TRUQUE PARA FAZER QUALQUER BATOM FICAR BOM

TRUQUE PARA FAZER QUALQUER BATOM FICAR BOM
Avalie esse artigo

Nada mais comum no universo feminino do que mulheres procurarem inspirações nas tendenciais mundiais de moda, maquiagem, cores, estilos. Tudo que de alguma maneira virou moda, veio através dos desfiles de alta costura ou personalidades da televisão.

O batom é um grande exemplo disso. Geralmente são as novelas e fotos de tapete vermelho que explodem uma cor ou marca específica de batom que faz todo mundo comprar igual.

Quem não lembra que em 2014 o batomFlat Out Fabulous da MAC fez o maior sucesso depois de ser usado pela atriz Bruna Marquezine em um programava de televisão? Ou que em 2010 o Please Me da MAC virou febre depois de ser usado por uma das personagens?

Ver também: O QUE VOCÊ NÃO SABIA QUE PODIA FAZER COM CORRETIVO

Esses são só alguns dos exemplos de batons que tiveram seu sucesso na televisão e que fez com que esgotassem rapidamente das prateleiras das principais lojas, muitos ainda são clássicos e queridinhos das amantes de batom e maquiagem. O Ruby Woo, também da MAC, é outro exemplo de batom famoso graças a estrelas internacionais e nacionais, que fizeram ser o batom mais vendido no Brasil da marca.

O problema acontece quando compramos esses batons que olhamos e invejamos nas famosas e na hora de passar no nosso lábio o resultado não é o esperado. Isso pode acontecer por inúmeras razões, desde as mais naturais e incontroláveis como a diferença de tom de pele de uma pessoa para outra até as técnicas diferentes de aplicação.

Se na boca de uma famosa o batom foi aplicado por cima de um lápis o resultado com certeza será diferente do de quem aplicou o batom direto da bala na boca. Até a hidratação da pele dos seus lábios influencia no resultado.

Ruby Woo é um batom que apesar de extremamente famoso e queridinho do Brasil, é motivo de problema para muitas pessoas, justamente pelo produto ser extremamente seco e não comportar em lábios ressecados sem a devida preparação.

Para não ser surpreendida com esses problemas e não se decepcionar com o batom, vamos ensinar alguns truques e técnicas para preparar seu lábio e passar o produto corretamente para que o resultado fique o mais próximo possível do tom de batom que está na bala.

Muitas vezes a forma de aplicar faz toda a diferença no resultado final. Fique atenta as dicas e teste novamente seguindo os truques aquele batom que você não curtiu muito quando usou na primeira vez.

Hidratação:

Assim como a pele do rosto, a hidratação dos lábios é o ponto de partida para um resultado bonito e satisfatório. A primeira vista pode parecer uma etapa dispensável, mas quando você se deparar com um batom ultra matte, como é o caso do Ruby Woo e vários outros, uma boca bem hidratada com certeza vai fazer toda a diferença.

Lábios bem hidratados garantem um resultado sem rachadura ou acumulo de produto nas partes mais secas dos lábios, além de evitar com que o batom esfarele na boca. Uma textura ultra seca em uma boca tão seca quanto vai criar atrito entre a camada do produto e a camada de pele rachada da sua boca, fazendo o produto esfarelar e craquelar.

O hidratante também vai facilitar para que o batom seco deslize mais facilmente pelos lábios e deixar a boca uniforme para que a cor e o produto sejam distribuídos igualmente em toda a boca.

É importante ter na bolsa um lipbalm ou qualquer outro hidratante e passar sempre que lembrar, no inverno a recorrência tem que ser ainda maior, pois os lábios sofrem mais com os ventos gelados e secos.

Esfoliação:

A esfoliação é uma etapa complementar, na verdade anterior, à hidratação, principalmente em lábios que estão extremamente secos. Essa etapa pode ser feita sempre que você tiver um evento e for usar um batom de cor intensa e com acabamento matte. Em lábios que não sofrem tanto de ressecamento um cotonete molhado sendo friccionado e esfregado nos lábios já vai deixar a pele da boca macia para receber o batom.

Quem sofre com um maior ressecamento deve incluir na rotina esfoliantes específicos para os lábios ou uma mistura de açúcar e mel para que os grãos removam todas as impurezas e células mortas, o que resulta em lábios viçosos sem o risco de que o batom esfarele na boca. Esses cuidados precisam ser feitos rotineiramente, pelo menos uma vez por semana para um resultado mais eficaz e duradouro.

Corretivo:

Esse o truque que vai deixar a cor dos seus lábios igual a cor da bala do produto. Essa etapa é necessária pois nossa boca possui uma tom diferente do resto do rosto. Algumas pessoas tem um tom natural mais avermelhado, rosado, amarelado e até amarronzado.

O batom aplicado diretamente sobre esse tom de cor – mesmo um tom natural da pele – causa um resultado diferente, pois ainda que não seja proposital, ocorre uma mistura de cores, da bala e da sua boca.

Aplicando uma camada de corretivo do tom da sua pele do rosto, a cor natural dos seus lábios será neutralizada, aí sim a cor real do batom vai ser a cor da sua boca. Esse é um dos maiores erros quando alguém reclama da diferença de tonalidade.

Mas vale lembrar que fatores como luz ambiente e uma foto com ou sem flash também tem influencia nas nuances e tonalidades. E o tom da pele também dá um contraste que pode mudar o efeito da cor de uma pessoa para outra.

Lápis:

O uso de um lápis para contorno e para criar uma base de cor também é importante para um melhor resultado. O contorno permite criar uma barreira e evita o batom de borra ou derreter.

O lápis no centro dos lábios cria uma camada de cor importante para garantir a uniformidade da cor do batom nos lábios, essa base vai cobrir todas as possíveis imperfeições para ajudar a fixar melhor a cor do batom.

Essa base pode ser feita com um produto cor de boca ou um lápis no mesmo tom do batom que será usado. Se atente ao tom, pois em batons escuros um tom muito diferente pode resultar em um resultado diferente.

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: