Veja 8 princípios para o sucesso de seu casamento e para reconquistar o seu parceiro (IMPERDÍVEL)

Veja 8 princípios para o sucesso de seu casamento e para reconquistar o seu parceiro (IMPERDÍVEL)
Avalie esse artigo

Para os mais pessimistas, conseguir um casamento plenamente feliz é uma tarefa impossível. Os índices de divórcio ou de relacionamentos infelizes ou só de fachada são cada vez mais alarmantes. Mas será que podemos reverter as estatísticas e reconquistarmos nosso amor? Claro que sim!

O matrimônio, embora seja um tipo de relação estável, está em constante renovação. Afinal, somos seres humanos que aprendem e evoluem com o passar dos anos. Convenhamos que seria até mesmo ilógico esperar que as coisas permanecessem estáticas.

Quando a paixonite passa e a rotina chega, o que vai ficar é o sentimento genuíno que fez com que o casal se unisse. Compartilhar uma vida juntos não é tarefa simples, mas é muito recompensadora.

Se você quer melhorar sua relação e reconquistar seu parceiro, não permitindo que o sentimento entre vocês esfrie, veio ao lugar certo. Preparamos uma lista de princípios básicos para o sucesso e durabilidade do seu casamento. Leia com atenção e tome nota!

 

1. Use e abuse do diálogo, mas comunique-se com amor

 

A famigerada “DR” (discutir a relação) é muito criticada em brincadeiras. Contudo, na realidade, essa atitude é essencial para um casal de sucesso.

Não podemos deixar as coisas que nos incomodam debaixo do tapete, é preciso dialogar sobre elas. Uma ferida que está aberta, se não for tratada, só tente a piorar com o tempo. O casal precisa conversar até encontrar uma solução para os problemas que os afetam.

O segredo é filtrar nossas palavras e tentar fazer um exercício de auto-observação. Tente se imaginar ouvindo você mesma falando ou simplesmente se observe na frente do espelho, simulando uma conversa. É primordial que sua postura seja amena e não agressiva.

Agredir a outra pessoa com palavras machuca também. Ainda que as coisas mais duras precisem ser ditas, procure fazer isso com amor ou ao menos com calma.

 

2. Levante a autoestima do seu parceiro

 

Quem é que não se sente valorizado quando recebe um elogio, não é mesmo? Levante a autoestima do seu marido e fale as coisas que você mais gosta nele.

Esse tipo de princípio é estratégico para que vocês se aproximem e sinta-se felizes na relação. Ele vai, provavelmente, devolver na mesma moeda – o que é ótimo!

 

3. Procure atender aos anseios dele

 

O casamento é uma troca constante. Se ele pediu algo para você, procure atendê-lo. É claro que não devemos nos sujeitar à qualquer coisa pra agradar, mas não custa nada dar uma de “Jeannie é um gênio” e surpreender.

Isso vale tanto para as atividades simples do dia a dia, para uma comidinha especial ou até mesmo para desejos sexuais. Ainda que a libido feminina passe por altos e baixos devido ao ciclo menstrual e alterações hormonais, não podemos inventar desculpas para não transar o tempo todo.

Eventualmente, não estamos mesmo dispostas e não há nenhum mal nisso. Só tome cuidado para que isso não venha a se transformar em um hábito. Seu marido vai ficar muito decepcionado.

Lembre-se que o sexo no casamento tem muito mais qualidade do que quando somos solteiros e estamos apenas azarando. Vocês dois se conhecem muito bem e tem toda a liberdade para dizer o que gostam ou não. Usufruam disso e sejam mais felizes!

 

4. Não resgate coisas ruins do passado e saiba relevar

 

Se tem uma coisa que irrita qualquer homem (ou mulher) é quando são resgatadas coisas ruins do passado somente para serem “jogadas na cara”. Precisamos aprender a lidar com as coisas separadamente e relevar o que já foi resolvido.

Além do mais, existem coisas que nem vale a pena o tempo e o desgaste da discussão. Simplesmente respire, conte até dez e se conscientize que não somos perfeitos. Há manias e pequenos defeitos que fazem parte da nossa personalidade e da do nosso cônjuge também.

 

5. Evite responder de maneira atravessada

 

Evitar brigas é um excelente primeiro passo, mas trocar elas por respostas ou olhares atravessados não adianta nada. Novamente, vale a pena frisar a necessidade daquele exercício de se auto observar e para não sermos o tipo de pessoa que detestamos.

 

6. Cuide de si mesma e invista na sua autoestima

 

Manter o clima de conquista continuamente é mais simples do que se imagina. A começar pela nossa aparência e autoestima. Casamento não é uma licença para ficarmos totalmente desligadas com a maneira como nos apresentamos diante da pessoa amada.

Arrume-se para seu marido e para você mesma. Sinta-se poderosa do jeito que você é ao natural, mas enalteça seus atributos. Jamais se deprecie e fique desleixada, esse é um ciclo vicioso que só tende a piorar.

 

 

7. Não faça comentários ofensivos, nem de brincadeira

 

Cuidado com a maneira como você fala sobre o seu marido. Seja com ele, com familiares, com amigos ou mesmo com estranhos – não faça comentários ofensivos nem fale mal dele.

Expor as falhas e as fraquezas dele de maneira errônea pode arruinar o vínculo de confiança que existe entre vocês. Faça uso da sua empatia e modere até mesmo suas brincadeiras.

 

8. Use o “seu jeitinho”

 

Não existe uma esposa perfeita, assim como não há um marido perfeito também. Mas toda mulher tem um jeitinho peculiar que foi exatamente o que conquistou o amor de seu cônjuge.

Procure aplicar aquelas técnicas femininas que deixam seu homem caidinho por você. O jogo da sedução é divertido, por que não brincar ele? Isso é benéfico para ambos e traz uma certa ludicidade para o dia a dia do casal.

Olhares sedutores, brincadeirinhas com segundas intenções, um pouquinho de dengo e meiguices. Saiba usar suas melhores táticas na medida certa e a seu favor. Seu marido vai adorar e você perceberá que vale a pena.

 

Essas foram as dicas de hoje. Se você curtiu ou acha que esquecemos de mencionar algum item essencial, use a área dos comentários para expressar o seu ponto de vista. Nós nos vemos novamente em breve, até a próxima!

 

Clique Aqui para Deixar um Comentário Abaixo 0 comentários

Deixe uma Resposta: