude infantil e desnecessária.

Opte por um diálogo aberto com ele sobre as suas desconfianças. Explicar os motivos da sua insegurança e estar aberta para ouvir o que ele tem a dizer a respeito são formas maduras de lidar com a situação desagradável. Caso você considere que as atitudes dele configuram, de fato, um tipo de traição, é preciso reavaliar o relacionamento antes de tomar qualquer decisão.

Em muitos casos, quando a confiança é quebrada, terminar é a melhor maneira de evitar que ambos se machuquem ainda mais.

Acima de tudo, cada um tem uma maneira de enxergar as coisas. Uma conversa que, para ele, parece inocente, para você pode trazer um milhão de significados ocultos. Por isso a conversa é a melhor opção.

Dicas para lidar com uma traição virtual

Você descobriu que seu marido manda mensagens para outras mulheres pela internet e está se sentindo traição" rel="nofollow" target="_self" >traída; no entanto, ele alega que é apenas uma brincadeira e que você está dramatizando. Como agir?
Observe as seguintes dicas:

1- Coloque as ideias em ordem

Antes de qualquer coisa você precisa cuidar de você mesmo e acalmar as emoções, porque precisará de muito equilíbrio para resolver essa questão.

2- Decida quais são os seus limites

Você precisa definir o que aceita ou não, pense no que é negociável, assim você terá mais chance de ser objetiva quanto a questão.

3- Converse com seu marido

Procure não discutir, mas esclareça os seus pensamentos e exponha sobre o que é limite para você. Pergunte mais do que afirme; isso fará com que ele reflita sobre os próprios atos e não se esquive. Lembre-se que deve ser uma conversa madura, procure não perder o foco.

4- Esclareça os pontos

É importante que você tente compreender seu marido. Leve em consideração que muitas pessoas acreditam que não havendo contato físico, não é traição. Nesse caso proponha algumas reflexões:

• Pergunte a ele por que então fazia escondido? Sendo apenas uma brincadeira, por que você não podia saber? Deixe que ele reflita sobre o sigilo e a quebra de confiança.

• Peça para ele se colocar no seu lugar e então pergunte se ele não se incomodaria.

5- Não queira resolver tudo de uma vez

Por mais que você seja tentada a colocar ponto final na questão, tentar resolver tudo de uma vez pode não ser uma boa ideia. Procure deixar que ele pense sobre o que conversaram, deixe no ar que terão mais coisas a tratar. Aproveite o tempo para se preparar para uma nova conversa.

6- Pergunte o que ele tem a dizer

Numa próxima conversa peça para ele falar e ouça mais do que fale, mesmo que doa muito, tente manter a atenção. Pergunte o que ele tem a dizer sobre a conversa que tiveram.

7- Tenha atitudes positivas

Mantenha a conversa no foco, cuidado para ele não divagar na tentativa de mudar de assunto, seja positiva e volte ao assunto que precisa ser tratado.

8- Não se deixe levar

Lembre-se que você se preparou para essa conversa e deve direcioná-la. Caso ele queira brigar, usar palavras agressivas ou mudar as coisas acusando você; termine a conversa e diga que falarão quando ele estiver mais calmo. Não aceite que ele conduza a situação.

9- Você também precisa rever a situação

Algumas coisas precisam ser revistas no relacionamento de vocês, claro que nada justifica a traição, nem mesmo a virtual, mas é bem provável que você encontre formas de melhorar o relacionamento.

10- Decida com discernimento

Por um lado não é recomendável resolver tudo numa conversa, por outro o assunto não pode se estender muito. Então você terá que decidir-se e cobrar dele um fim para essa situação.
É importante não desconsiderar a necessidade de procurar ajuda profissional caso seu marido não mude de atitude.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: